Alfarroba tem gosto de chocolate, mas possui menos gordura

Alfarroba é um tipo de vagem nativa do Mediterrâneo e tem conquistado os loucos por doces

Bolo feito com alfarroba
Foto: Sheila Oliveira/SAÚDE!

Pode parecer estranho um doce feito de vagem, mas a alfarroba vem ganhando adeptos entre as pessoas que são loucas por doces, mas prezam por uma alimentação saudável. Nativa do Mediterrâneo, a alfarroba é apontada como uma alternativa mais saudável ao chocolate, pois, apesar de ter quase a mesma quantidade de calorias, possui muito menos gordura.

O sabor é bem parecido com o do chocolate, mas sem enganação: não é idêntico, segundo reportagem da revista WOMEN’S HEALTH. Pode provar, porque a alfarroba é bem nutritiva. “Ela tem quantidades consideráveis de cálcio (bom para os ossos), magnésio (favorece a absorção do cálcio) e ferro (regenera o sangue)”, diz Priscila Moreira, nutricionista do Ambulatório de Nutrição Clínica do Instituto Dante Pazzanese, em São Paulo.

Também tem vitaminas A, B1 e B2. Mas a grande vantagem fica por conta das gorduras. Enquanto o cacau tem cerca de 23%, a alfarroba possui apenas 0,7%

Inimiga do Câncer
Resultados de um estudo da Universidade do Algarve, em Portugal, em parceria com o Parque Científico de Barcelona, na Espanha, mostram que a polpa, as folhas e parte das sementes de alfarroba têm potencial antioxidante muito alto – superior até ao do vinho! Isso significa que ela ajuda no combate aos radicais livres. 

A pesquisa também sinaliza que o extrato de alfarroba seria capaz de inibir a proliferação de células cancerígenas e, portanto, poderia ser usado na fabricação de medicamentos no futuro.

Fibras em Alta
“Ela é rica tanto nas solúveis (pectina) quanto nas insolúveis (celulose), o que facilita o funcionamento do intestino e proporciona saciedade, que é muito importante no processo de emagrecimento”, lembra a nutricionista Vanessa Franzen Leite, de Porto Alegre.

Sem Restrições
Se você não pode consumir produtos com lactose, como acontece com o chocolate ao leite, saiba que a alfarroba é totalmente livre dessa substância. E mais: “Por não conter glúten, pode ser consumida por celíacos”, completa a nutricionista Rosana Perim, chefe de nutrição do HCor, em São Paulo.

Quantidade
Calcule 25 g (ou duas colheres de sopa) por dia. Como tem calorias e gorduras, deve ser consumida com moderação. Meia barrinha de alfarroba (25 g) contém cerca de 116 calorias, e meia barrinha de chocolate ao leite (25 g) 135 calorias. As nutricionistas não indicam o consumo da vagem de alfarroba em estado natural. 

O pó pode ser misturado ao leite, por exemplo, e a farinha usada no preparo de bolos, biscoitos e brigadeiros. Para completar, existem ainda as barrinhas prontas para comer. Uma mão na roda!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s