nao

Descubra como aumentar a sua fome sexual

O motivo para a diminuição do desejo pode ser fisiológico ou psicológico

Publicado em 30/11/2010

Belisa Rotondi

Conteúdo VIVA!MAIS
Casal se beijando

Beijos e fantasias turbinam o tesão
Foto: Getty Images

A libido anda em baixa? Não se preocupe: atitudes diárias bem simples de seguir farão você recuperar a intensidade do desejo.

Por que o tesão diminui?

O motivo é orgânico ou emocional. No primeiro caso, doenças como diabetes, hipertensão e hipotireoidismo podem reduzir seu apetite sexual, assim como alcoolismo e medicamentos antidepressivos, que mexem com a libido. Quanto às causas emocionais, o leque de possibilidades é mais amplo - engloba infi delidade, brigas e discussões com o parceiro, estresse e outros problemas que tiram seu foco da sexualidade.

Você não é a única!

Segundo a ginecologista Elsa Gay, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Mecidina da USP, 65% das pacientes que buscam o atendimento reclamam da falta de tesão. “E não somente essa baixa de desejo incomoda, mas também a ausência de fantasia sexual”, garante ela. Ainda de acordo com dados coletados pela médica, 22% das mulheres que procuram a área ginecológica do hospital sofrem com a diminuição do orgasmo e 12% enfrentam dificuldades na penetração.

As soluções

Se a causa é fisiológica, procure um ginecologista. Mas se for emocional...

. Se você não sente desejo algum e evita qualquer ato sexual, procure um psicólogo. Para não pesar no bolso, veja na Secretaria Municipal de Saúde se o seu município aderiu ao programa Saúde da Família, que muitas vezes inclui atendimento psicológico gratuito.

. Se está com o tesão em baixa há pouco tempo e, apesar de não tomar mais a iniciativa da transa ainda responde às aproximações do companheiro, você tem a opção de colocar em prática as táticas a seguir. Vale experimentar, pois elas realmente surtem efeito.

Casal feliz

7 “turbinadores” de desejo


Comece hoje mesmo a aumentar o seu apetite sexual

1. Maquiagem e cabelo?!

“Muitas vezes, a mulher perde a vontade de transar porque não gosta mais de se cuidar”, diz a sexóloga Carla Cecarello. Então, pode começar a usar maquiagem no dia a dia, tentar um novo corte de cabelo ou uma caminhada leve. Trabalhar a sua autoestima é importante para aumentar a libido.

2. A mágica do abajur

“Faça uma pequena mudança no quarto, como trocar o lençol, deixar o ambiente à meia-luz ou colocar música”, ensina Carla. Não se preocupe com grandes produções, mas providencie algo que torne o lugar aconchegante, com a novidade no ar. “As mulheres nessa situação precisam de um estímulo novo, que mude o clima”, diz ela.

3. Socorro, querido!

O bonitão tem papel importante no seu apetite sexual. “Ele precisa ajudá-la a avivar a sua visão, assim como seus demais sentidos”, diz Adriana Costalunga, autora de Amor & Tesão (Ed. Matrix, R$ 27). Ela defende que tudo usado na sedução no começo do romance vai, aos poucos, deixando de funcionar. Ou seja, há que reinventar, redescobrir. Ideias: peça ao gato que mude o perfume ou experimente um novo modelo da cueca.

4. Bom-dia, sedução...

Você pode criar o clima sensual desde cedo! Mande mensagens, e-mails, ligue para o amado e diga que está ansiosa para vê-lo... Enfim, prepare-se para a relação. “Desse modo, o homem e a mulher chegam mais afoitos para o sexo”, afirma a autora. Assim, as preliminares serão mais quentes, facilitando o orgasmo.

5. Ô, papinho gostoso...

Tal atitude, além de estimular sua libido, ajudará você e o parceiro a conhecerem mais sobre o que cada um gosta ou não de fazer. Dê as dicas e aproveite todo conhecimento do rapaz na hora H!

6. Beijo poderoso

Todo mundo sabe que beijos intensos aumentam a excitação na hora da transa! Mas eis a "novidade": é preciso explorar o poder do beijo FORA da cama. “Segundo os sexólogos, o casal deve se beijar por ao menos dez segundos, todos os dias”, afirma Adriana. Motivos? Desperta a sensualidade, mantém a intimidade e dissolve ressentimentos.

7. Faz de conta...

Separe um momento para explorar seu corpo. Use o banho para se tocar e descobrir zonas de prazer e invista algum tempo na masturbação. Assim, você estimula ainda mais a sexualidade, e fica animadíssima para encontrar o gato. “Nessa intimidade, aproveite para fantasiar mais sexualmente”, orienta Carla. Deixe a imaginação livre ao se tocar e permita-se ficar excitada com o que vier à mente. Ter mais fantasias vai turbinar seu desejo.

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

<b>FANIE</b> - OLA NAMORO A 3 ANOS EM INDAS E VINDAS MEU APETITE ESTA CADA VEZ MAIS FRACO NAUM FICO COM ELE A VONTADE E QUANDO FICO É SÓ PRA ELE NAUM PROCURAR OUTRAS AS VEZES EVENTO MENTIRAS MIM AJUDE EU E MEU NAMORADO SEMPRE ENFRENTAMOS MUITOS PROBLEMAS POIS ELE É MUITO COBIÇADO E EU GOSTO MUITO DELE... - 14/02/2014 08:21:37

<b>ca</b> - oi tenho 23 anos e nao sei o q acontece comigo nao consigo chegar ao ponto (P) poço passar a noite toda tendo relação mais nada muda o q eu faço - 12/01/2014 23:35:09

<b>thais</b> - preciso de ajuda urgente,acabou a vontade e qdo ela aparece é a cada 1 mes...me ajuda por favor...faz ja 3 anos ue estou assim so tenho 22 anos,nao sei mas o que fazer.. - 12/01/2014 20:48:44

<b>vanessa</b> - Boa noite tenho 30 anos , estou casada há 4 anos, preciso de ajuda não tenho desejo sexual nenhum, mais não era assim foi quando fiquei gravida ai tudo acabou, tenho medo de perder meu marido ele vive mim cobrado e quando faço sexo com ele e pura obrigação .por favor mim ajudem - 20/12/2013 23:07:33

<b>valter</b> - ola tenho 35 anos sou casado ha 13 anos e notei que meu desempenho esta caindo o que posso fazer minha esposa é fogosa e sempre quer mais ,tento satisfaze la mas não tenho ereção me de umas dicas obrigado - 12/11/2013 18:20:13

<b>jessica</b> - tenho 22 anos sou casada a 4 anos, meu marido tem um apetite sexual, porem eu n¿o consigo nem pensar em sexo sempre fui assim, estou com medo de perde-lo o que fa¿o. - 06/11/2013 22:03:19

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.