07 nov

Bem-estar

Chocolate ‘terapêutico’ não engorda e sacia a vontade de comer doce

Por Karla Precioso postado em 07/11/2011 às 10h00

Comentários (1)

Foto reprodução

Foto reprodução

Para quem vive uma luta diária contra o aumento de peso, toda Páscoa é a mesma história: ficar longe de tantas opções de chocolates torna-se uma verdadeira tortura. Para ajudar, o mercado hoje oferece opções mais saudáveis, como o tipo amargo e as versões lights e diets. Mas nada melhor que um produto capaz de saciar a vontade de comer doce e ainda colaborar com o emagrecimento. É o que faz o chocolate terapêutico, produto manipulado pela Farmacotécnica.

 A base do produto é elaborada sem adição de açúcar e lactose e contém 54% de cacau, insumo excelente para a saúde do organismo. Para dar o sabor adocicado, é acrescentado maltitol e sucralose, substâncias utilizadas em produtos ligth e diet. “Os chocolates terapêuticos são ótimas opções para veicular produtos com sabor desagradável, pois mascaram o gosto residual”, explica Leandra Sá, farmacêutica da Farmacotécnica.

 O produto é capaz de incorporar doses de até dois gramas de componentes ativos. Algumas novidades já disponíveis no Brasil podem compor os chocolates manipulados na Farmacotécnica: Ayslim Manga (extrato da Manga Africana – Irvingia gabonensis), Koubo (extrato de Pitaya – Cereus SP), Sinetrol (extrato padronizado de frutas cítricas – Laranja vermelha, toranja e citrus) e Glucomanam como ativos passíveis de incorporação ao chocolate terapêutico, todos utilizados para auxiliar no emagrecimento. “O chocolate terapêutico é muito indicado para os chocólatras, pois sacia o desejo pelo doce e colabora com a perda de peso”, garante Leandra.

 Benefícios do Cacau – Estudos divulgados em 2006 mostram que, a longo prazo, a ingestão de cacau pode fornecer fotoproteção à pele, evitando a vermelhidão e irritação causada pela exposição solar. Além disso, o consumo do produto aumenta o fluxo sanguíneo dos tecidos cutâneos e subcutâneos; melhora a hidratação da pele, diminuindo a aspereza e a descamação; reduz a perda de água; e aumenta a espessura e a densidade da epiderme.

 “A atividade antioxidante do cacau é comparável à do café e superior à dos chás herbais, incluindo o chá verde”, diz Leandra. “O cacau possui, ainda, atividade antiinflamatória e varredora de radicais livres”, completa a farmacêutica.

 Mas não só para emagrecer os chocolates podem ser usados. No emagrecimento eles contribuem para tirar a vontade de doces e até para quebrar um pouco a monotonia e a sensação de “proibido” que sentimos ao aderirmos a uma dieta. Mas também pode ser usados como veículos para minerais e vitaminas, beneficiando até mesmo as crianças.

Farmacotécnica – Instituto de Manipulações Farmacêuticas, oferece assistência farmacêutica há 35 anos, com o objetivo de dar opções ao médico de prescrever o medicamento sob medida e na dose certa para cada paciente. Para isso, trabalha com farmacêuticos especializados em manipulação, credenciados pela Associação Nacional de Farmacêuticos Magistrais (Anfarmag).

Lojas Farmacotécnica:

 Matriz 716 Sul

102 Sul

302 Sul

Centro Clínico Sul

Centro Clínico Norte

Taguatinga Centro

Taguatinga Norte

TELEATENDIMENTO: (61) 3245-7667

Karla Precioso

Karla Precioso é jornalista e amiga das leitoras de AnaMaria e Viva! Mais, com quem conversa todos os dias. Adora o contato com a natureza, onde geralmente se inspira para escrever mensagens em busca de uma vida mais feliz.

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.

Para ter seu próprio avatar no site é preciso se registrar no gravatar.com

Comentários (1) em "Chocolate ‘terapêutico’ não engorda e sacia a vontade de comer doce"

  1. Cristiane Miranda Borges disse:

    Adorei a ideia do chocolate mas prefiro o tradicional com muito açucar adoro ser fofinha !