Dieta da glicose

Aprenda a controlar os níveis de açúcar no sangue e elimine até 2 kg por semana

Evite comer massas que não sejam integrais
Foto: Getty Images

Se o assunto é emagrecer, a escolha dos alimentos faz toda a diferença. Por exemplo: um doce de 300 calorias engorda mais do que uma refeição com o mesmo valor calórico à base de folhas, vegetais e carnes. A explicação é simples: o doce tem índice glicêmico (IG) alto. Isso significa que ele se transforma rapidinho em açúcar no sangue, fazendo com que o hormônio insulina (que processa a glicose) seja disparado em grande quantidade e rapidamente pelo corpo. E altos níveis de insulina levam a uma maior estocagem de gordura corporal.

Mata fome e previne diabetes “Os piores alimentos são os preparados com farinha e açúcar brancos”, diz a nutricionista Noádia Lobão, de Niterói (RJ). Segundo Noádia, há outros carboidratos de alto índice glicêmico, como o mel e os flocos de milho, que quando ingeridos também disparam a glicose na corrente sanguínea.

Cortando ou reduzindo bastante a ingestão deles, é possível eliminar até 2 quilos por semana. Além da perda de peso, equilibrar os níveis de açúcar no sangue ajuda a reduzir a fome e evitar o diabetes. Ainda precisa de mais argumentos para tentar?

Fuja destes alimentos!

 
Conheça os alimentos com IG (índice glicêmico) alto e evite-os pra queimar mais gordura e sentir menos fome:

– Açúcar branco (e alimentos que o contenham, como doces e sorvetes)
– Farinha de trigo refinada (inclui tudo o que é preparado com farinha branca, como pães comuns, massas, pizzas, tortas, biscoitos etc.)
– Mel
– Flocos de milho
– Arroz branco
– Batata
– Mandioca (aipim)
– Beterraba
– Abóbora
– Pipoca
– Frutas muito doces (uva, manga, uva-passa, tâmara etc.)

Dieta da glicose

Se der vontade de comer um dos alimentos proibidos, escolha uma fruta
Foto: Getty Images

Deu muita vontade?

 
Quando for inevitável comer os alimentos acima, combine-os com outros nutrientes que ajudam a reduzir a velocidade com que a glicose chega ao sangue. “O ideal é sempre consumi-los com proteínas e gorduras boas. Exemplos: pão integral com carne branca, fruta com castanhas, espaguete com azeite e carne magra”, orienta a nutricionista Noádia.

3 receitas light pra quem ama sanduíche e macarronada!

 
1. Sanduíche del mare
– 1 fatia de pão sírio integral, cream cheese light, salmão ou atum, alface, cenoura ralada e um pouquinho de mostarda.

2. Espaguete integral
– 2 escumadeiras de espaguete integral (use o tipo grano duro) cozido, servido com molho de tomate e frango desfiado.

3. Sanduíche à italiana
– 2 fatias de pão de centeio com alface americana, tomate, queijo branco, azeitonas, manjericão, molho de alho e tomate seco. 

 

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s