Depilação: escolha o melhor método para você!

Depilação com cera quente, fria, creme, depilação a laser, dermofotônica... Escolha o método que mais combina com você

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 25/06/2012 em

NOVA

um conteúdo de

Depilação: escolha o melhor método para você!
Reportagem: Maria Carolina Balro - Edição: MdeMulher

Veja qual tipo de depilação é melhor para você
Foto: Getty Images

Para quem é muito sensível à dor

Cera quente - “É considerado o menos dolorido, pois dilata os poros, facilitando a retirada do pelo”, explica a Dra. Sandra. “Outro ponto a favor é que o processo evita a formação de tampão (pequenas rolhas da própria pele), que impede a saída do novo pelo, resultando em pontos de infecção.” Lembre-se: a cera deve ser retirada puxando-se no sentido contrário ao crescimento do pelo.

Creme depilatório - Não dói, mas é preciso fazer o teste de sensibilidade em uma pequena área do corpo. Isso porque o princípio ativo do produto, que dissolve a queratina do fio, pode provocar alergia. O resultado da depilação dura uns três dias.

Depilação relaxante DOS - Trata-se de um sistema que antecede à retirada dos pelos com qualquer técnica de depilação e praticada em institutos interessados em comprá-lo. “A cliente deita sobre um colchonete especial que envia vibrações para o organismo, promovendo um relaxamento profundo”, explica a depiladora Dora Tcaciuc, de São Paulo, responsável pelo desenvolvimento do método DOS (dispositivo otimizador de sistemas).

Para quem deseja resultado prolongado

Cera quente (inclusive roll on) ou fria - Os fios levam cerca de 20 dias para começar a nascer de novo — em algumas pessoas, até mais. “Com o tempo, o crescimento dos pelos diminui devido ao trauma constante sofrido pela raiz”, explica a dr. Sandra Hugenneyer.

Depilador elétrico - Como o aparelho puxa o fio pela raiz, o resultado da depilação também dura cerca de 20 dias. O problema é que, dependendo do formato do equipamento, não dá para usar na virilha.

Para quem quer solução rápida e rasteira

Lâmina - Boa opção para casos de emergência. “A lâmina deve deslizar no sentido do crescimento do pelo para evitar que ele encrave ou que a pele fique sensível e avermelhada”, ensina Graça Figueiredo, depiladora de São Paulo. “Como os pelos não são retirados pela raiz, e sim cortados rente à pele, quando começam a crescer, o toque fica áspero”, explica a dra. Sandra. A durabilidade é mínima, entre 24 e 48 horas.

Creme depilatório - Os pelos caem em questão de minutos. É ótima solução para pernas, mas deve ser evitado em áreas com predisposição a irritações e alergias.

Para quem quer solução definitiva

Laser - A luz destrói a matriz do pelo, fazendo com que ele pare de nascer. Os fios vão desaparecendo a cada sessão. Mas atenção: ele não é indicado para quem quer pegar uma corzinha durante o tratamento, pois a exposição ao sol é proibida nesse período.

Depilação dermofotônica - A técnica destrói o folículo, só que por meio de uma combinação de vários tipos de descargas de energia. É um processo lento, mais demorado que o laser, mas permite o banho de sol durante as aplicações.

Para quem aguenta qualquer tranco

Roll on - Como a cera é mais fina para poder passar pelo aparelhinho, acaba grudando muito na pele, o que torna a remoção mais dolorida.

Depilador elétrico - Quem suporta o incômodo diz que o método é perfeito: não faz sujeira e tem resultado duradouro.

Desenho íntimo

Coração, borboleta, estrela... Você escolhe o tema e a depiladora executa a obra de arte em seus pelos pubianos. É importante tomar alguns cuidados, como escolher uma clínica acostumada a esse tipo de trabalho, certificar-se de que a cera é descartável e — atenção! — nunca marcar a sessão na véspera e muito menos no dia em que vai mostrar ao seu amor a surpresa. Isso porque a pele fica sensível, vermelha e pode dar uma inchadinha. Se preferir uma opção mais caseira, experimente o Kit Depilação Artística, da Depi Roll. Além do creme para eliminar os pelos, vem com uma espátula e três moldes: um em forma de coração, outro de retângulo e mais um de triângulo. Antes de se animar com a brincadeira, faça o teste de sensibilidade.

Mais