Produtos de cabelo permitidos na gravidez

Alisamento e gravidez não combinam. Mas fique fria. Com secadores de última geração e produtos poderosos, será fácil domar os fios

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 23/09/2011 em

Claudia

um conteúdo de

Produtos de cabelo permitidos na gravidez
Simone Ota - Edição: MdeMulher
Produtos de cabelo permitidos na gravidez

A boa e velha escova feita com o secador não tem contraindicação na gravidez
Foto: Getty Images

Os obstetras têm bons motivos para proibir o uso de alisantes na gestação. Além do risco de causarem alergia, por causa da sensibilidade aumentada da grávida, eles são nocivos ao bebê.

A mais nova evidência disso vem da tese de mestrado do biólogo Arnaldo Couto, da Escola Nacional de Saúde Pública Sergio Arouca, no Rio de Janeiro, publicada em julho. Após analisar 150 compostos de alisantes e tinturas, Arnaldo identificou 32 substâncias que, usadas no primeiro e no segundo trimestres da gravidez, aumentam em até três vezes o risco de leucemia aguda antes dos 2 anos.

As escovas progressivas também não servem para você. "Muitas fórmulas ainda trazem formol, substância que já está proibida em cosméticos capilares por ser abortiva e cancerígena", alerta a engenheira química Camila Cerdeira, da K.Pro Profissional, em São Paulo.

Mas, se não aceita a ideia de trocar o time das lisas pelo das cacheadas, não precisa passar os próximos nove meses de mal com o espelho.

A boa e velha escova feita com o secador não tem contraindicação e evoluiu (agradeça à tecnologia!). O uso de escova térmica e secador com íons negativos, por exemplo, fecha a cutícula dos fios e melhora a hidratação. "Isso diminui o arrepiado e intensifica o brilho", afirma o técnico Augusto Moraes, da Ga.Ma Italy, em São Paulo. Os modelos com turmalina aumentam em dez vezes esse efeito, e os de cerâmica previnem o ressecamento.

Também a nova geração de finalizadores conspira a favor dos lisos. Além de proteger do calor do secador e da chapinha, eles facilitam a escovação e fazem o liso durar mais. "É só espalhar um pouco na palma das mãos e aplicar ao longo do comprimento e nas pontas", diz a cabeleireira Cris Calçolari, do salão L'Officiel III, em São Paulo.

Aliados fora de série


Liberados na gravidez, estes produtos atuam como coadjuvantes da escova e fazem muito mais do que proteger os fios do calor do secador e da chapinha

 

Produtos de cabelo permitidos na gravidez

Foto: Divulgação

1. Blow Out Balm Catwalk, da Tigi. R$ 83,50*
2. Straight Works, da Paul Mitchell. R$ 93*
3. Silk Result Straight Smoother, da Joico. R$ 105*
4. Stylist Series HeatProtective Silk Straightening Cream, da Kiehl's. R$ 79*
5. S4U X'RebeL Optimal Smooth Control, da Alfaparf. R$ 62,50*

Produtos de cabelo permitidos na gravidez

Foto: Divulgação

1. Flatliner Steek Osis+, da Schwarzkopf. R$ 102*
2. Style Masters Reset Control Bálsamo Alisante, da Revlon. R$ 76,50*
3. Tratamento Preventivo PróV Liso Extremo, da Pantene. R$ 9*
4. STY! Easy Brushing Leave-in, da Niasi. R$ 47,70*
5. Hidratante sem Enxágue Efeito Liso, da Acquaflora. R$ 19*

*Preços pesquisados em agosto de 2011