Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

29/10/2014

ATUALIZADO EM

29/10/2014

25 respostas sobre chapinha

Existe temperatura ideal? Dá pra usar nos fios tingidos? Esclareça suas dúvidas e descubra a maneira mais saudável de usar essa grande aliada dos fios lisos
25 respostas sobre chapinha
Fernanda Cury

A prancha deve ficar a 90 graus, e os movimentos devem ser contínuos
Foto: Dreamstime

Algumas mulheres acham que a chapinha é prática e deixa qualquer cabelo lisinho. Outras dizem que o calor é intenso e danifica os fios. Quer descobrir algumas verdades sobre a chapinha? Pedimos ao maior especialista brasileiro em saúde do cabelo, o dermatologista Valcenir Bedin, de São Paulo, e à cabeleireira Márcia Zenólia, do Espaço Coiffeur Longevitá, do Rio de Janeiro, que respondessem a 25 questões sobre o assunto. E eles dão dicas para você obter um resultado melhor nos fios.

A palavra do médico 

1. A chapinha faz mal ao cabelo?
Não, desde que você use o produto certo, para proteger os fios do calor, e não exagere na temperatura do aparelho (no máximo 190 graus).

2. Que produto usar antes da chapinha?
Um leave-in termoativado, com silicone ou queratina.

3. E após?
Use hidratantes feitos à base de óleo, para repor a água perdida.

4. O que prejudica mais: a chapinha ou o secador?
A chapinha. Ela leva o calor diretamente aos fios. Por isso, deve ser usada com cuidado.

5. Quais são os danos causados pela chapinha?
Os fios podem ficar ressecados e, em casos extremos, quebrados e até mesmo queimados.

6. Quantos dias por semana pode usar?
Da maneira certa, todo dia.

7. Pode-se usar a prancha no cabelo molhado?
Não, porque para secar o cabelo inteiro é necessário pranchar os fios muitas vezes. Assim, seus fios poderão “cozinhar”. Faça escova antes da chapinha.

8. O aparelho pode encostar no couro cabeludo?
Não. Mantenha distância de, no mínimo, 3 centímetros, para evitar queimaduras.

9. Faz mal usar no cabelo de crianças?
Sim. Nunca aplique químicas ou aparelhos agressivos ao cabelo em pessoas com menos de 14 anos de idade.

10. Quem tem cabelo fino pode usar a chapinha?
Pode, mas é preciso usar o aparelho em temperatura mais baixa (150 graus).

11. E quem tem cabelo tingido?
Sim. Mas não exagere na temperatura (use até 140 graus), para não desbotar.

12. Por que os fios grossos ficam espigados?
Esse tipo de cabelo contém muita queratina. Em contato com o excesso de calor, o fio acaba ficando duro e sem movimento.

13. Dá para evitar esse problema?
Sim. Aplique um produto termoativado à base de silicone. Ele forma uma película protetora e, por isso, deixa os fios maleáveis e mais brilhantes.

O que diz a cabeleireira

14. Qual a vantagem da chapinha de cerâmica?
Ela mantém a temperatura estável. Por isso, não é necessário passar a prancha muitas vezes no mesmo lugar.

15. E a de íons?
Ela acaba com o arrepiado, fecha as cutículas e deixa o cabelo mais brilhante e macio.

16. A chapinha de metal (sem termostato, botão que regula o calor) oferece riscos ao cabelo?
Sim. Como esse modelo atinge temperaturas altíssimas, é preciso desligá-lo da tomada, de tempos em tempos, para que ele não torre o cabelo.

17. Qual a diferença entre a chapinha larga e a estreita?
A estreita é para cabelos médios ou curtos. Já a larga é perfeita para os fios longos.

18. Como perceber que a chapinha está danificando o cabelo?
Ele fica áspero, ressecado e com pontas duplas. Se o calor for exagerado, dá para sentir um cheiro de cabelo queimado no momento da agressão.

19. É possível recuperá-lo?
Sim, com hidratações semanais. Diminuir o uso de secador e de chapinha ajuda.

20. Quantas vezes cada mecha pode ser chapada?
No máximo três vezes.

21. Qual é o truque para que o cabelo fique sem marcas?
Comece sempre pela raiz, segurando a prancha a 90 graus. Quando estiver na metade do comprimento, abaixe a mão, acompanhando o formato da cabeça. Pressione bem e puxe até as pontas. Faça um movimento contínuo, sem interrupção, do começo ao fim da mecha.

22. Quem faz chapinha três vezes por semana precisa fazer tratamento?
Sim, precisa de uma hidratação a cada 15 dias.

23. Por onde se começa a pranchar?
Por trás, dos fios da nuca em direção aos do topo.

24. Como alisar a franja?
Passe a chapinha da raiz em direção ao nariz, sem quebrar o pulso, para ficar sem topete.

25. Qual é o segredo para que a ponta não fique espigada?
Quando estiver chegando perto do fim da mecha, vire o aparelho para fora ou para dentro, deixando a ponta modelada e natural.

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Revelação

  • Alessandra Orofino
    Alessandra Orofino

    Esta à frente de uma ONG que conecta pessoas interessadas em solucionar problemas no Rio de Janeiro

  • Raquel Helen Santos Silva
    Raquel Helen Santos Silva

    Destaca-se por criar projetos de empoderamento e por conseguir apoio internacional para as causas feministas

  • Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha
    Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha

    Desenvolveram uma cobertura para ruas e estradas mais resistente, econômica e sustentável que a convencional

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Ciências

  • Adriana Melo
    Adriana Melo

    Especialista em medicina fetal comprovou a relação entre infecções por zika em e as malformações em bebês

  • Eliana Abdelhay
    Eliana Abdelhay

    Desenvolve pesquisas a fim de melhorar os prognósticos de doenças graves e agiliza o diagnóstico de câncer

  • Thelma Krug
    Thelma Krug

    Restringe o desmatamento nas florestas e emissão de poluentes, responsáveis pelas mudanças climáticas

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Consultora NATURA

  • Juthay Nogueira
    Juthay Nogueira

    Promove ações para evitar que os jovens entrem para o tráfico de drogas, em uma comunidade de Belo Horizonte

  • Nilcimar Maria Silvestre dos Santos
    Nilcimar Maria Silvestre dos Santos

    Fundou uma associação que apoia vítimas de agressão doméstica e estimula o empreendedorismo 

  • Rozimere Santos Oliveira Souto
    Rozimere Santos Oliveira Souto

    Líder que organiza a produção agrícola e o empreendedorismo entre as mulheres, no Sertão da Paraíba

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

#ESTAMOSJUNTAS

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Marta Silva se emociona: "Não deixem de apoiar o futebol femi...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM