(none)

As 8 profissões mais requisitadas para o futuro

Saiba quais são as profissões que oferecem as melhores oportunidades no mercado de trabalho

Publicado em 15/03/2011

Kátia Kazedani

Engenheira civil

Profissionais da área de engenharia atuaram no planejamento, na construção e na manutenção de projetos de infraestrutura
Foto: Getty Images

Seu sonho é ser disputada pelo mercado? É claro que você pode chegar lá seguindo uma profissão clássica e dando duro para ser reconhecida, mas a escolha de certas carreiras pode encurtar o caminho. Os headhunters Fernando Mantovani e Marcelo Cuellar elegeram as profissões que serão mais requisitadas pelo mercado no futuro. Quem sabe uma delas não tem tudo a ver com você? Confira:

 

1. AGROECOLOGIA

Se você luta por um mundo mais sustentável e livre de agrotóxicos, vai gostar de saber que já pode transformar sua ideologia em trabalho. O profissional de agroecologia pensa e planeja sistemas de produção sustentáveis em todas as esferas: produtiva, ambiental, econômica, social, política e até cultural. Isso significa que você pode trabalhar na produção de alimentos orgânicos, propor formas de inclusão social de comunidades produtoras ou ainda atuar em reservas extrativistas de madeira certificada.

 · Por que é promissora: "A humanidade se deu conta de que o futuro depende dos cuidados que temos com o ambiente, os alimentos e o desenvolvimento local", diz Eli Lino de Jesus, coordenador do curso do Instituto Federal do Sudeste de Minas Gerais.

·  Formação: a graduação pode ser concluída em quatro ou cinco anos e é dividida em aulas teóricas e visitas técnicas.

· Média salarial: R$ 2 mil (recém-formado) e R$ 10 mil (após cinco anos de experiência).

 

2. EDUCAÇÃO ESPECIAL

Estar preparada ou preparar outras pessoas para atender alunos especiais: essa a missão desse profissional, que aprende a criar e implementar procedimentos que garantam o desenvolvimento dessas crianças e adolescentes. Você pode trabalhar em escolas públicas e privadas e em instituições como a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae).

· Por que é promissora: a inclusão de alunos com necessidades educacionais especiais no ensino regular se tornou uma política nacional e o número de crianças com deficiência nas salas de aula regulares saltou rapidamente de 81 mil, em 2001, para mais de 380 mil em 2009. A demanda por profissionais preparados está crescendo muito.·

Formação: o curso tem duração de quatro anos, com atividades práticas desde o início e estágio supervisionado.

· Média salarial: R$ 1.800 (recém-formado) e R$ 12 mil (após cinco anos de experiência)

 

3. ENGENHARIA DE PETRÓLEO

Passar dias ou meses em uma plataforma em alto-mar, longe de grandes cidades, soa como uma aventura para você? O curso de engenharia de petróleo pode ter o seu perfil. Prepara o profissional para descobrir novas jazidas ou para a criação de equipamentos utilizados nas plataformas marítimas, nas petroquímicas e em refinarias. Outras frentes de atuação são a venda do petróleo para clientes nacionais e internacionais e estudos de logística.

· Por que é promissora:  "Nos últimos anos, os investimentos para desenvolvimento de campos de petróleo aumentaram. E, com os reservatórios do pré-sal, surgiu ainda mais demanda por profissionais qualificados", explica Sérgio da Fontoura, coordenador do curso de graduação da PUC-RJ. A previsão da Petrobras é que os campos do pré-sal estejam produzindo, a partir de 2017, mais de 1 milhão de barris por dia.

· Formação: o curso dura cinco anos.

· Média salarial: R$ 5 mil (recém-formado) e R$ 17 mil (após cinco anos de experiência)

 

4. ENGENHARIA CIVIL

Alguns dias você pode passar trancada em uma sala apenas fazendo projetos. Em outros, põe a mão na massa, vai acompanhar a execução da obra e orientar a equipe. Os profissionais dessa área atuam no planejamento, na construção e na manutenção de projetos de infraestrutura, desde pontes, casas até estádios de futebol. Também podem trabalhar na área de transportes, hidráulica e saneamento.

· Por que é promissora: o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) deve injetar mais de R$ 500 bilhões em projetos de transporte, energia, saneamento, habitação e recursos hídricos. "Além dos programas do governo federal, eventos como os Jogos Olímpicos e a Copa do Mundo também exigirão profissionais qualificados", diz Michéle Dal Toé Casagrande, coordenadora do curso de graduação da PUC- RJ.

· Formação: normalmente com aulas em período integral, o curso dura cinco anos.

