15 abr

Bem-estar

Tratamento gratuito para sintomas da menopausa, fibromialgia e outros

Por Karla Precioso postado em 15/04/2011 às 10h00

Comentários (0)

Foto reprodução

Foto reprodução

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), reconhecida pelo desenvolvimento de pesquisas e estudos científicos, oferece vagas para voluntários nas seguintes áreas:

TÉCNICA DE RELAXAMENTO EM IDOSOS

O Departamento de Medicina Comportamental, da Unifesp, está recrutando voluntários de ambos os sexos e que tenham mais de 60 anos, para protocolo de pesquisa que visa verificar os efeitos das técnicas de medicina alternativa e complementar na redução do stress. Os encontros acontecem uma vez por semana, e os interessados em participar do estudo devem entrar em contato com Sueli, no telefone 5082-2382, em horário comercial, para agendar uma triagem.

 PERFIL DE SAÚDE DOS ADOLESCENTES

O Grupo de Estudos da Obesidade (GEO), coordenado pela professora Dra Ana Dâmaso, recruta voluntários eutróficos (magros), de ambos os sexos, idade entre 14 e 19 anos, com Índice de Massa Corpórea menor ou igual a 24,9 (IMC= peso/altura X altura), para realização de exames para avaliar o perfil de saúde desses adolescentes. Aos participantes, será ofertado treinamento físico gratuito durante três meses após término dos exames no Centro de Estudos de Psicobiologia e Exercício (CEPE). O recrutamento ocorrerá até 30 de maio de 2011. Inscrições: (11) 5572-0177, das 8h às 17h, ou por email: raquel@cepebr.org ou patricialeao@cepebr.org. Falar com Raquel ou Patrícia.

 MENOPAUSA E QUALIDADE DE SONO

O departamento de Psicobiologia, da Unifesp, recruta mulheres, com idade entre 50 e 65 anos, que estejam na menopausa há pelo menos um ano e que apresentem, ou não, insônia. Elas participarão de pesquisa clínica com tratamento não farmacológico, aplicando técnicas de relaxamento, com o objetivo de verificar, por meio de testes, a capacidade de memória e a qualidade do sono. As interessadas não podem estar tomando medicamentos antidepressivos. Inscrições: (11) 2149-0162, das 8h às 17h.

 PALESTRAS SOBRE SEXUALIDADE

O Projeto Afrodite, do Departamento de Ginecologia da Unifesp, oferece tratamento para as queixas sexuais femininas, por meio de palestras mensais sobre orientação sexual. Criado pela equipe do Ambulatório de Sexualidade, o Projeto Afrodite tem o objetivo de resgatar a sensualidade da mulher que apresenta disfunções sexuais, além de orientar e fornecer informações sobre sexualidade. As palestras acontecem na Rua Embaú, 66, Vila Clementino, sempre nas duas primeiras terças-feiras do mês, no horário que compreende 14h e 16h. São oferecidas 15 vagas por mês. As inscrições podem ser feitas pelo telefone 5549-6174, das 8h às 14h (com Telma ou Jéssica).

AUSÊNCIA DE PRAZER SEXUAL

O Projeto Afrodite, do Departamento de Ginecologia da Unifesp, recruta voluntárias para participar de uma pesquisa sobre dificuldade em obter orgasmo ou prazer sexual. Elas serão submetidas a tratamento, que visa aumentar a consciência corporal e a força dos músculos do períneo, entre outros. Podem participar mulheres com vida sexual ativa e que não estejam na menopausa. As interessadas também participarão de palestras sobre sexualidade. As inscrições podem ser feitas pelo telefone 5549-6174, das 8h às 14h (com Telma ou Jéssica).

 MULHERES COM BEXIGA HIPERATIVA

A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) recruta mulheres, com idade entre 18 e 80 anos, que apresentem sintomas de bexiga hiperativa e que não obtiveram sucesso – ou que o mesmo foi insatisfatório – com tratamentos medicamentosos e terapias comportamentais para participar de pesquisa. A bexiga hiperativa é caracterizada pelo desejo súbito de urinar, repentina e involuntária perda de urina ou o aumento da freqüência urinária (mais que oito micções em 24 horas). As interessadas em participar do estudo devem ter disponibilidade uma vez por semana, às segundas-feiras, no período da tarde, entre os meses de abril a junho de 2011, e não serem portadoras de miastenia grave, doença crônica caracterizada por fraqueza muscular e fadiga rápida quando o músculo é exigido. É necessário agendar consulta para triagem no telefone (11) 5576-4517 ou, pessoalmente, no Ambulatório de Disfunção Miccional da disciplina de Urologia da Unifesp, localizado na Rua dos Otonis, 683, Vila Clementino, onde será desenvolvida a pesquisa. 

 VOLUNTÁRIOS QUE TRABALHAM COM A VOZ

O Departamento de Medicina, da Unifesp, recruta voluntários que possuem rouquidão para tratamento de voz. Podem participar homens e mulheres, com idade entre 18 e 50 anos, que usem a voz como instrumento de trabalho, como operadores de telemarketing, vendedores, professores, líderes religiosos, secretárias, entre outros. O candidato precisa apresentar rouquidão leve, moderada ou intensa, falhas ou cansaço vocal nos últimos seis meses. Haverá acompanhamento durante seis semanas com otorrinolaringologistas e fonoaudiólogos para a definição da melhor maneira de tratar o problema. Os interessados podem entrar em contato com Vanessa pelo telefone 8548-2077 ou pelo e-mail vanessa.vieira@unifesp.br.

 DOR EM PACIENTES NA PÓS-MENOPAUSA COM FIBROMIALGIA

O Ambulatório da transição para a menopausa e pós-menopausa, do Departamento de Ginecologia, da Unifesp, está recrutando mulheres para participar de uma pesquisa para verificar a dor em mulheres na menopausa, portadoras de fibromialgia. As interessadas devem ter entre 45 e 60 anos, com pelo menos um ano na pós menopausa, serem portadoras de fibromialgia e sedentárias. Não serão aceitas mulheres que fazem uso de terapia hormonal, antidepressivos, antiinflamatórios, diabéticas, hipertensas e com insuficiência renal. A triagem das voluntárias será feita no ambulatório do Climatério Rua Embaú, 66 – Vila Clementino, nas quartas-feiras das 14h às 17h e nas quintas-feiras das 8h às 11h. Informações pelos telefones: 3341-3608, falar com Nelma Menezes. Serão selecionadas 60 mulheres e o prazo de inscrição se estende até o preenchimento das vagas.

ORIENTAÇÃO PARA PAIS DE USUÁRIOS DE DROGAS

A Unidade de Dependência de Drogas (UDED) oferece vagas no Ambulatório de Orientação aos Pais de jovens entre 12 e 25 anos que consumam álcool ou qualquer outro tipo de droga, mesmo que não sejam dependentes. O ambulatório oferece aos pais e/ou responsáveis, uma palestra inicial e oito sessões semanais gratuitas às quintas-feiras, em horário comercial. Os interessados podem entrar em contato pelo telefone 5549-2500. O serviço está localizado na UDED – Unidade de Dependência de Drogas, na Rua Napoleão de Barros, 1038, próximo ao metrô Santa Cruz.

Karla Precioso

Karla Precioso é jornalista e amiga das leitoras de AnaMaria, com quem conversa todos os dias. Adora o contato com a natureza, onde geralmente se inspira para escrever mensagens em busca de uma vida mais feliz.

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.

Para ter seu próprio avatar no site é preciso se registrar no gravatar.com