(none)

Como venci as cinco amantes do meu namorado

Elas até tentam fisgar o meu homem, mas eu sempre venço. Uma por uma!

Publicado em 26/08/2009

Ricardo Régener

Conteúdo SOU MAIS EU!
Ilustração: Estúdio 3

Se alguma outra mulher resolver dar em cima 
dele, eu estou pronta pra tirá- la do páreo!
Ilustração: Estúdio 3

Eu e o meu namorado moramos juntos há sete anos, e ele já teve cinco amantes! Poderia ter desistido dele, mas penso como a Melissa, da novela Caminho das Índias: o importante é espantar a amante, e não o marido.

Sei que ele é irresistível

O André era motorista do ônibus que eu pegava para voltar do trabalho. Eu sentava bem perto dele e a gente ficava se paquerando pelo espelho retrovisor. Em um mês já estávamos saindo. A gente se encontrava escondido, afinal, nós dois namorávamos. Demorou alguns meses pra terminarmos nossos antigos relacionamentos.

Com menos de um ano de namoro, descobri que ele tinha uma amante. Também... que mulher não vai se apaixonar por um homem lindo e cheiroso daqueles, né? Mas não desisti do André. Tirei uma por uma das malandras que apareceram.

Depois da quinta amante, o André deixou a profissão de motorista e não apareceu com mais nenhuma. Venci a guerra: ele decidiu ficar só comigo. Mas se alguma outra mulher resolver dar em cima dele, eu estou pronta pra tirá- la do páreo. E aí, vai encarar?

A primeira amante: fiquei amiga dela

Se você não pode destruir a inimiga, junte-se a ela. Essa foi a tática que apliquei na primeira.

Percebi que aquela mulher vivia de conversa com meu namorado no ônibus. Mas foi a minha irmã quem descobriu tudo e me contou o ponto em que a moça descia. Desci naquele ponto e achei a casa dela.

Quando a encontrei, ela abriu o jogo e até disse que o André falava muito de mim. Passamos a tarde conversando. Convenci a mulher a desistir do meu homem e combinamos de desmascarar o André: ela o chamou pra ir na casa dela numa hora em que eu estaria lá. Flagrado, ele desistiu desse caso, e eu ganhei uma amiga tão fiel que até denunciou pra mim a segunda amante: uma balconista de uma casa de shows do bairro.

A segunda: provoquei ciúme

Me convidei para ir com o André na casa de shows onde ela trabalhava. Dei uma olhadinha com desprezo pra sirigaita e fiz questão de mostrar que estava com ele.

Agarrei o André, beijei-o e dancei juntinho o tempo todo, só pra ela ver quem era a dona do pedaço. Todas as amigas dela viram, e ela ficou tão humilhada que acabou com o caso.

A terceira: dei uma de psicóloga

Essa eu mesma vi num dia em que peguei o ônibus com ele. Ela ficou toda assanhada pra cima do André. Fui investigar e descobri que eles estavam saindo.

Peguei o ônibus no mesmo horário que a moça, sentei ao lado dela e tive uma conversa profunda. Mostrei que ela não era mulher pra ele. Ela percebeu que eu não iria dar mole e desistiu do meu homem.

A quarta: fiz um escândalo daqueles

Sou uma pessoa extremamente educada, até mesmo com as amantes do meu marido. Essa mulher ficava ameaçando cair no colo dele toda vez que o ônibus freava bruscamente, toda cheia de segundas intenções.

O André ficou sem graça e não contou a ela que me namorava: ''Essa é a Cristina, minha passageira''. Eu logo me impus: ''Quem é passageira aqui é você, minha querida, eu sou a eterna! Ele pode até querer fazer sexo com você, mas é só a mim que ele ama''.

Ela ficou muito assustada e resolveu largar meu homem. Pra não ficar sem ninguém, a atrevidinha começou a sair com o cobrador. Essa foi a mais difícil. Descobri por uma mensagem de celular. Tive de apelar pro meu armamento pesado, porque ele chegou a alugar um apartamento para ela.

Com a ajuda da ex-amante amiga, descobri onde essa morava e fui lá tirar satisfações. Tive sorte: invadi o quarto dela e flagrei meu namorado na cama! Chegamos a nos separar por causa dela, mas eu não daria esse troféu a uma amante. Se não ficasse com ele por amor, ficaria por orgulho.

Aluguei um apartamento no mesmo prédio que ela para persegui-los. O André não aguentou de saudade e resolveu voltar pra mim.

A mulherzinha se mudou de prédio e eu passei a prendê-lo nos finais de semana pra ele não se encontrar mais com ela.

A quinta: prendi o André em casa

Essa foi a mais difícil. Descobri por uma mensagem de celular. Tive de apelar pro meu armamento pesado, porque ele chegou a alugar um apartamento para ela.

Com a ajuda da ex-amante amiga, descobri onde essa morava e fui lá tirar satisfações. Tive sorte: invadi o quarto dela e flagrei meu namorado na cama! Chegamos a nos separar por causa dela, mas eu não daria esse troféu a uma amante. Se não ficasse com ele por amor, ficaria por orgulho.

Aluguei um apartamento no mesmo prédio que ela para persegui-los. O André não aguentou de saudade e resolveu voltar pra mim.

A mulherzinha se mudou de prédio e eu passei a prendê-lo nos finais de semana pra ele não se encontrar mais com ela.

''Eu inventava várias mentiras, mas ela sempre descobria''

André Luiz de Medeiros, 38 anos, o namorado da Cristina

'''Aparecia cada mulherão no ônibus... Tinha dia em que eu chegava a me encontrar com duas. Fazia de tudo pra Cristina não descobrir. Inventava todas as mentiras que conseguia, mas não tinha jeito: a Cristina sempre descobria e tirava a concorrente do caminho. A confusão de amantes ficou tão grande que eu me vi obrigado a escolher uma mulher só. Escolhi a Cristina porque ela sempre perdoou as minhas traições. Ela ganhou o meu coração por causa disso. Estou decidido: sou só da Cristina e não largo essa por mais ninguém.''

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Aclecia - passo pelo mesmo problema , e por incrivel q pareça se chama André também, estou prestes a dar o braço a torcer e pular fora desse barco, pq ja n tenho forças p lutar por este relacionamento, q so eu m sacrifico... - 28/11/2013 22:11:49

Ana - Indignada!!Se é comigo,não tem perdão,se um não quer dois não briga...Não tenho paciência com homens desse tipo,affs. - 08/05/2013 13:14:03

Sandra - Cristina, meu marido so tem uma e tá dificil tira-la. a piriguete é louca por ele e eu deixei passar muito tempo. ela é uma ex antes do nosso casamento, e parece q eles tem contado so por fone, email, mensagem, msn, mas ele vivia grudado no celular até pra tomar banho. mas sempre descobria lia a mensagems de amor e safadeza q eles trocavam. um dia falei vou virar o jogo. pedir q ele a convidasse para sairmos juntos, mentir que tinha uma fantasia de ficar c ele e outra, ele ficou todo animadinho. acontece que eu ja havia enviado mensagens a ela, do celular dele, me fazendo passar por ele, que tinha loucura de ficar com ela e minha esposinha, enviava mensagem tipo as 23horas dizendo "Tô tranzando gostoso com minha mulher agora, seria muit bom se estivesse aqui".ela nunca respondeu as msg. Eles se falavam todo dia, so sei que ela parou de mandar mensagem e ligar, acho que ficou morrendo de ódio ou ciúmes de imaginar que meu marido só queria sexo com ela. - 09/04/2013 01:17:07

Ana - Querida, se ele já fez isso tantas vezes, ele vale mesmo a pena? Vc acha que isso é amor? - 28/01/2013 00:07:35

Gina - Se ele já te traiu com 5, vai te trair com mais 50. Esse negócio de falar que agora é fiel é pura balela! - 18/12/2012 14:11:06

Gina - Credo, eu não me desgastaria tanto. Será se esse homem vale a pena assim... aff - 18/12/2012 14:09:25

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.