Seu namorado te faz mal? Saiba como dar limites a ele

Desvendamos cinco tipos bem comuns de namorados-problema e ensinamos dicas para botá-los na linha

Publicado em 20/08/2010

Paula Brandão Sereno

Getty Images

Se o seu namorado te critica, faça um elogio logo em seguida. Assim você o desarma e ele passará a querer agradá-la!
Foto: Getty Images

Ele é carinhoso, mas adora transformá-la em motivo de piada. Diz que está apaixonado, mas faz questão de jogar na sua cara o fora que você deu em uma festa. Como aturar um homem assim? Acredite: quem se prende a um cara desses tende inclusive a defendê-lo, dizendo que a lista de qualidades é maior do que qualquer defeitinho... 

Calma, não é que ele tenha feito lavagem cerebral na sua cúmplice. Apenas é mestre em suprir uma carência, valendo-se disso para pecar em outros setores. ''Sabendo as fraquezas da namorada, atende às expectativas e ganha confiança. Depois, sente-se livre para assediá-la moralmente'', conta Lana Harari, psicóloga e terapeuta de casais. A situação é comum com garotas que cresceram vendo o pai trair a mãe e, por isso, aceitam se relacionar com um ogro - contanto que ele jure fidelidade. ''Ela se acomoda em relacionamentos abusivos e ainda acha que tem sorte por não estar com um traidor.''

Mas o que motiva um homem a se aproveitar da fragilidade da parceira? ''A criação, os valores que recebeu e o jeito como percebe a figura feminina são determinantes para explicar tal comportamento'', revela a terapeuta de casais Margareth dos Reis. Se, por exemplo, sua sogra passou anos dizendo que ninguém era tão especial quanto ele, diminuir você pode ser o jeito de provar que ela estava certa. E o que leva algumas mulheres a se sujeitar a um namorado do mal? Um motivo recorrente é o medo de ficar sozinha - como se fosse pior do que mal-acompanhada. Em alguns casos, o grau de maldade é tão alto que a única saída é expulsar o vilão do seu castelo. Em outros, dá, sim, para resgatar esse príncipe do lado negro da força. Você vai saber como cinco tipos bem comuns de homens tóxicos se comportam e o antídoto certo para curá-los. 

1. Ele detona seu visual
Como se comporta: Detesta suas roupas, alfineta a cor do seu cabelo, diz que você precisa se matricular na academia sempre que a vê nua... 

2. Ele dá lição de moral e etiqueta em público
Como se comporta : Vive chamando a sua atenção pelo jeito como se porta na mesa, pelos assuntos que conversa etc. E não se importa se outra pessoa ouvir os comentários. 

Vire o jogo: Provavelmente, durante a infância seu amor foi corrigido diversas vezes de forma humilhante e, por isso, prefere apontar defeitos em você antes que reparem nos dele. Da próxima vez que seu querido quiser bancar o rei da etiqueta, pergunte aos amigos o que os deixa mais constrangidos: a forma como você se senta ou uma briga pública causada pela mania irritante de corrigi-la. Mais tarde, investigue como o namorado se sentiu ao ser exposto tão duramente. A gerente de loja Catarina Castanho, 31 anos, usou essa estratégia. ''Quando saíamos com os colegas dele, Jonas sempre soltava comentários maldosos, do tipo ‘Isso é jeito de uma moça se apresentar?’ Um dia, revidei, dizendo que, se ele não me queria, tinha uma lista enorme de pretendentes esperando. Todo mundo riu e o Mr. Crítico aprendeu a lição'', conta. 

3. Ele adora competir com você
Como se comporta: Prega que tem o melhor trabalho, ganha mais, é o mais bonito. E ai de quem questioná-lo. 

Vire o jogo: Esse homem deve estar tão pouco convencido da própria capacidade que desenvolveu compulsão por competir. Algumas famílias fazem pressão para que o menino queira vencer sempre e, assim, ele pode não entender o conceito de parceria. Estimule-o a abandonar esse hábito programando atividades em que precise trabalhar em equipe. Escolha desafios à altura do seu espírito competitivo, como rafting ou escaladas. Esportes em que um depende do outro a incluem nas vitórias, e você deixa de ser vista como adversária. 

4. Ele transforma você em motivo de piada 
Como se comporta: Quando menos percebe, o lindo já contou o fora que você deu naquela festa superchique ou o comentário sem noção que soltou em uma reunião de família. E pior: dá gargalhadas. 

Vire o jogo: Seu namorado almeja ser um sujeito popular. Quando debochar de suas mancadas, emende algo como ''Pior foi ele que, em vez de me ajudar, ficou rindo''. Em casa, enumere as bolas foras que o moço já deu e lembre que não gostaria de vê-las transformadas em piada. A secretária Tathiane Dias, 33 anos, fez isso. ''Meu amor contou que eu escondia fotos de quando era gordinha. Em outro momento, quando percebi que tocaria no assunto, ameacei revelar o que ele fala dormindo - e chama pela ‘mamãe’. Meu querido se calou na hora.'' 

5. Ele é deprimido e quer levar você para baixo
Como se comporta: Vive arrumando desculpas para não sair e, quando você se nega a ficar em casa com ele, sempre dá um jeito de fazê-la se sentir culpada. 

Vire o jogo: Tente estimulá-lo a resgatar hábitos de que costumava gostar, como andar de bicicleta no parque ou pegar a última sessão do cinema. E, quando precisar sair sem ele, não deixe o drama atingi-la. Explique que namorá-lo não implica desistir de todos os outros vínculos que construiu com amigos e parentes. O ânimo do rapaz continua lá embaixo? Talvez seja melhor consultar um especialista em depressão quanto antes.

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

ADriana - Materiazinha muito sem no¿¿o. - 14/09/2010 15:29:55

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.