· Média salarial:: R$ 4,5 mil (recém-formado) e R$ 12 mil (após cinco anos de experiência)

 

Médica com idosa

A Gerontologia é o campo de estudos que investiga as experiências do envelhecimento
Foto: Dreamstime

 

5. GERONTOLOGIA

Procura garantir que a terceira idade tenha melhor qualidade de vida. "Estamos formando gestores da atenção ao idoso para as áreas de educação, saúde, políticas públicas e gerenciamento de equipamentos e programas", explica Mônica Sanches Yassuda, coordenadora do bacharelado da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo.

· Por que é promissora: a expectativa de vida das brasileiras já chegou a 77 anos (a dos homens bateu os 73). De acordo com dados do Censo 2010 do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística, nossa população idosa passou de 14 milhões para 17 milhões na última década. E esse crescimento tende a ser contínuo. 

· Formação: o curso dura quatro anos e o estudante faz estágios nas áreas social e da saúde desde o 2º ano.

· Média salarial: R$ 2,4 mil (recém-formado) e R$ 9 mil (após cinco anos de experiência)

 

6. GESTÃO DE ANÁLISE AMBIENTAL

Grandes empreendimentos necessitam de profissionais da área para as avaliações de impacto no meio ambiente, para monitoramento ambiental e para implantar sistemas de gestão verde. Segundo Marcel Okamoto Tanaka, coordenador do bacharelado da Universidade Federal de São Carlos, o profissional é responsável por planejar, implementar e controlar a gestão ambiental em escala local, nacional e global. Por exemplo, se você gosta de assuntos relacionados ao meio ambiente e de seres vivos e sua relação com o ser humano, bingo!

· Por que é promissora: a questão ambiental entrou definitivamente na agenda das empresas e do poder público. Por isso, existe grande demanda por profissionais que possam gerenciar projetos na área.

· Formação: em quatro anos, você está formada.

· Média salarial: R$ 3,8 mil (recém-formado) e R$ 12 mil (após cinco anos de experiência)

 

7. BIOPROCESSOS E BIOTECNOLOGIA

Desde criança você queria ser cientista e ficava criando experiências no seu quarto? Essa é a profissão ideal para quem gosta de inovação. O curso prepara o aluno para desenvolver produtos tecnológicos como medicamentos, vacinas, energia limpa, novas fontes de energia e produtos agrícolas e animais.

· Por que é promissora: "Com o rápido desenvolvimento industrial, vieram dois problemas: a grande poluição gerada por fontes não renováveis, como carvão e petróleo, e o risco de esgotamento dessas fontes. Por isso, profissionais capazes de criar produtos tecnológicos serão tão importantes", analisa Carlos Ricardo Soccol, professor da Universidade Federal do Paraná.

· Formação: o curso dura cinco anos.

· Média salarial: R$ 4,5 mil (recém-formado) e R$ 15 mil (após cinco anos de experiência)

 

8. COORDENAÇÃO DE MÍDIAS SOCIAIS

Esqueça a ideia de ser paga para passar o dia tuitando. Ser coordenadora de mídias sociais é bem mais complexo. Você pode atuar em duas frentes: uma passiva, que é monitorar o que os clientes postam e o que é falado sobre a marca na internet; outra ativa, que inclui manter um diálogo com os usuários. Segundo Júlio Figueiredo, coordenador da Pós-Graduação em Gestão e Marketing Digital da ESPM, quem quer atuar na era digital deve ter visão estratégica para planejar ações criativas de marketing.

· Por que é promissora: de acordo com a pesquisa "Mídias Sociais nas Empresas: O Relacionamento Online com o Mercado", 70% das empresas brasileiras utilizam ou monitoram o que acontece online. "Por isso, grandes agências de publicidade e grandes corporações possuem equipes para atuar nas redes sociais", diz Eric Messa, professor, em São Paulo.

· Formação: não existe uma graduação específica. Os mais cotados são da área de comunicação.

· Média salarial: R$ 2 mil (recém-formado) e R$ 11 mil (após cinco anos de experiência)

 

* Os valores médios foram pesquisados no mês de março de 2011
 

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

<b>jeane</b> - Bom! - 17/02/2014 08:10:47

<b>Adriano </b> - Faço Agroecologia e amo o Curso! Viva ao meio ambiente em busca da alimentação saudável!! - 10/12/2013 22:31:51

<b>rakeado</b> - adorei engenharia de petrolio,pretendo fazer - 15/10/2013 14:50:01

<b>rakeado</b> - adorei engenharia de petrolio........... - 15/10/2013 14:43:58

<b>Matheus</b> - Talvez algumas pessoas daqui não concordem mas nessa lista poderia ser incluida a profissão de zootecnista, pelo fato do aumento da vida no planeta ,cada vez mais o curso tem uma alta no mercado de trabalho e é tbm é considerado uma profissão do futuro ;) - 12/10/2013 00:36:58

<b>ilma beatriz </b> - Muitoo bom engenharia de petróleo acho que vou estudar para essa profissão!.. - 22/08/2013 14:09:37

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.