10 fev

Saúde

É verdade que o cigarro com sabor é mais fraco que o tradicional?

Por Gabi Cartaxo postado em 10/02/2012 às 16h33

Comentários (0)

Foto: Thinkstock

Não. De cravo, canela, cereja, menta e até chocolate, esse tipo de cigarro é visto pelas mulheres, principalmente as mais jovens, como mais fracos e, portanto, menos perigosos do que os tradicionais. Puro engano! “Além de mascarar o gosto ruim, a irritação na garganta e a tosse que a fumaça provoca, o aditivo para dar sabor ao cigarro facilita a dependência à nicotina”, adverte Tânia Cavalcante, secretária executiva da Comissão Nacional para Implementação da Convenção-Quadro para o Controle de Tabaco (Conicq). “A iniciação precoce ao tabagismo pode dobrar o risco de danos à saúde”, fala Ricardo Meirelles, pneumologista da Divisão de Controle do Tabagismo do Instituto Nacional do Câncer (Inca).

(Com reportagem da revista BOA FORMA)

Daniela Carasco

Daniela é repórter do MdeMulher e vai responder as principais dúvidas das leitoras sobre corpo, beleza e saúde.

Mande sua dúvida!

Nome

E-mail (não será divulgado)

Escreva abaixo sua dúvida

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.

Para ter seu próprio avatar no site é preciso se registrar no gravatar.com