nao

ProUni: como conseguir uma bolsa de estudos

Guia completo do ProUni para você saber tudo sobre o programa e garantir sua vaga na universidade

Publicado em 18/10/2010

Débora Zanelato

Conteúdo VIVA!MAIS
Universitária em sala de aula

Em cinco anos, o ProUni já ajudou 700 mil estudantes de todo o país a cursar uma universidade
Foto: Getty Images

O que é o ProUni
O Programa Universidade para Todos, do Governo Federal, é destinado a estudantes da rede pública ou particular (desde que estes tenham sido bolsistas), cuja renda familiar seja de até três salários mínimos* por pessoa - o salário mínimo é R$ 510. A iniciativa concede bolsas de estudo integrais ou parciais em cursos de graduação em faculdades privadas.

Como funciona
Você deve fazer a prova do Enem e, quando abrirem as inscrições do ProUni, escolher até três opções de cursos. Depois, é preciso aguardar para saber se foi pré-aprovada. O programa oferece dois tipos de bolsa: integral (para estudantes com renda familiar de até um salário mínimo e meio por pessoa) e de 50% (para renda familiar de até três salários mínimos por pessoa).



Como conseguir sua bolsa

O passo a passo para entrar na faculdade pelo ProUni
 
1. Você deve fazer o Enem. Esforce-se para tirar uma excelente nota, afinal, ela é um dos principais critérios de avaliação. O exame sempre acontece no final do ano, abordando disciplinas vistas no ensino médio.

2. Depois, as inscrições devem ser feitas no site do ProUni (http://prouniportal.mec.gov.br/). Elas são abertas duas vezes por ano, para o primeiro e segundo semestres. Agora, não há inscrições abertas. Para se inscrever, é preciso informar seu CPF, número de inscrição do Enem e a senha que você cadastrou para ele (Enem). O sistema pedirá o cadastro de um e-mail. Caso esqueça sua senha, será por meio desse endereço que você poderá recuperá-la. E se não lembra a senha do Enem, o www.enem.inep.gov.br oferece ajuda.

3. Então, você poderá escolher até três opções de curso, turno e instituição, conforme as disponíveis para o seu perfil socioeconômico. Dentro do período de inscrições, caso mude de ideia, poderá alterar suas opções de curso.

4. Em até uma semana após o término das inscrições é divulgada a lista dos pré-selecionados - ou seja, quem foi aceito para se beneficiar de uma bolsa pelo programa. A pré-seleção leva em conta o resultado do Enem e os dados que você informou, como renda per capita.

5. No resultado da pré-seleção estará a faculdade em que foi liberada sua bolsa. Agora, basta ir até ela, levando os documentos que comprovem as informações fornecidas na ficha de inscrição. Fique atenta: o não comparecimento no período pré-estabelecido implica na sua reprovação!

6. Depois de ir à faculdade, você deverá receber da instituição o Protocolo de Recebimento de Documentação do ProUni. Documentação aprovada, a instituição já emite o termo de concessão de bolsa... E a vaga é sua!



Tira dúvidas do ProUni

Respostas às principais perguntas de quem deseja uma bolsa no ensino superior e quer ficar mais perto da faculdade!

Como saber quais são as faculdades que participam do ProUni?
Você pode se informar na própria instituição de ensino. Durante as inscrições (as próximas serão no fim do ano ou no começo de 2011), o site do programa traz uma lista com as escolas.

Preciso fazer vestibular para me inscrever no programa?
Não, nem se matricular antes na instituição que pretende escolher. No entanto, ficará a critério das faculdades aplicar um processo seletivo específico (sem cobrança de taxa) para os pré-selecionados. Você saberá se isso será necessário no momento da inscrição.

Sou obrigada a prestar o Enem?
Sim, o resultado dele é essencial. Você precisa fazer a prova do Enem de 2010, que será em novembro (se ainda não se inscreveu, só poderá fazer em 2011) e obter nota mínima de 400 pontos. Calcula-se a média das cinco notas obtidas - em redação; linguagens, códigos e suas tecnologias; matemática e suas tecnologias; ciências humanas e suas tecnologias; e ciências da natureza e suas tecnologias). Atenção: se tirar menos do que 400 pontos ou zerar a redação, você não poderá participar do ProUni.

Então, basta fazer o Enem para se candidatar?
Não! Além de ter feito o exame, o estudante precisa ter renda familiar de até três salários mínimos por pessoa e também precisa atender a uma das seguintes condições:

a) ter cursado o ensino médio em escola pública;
b) ter cursado o ensino médio em escola privada (desde que sendo bolsista integral);
c) ter cursado em ambas as instituições, mas sendo bolsista integral na particular;
d) ser portador de necessidades especiais;
e) ser professor da rede pública de ensino básico.

A inscrição deve ser feita pela internet, mas não tenho computador.
Sem problema: toda instituição credenciada no programa oferece acesso gratuito à internet para que você se inscreva.

Como calculo a renda familiar por pessoa?
Some a renda de todas as pessoas da sua família que moram na sua casa e divida pelo número de pessoas que vivem com você. Caso o resultado seja de até um salário mínimo e meio, concorrerá à bolsa integral. Se for de até três salários mínimos, concorre à bolsa de 50%.

Não fui pré-selecionada na primeira chamada. Ainda tenho chance?
Sim, acontecem seis chamadas consecutivas. Fique ligada no cronograma para saber quando serão divulgados os pré-classificados das próximas chamadas.

Ganhei bolsa de 50%, mas não posso pagar a outra metade.
Você pode financiar a outra parte pelo Fies**. Para isso, é preciso que a faculdade tenha aderido ao fundo. Mais informações no tel.: 0800-616161 e no http://abr.io/fies-prouni.


*O salário mínimo é R$ 510
**Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Laíse - Olá,Tenho renda mínima de 1 salário mínimo e cursei todo o ensino Fundamental e Médio em escola pública, gostaria de saber que nota eu tenho que tirar no Enem para conseguir uma bolsa integral para Direito pelo Prouni ou Sisu?Obrigada - 26/12/2012 20:50:58

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.