nao

Equilibre a iluminação dos ambientes da casa

Aprenda a usar luzes e sombras para deixar os ambientes da sua casa ainda mais aconchegantes

Publicado em 23/04/2012

Reportagem: Sueli Zola e Liliane Oraggio - Edição: MdeMulher

Conteúdo Bons Fluidos
Ambiente da casa

É o contraste de luz e sombra que equilibra a iluminação de qualquer ambiente
Foto: Getty Images


Luz é sinônimo de consciência, positividade, enquanto as trevas são associadas ao lado negativo da vida. Mas nunca se pode esquecer de que luz e sombra caminham juntas. O exemplo está no céu. "O sol tem manchas negras e há luz na escuridão quando o céu se cobre de estrelas", ressalta Kugelmas.

É o contraste de luz e sombra que equilibra a iluminação de qualquer ambiente. "Exagerar na luz pode não ter efeito positivo, pois a sombra cria profundidade, ressaltando formas e cores. Da mesma maneira, sol em excesso, que invade diretamente os ambientes, provoca reações desagradáveis. Aqui no Hemisfério Sul, o ideal é ter as janelas voltadas para a face sul, onde a luz não sofre variações, pois o sol não bate direto. Já a face voltada para o norte recebe toda a intensidade da radiação solar e está exposta às oscilações da luz, desde a manhã até o pôr-do-sol", diz o arquiteto Mosch.

Luz e cor

Talvez o mais fascinante poder da luz seja acender as cores. Com tons de amarelo e alaranjado faz-se um clima estimulante e aconchegante; os tons de azul acalmam; o vermelho excita. O verde, predominante na natureza, inspira equilíbrio e tem tudo a ver com o processo químico da fotossíntese, que faz com que a luz transforme-se em vida.

Banho de luz

Um gesto simples basta para dar mais vida e energia à sua casa: abra portas, janelas e deixe o sol entrar. Não importa se os raios banham o ambiente no período da manhã ou da tarde, qualquer horário é ótimo.

Já a noite convida a usar os truques da iluminação artificial. Conheça alguns princípios para aproveitar bem essa iluminação, segundo o médico antroposófico Ricardo Ghelman:

· Escolha luzes semelhantes aos raios solares. As lâmpadas incandescentes, de tom amarelado, são as mais adequadas.

· Evite lâmpadas fluorescentes antigas, de cor branco-azulada, muito diferente da luz do sol. Já existem no mercado novos modelos fluorescentes desenvolvidos especialmente para manter efeito semelhante ao da luz natural.

· Embora tenha potência fixa, a lâmpada elétrica pode ser regulável. É só usar um interruptor do tipo dimmer, que permite variar a intensidade da luz. A versatilidade do recurso se adapta a qualquer ambiente.

· Luzes de neon ficam bem em Las Vegas, mas no interior da casa têm efeito frio e irritante.

· Na sala, opte por iluminação indireta. Luminárias altas, abajures ou lâmpadas nas paredes laterais criam aconchego e ajudam a dividir os espaços.

· Abuse da luz de velas. A suave chama vermelha propicia a introspecção e é perfeita para criar clima de intimidade. Durante um jantar, além de proporcionar atmosfera romântica, estimula a digestão.

· O fogo da lareira ilumina, aquece e acalma.
 

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.