nao

Dieta do chá das 3 ervas detona 6 quilos em 1 mês

O segredo é a combinação de ervas termogênicas, desintoxicantes e diuréticas.

Atualizado em 29/05/2014

Reportagem: Eliane Contreras - Edição: MdeMulher

Chá

Experimente a ação das ervas termogênicas, desintoxicantes e diuréticas no seu organismo
Foto: Thinkstock

A dieta do chá das três ervas aquece o corpo, conforta o estômago e ajuda a eliminar os quilinhos que deixaram você insegura na hora de investir naquele jeans. O segredo é beber de três a quatro xícaras de uma infusão preparada com ervas termogênicas (aceleram o metabolismo, favorecendo a queima de gordura), desintoxicantes (eliminam as toxinas, deixando o organismo menos resistente ao emagrecimento) e diuréticas (evitam a retenção de líquido, contribuindo para uma barriga lisinha). Assim, você combate o excesso de peso de várias maneiras e potencializa o resultado do cardápio de 1200 calorias que acompanha esta dieta. 
 
Antes que você fique tentada a acrescentar mais de três ervas na mesma xícara, atenção: essa é uma medida segura. "O uso de muitas plantas faz com que elas entrem em competição, diminuindo o efeito uma da outra. E o objetivo é justamente o contrário: permitir que elas trabalhem em sinergia, aumentando o efeito emagrecedor do chá", explica a fitoterapeuta e nutricionista Vanderli Marchiori, da VM Nutrição e Fitoterapia, em São Paulo. Outro procedimento importante: "Procurar sempre adquirir as ervas em lojas especializadas, que garantam o manuseio e armazenamento corretos das plantas." Mas você pode combiná-las a seu gosto - para isso, consulte o quadro As ervas que vão secar os excessos e escolha uma de cada grupo. 
 
Só mais uma observação para o sucesso da dieta: mantenha o mesmo mix de ervas por três dias. "As plantas precisam desse tempo para que possam agir de maneira eficiente no organismo e, então, acelerar o emagrecimento", orienta Vanderli. Depois, mude a combinação para criar um novo estímulo e evitar qualquer risco de toxicidade. "Embora não tenham contraindicações, não se deve usar nenhuma erva por um período muito prolongado." Nem por isso vão faltar opções para você variar o chá. Então, coloque a água para ferver e passe um inverno enxuto - sem excesso na cintura!
 

As ervas que vão secar os excessos

Escolha uma erva de cada grupo e prepare seu chá emagrecedor. Lembre-se: se a mesma mistura por três dias. Depois disso, faça uma nova combinação. 
 
Termogênicas: efeito queima-gordura 
 
Elas fazem com que o metabolismo trabalhe mais rápido, aumentando a queima de calorias e, consequentemente, de gordura. Algumas também têm ação lipolítica (quebram a molécula de gordura já acumulada no organismo), além de reduzir os níveis de colesterol. 
 
Boldo (Pneumus boldus), carqueja (Baccharis trimera), chás verde, branco e vermelho (Camellia sinensis), casca de laranja amarga (Citrus aurantium), fucus (Fucus vesiculosus), guaçatonga (Caesaria sylvestris), hibisco (Hibiscus sabdariffa) e salsaparrilha (Smilax spp). 
 
Desintoxicantes: ação limpeza 
 
Capturam e eliminam pela urina a gordura e as toxinas que sobram do processo metabólico - circulando em excesso no organismo, essas substâncias atrapalham o bom funcionamento do sistema linfático e emperram a perda de peso. As ervas desse grupo também reduzem a formação de gases, evitando a sensação de barriga inchada e volumosa. 
 
Alecrim (Rosmarinus officinalis), bardana (Arctium lappa), camomila (Matricaria recotita), capim -cidreira (Cymbopogum citrato), cardo-santo ou cardo-mariano (Carduus sanctus), centelha (Centella asiatica), coentro (Coriander spp), dente-de-leão (Taraxicum officinalis), erva-doce (Pinpinella anisum), espinheira-santa (Maytenus ilicifolia), hortelã (Mentha piperita) e sálvia (Salvia officinalis). 
 
Diuréticas: fim da retenção hídrica 
 
Favorecem o trabalho dos rins na filtragem da linfa (líquido que carrega as impurezas para fora do organismo). Isso facilita a eliminação das toxinas pela urina, combatendo o inchaço e ajudando o organismo a responder melhor à dieta. 
 
Alfafa (Medicago sativa), borragem (Borago officinalis), cabelo de milho (Zea mays), cavalinha (Equisetum arvense), quebra-pedra (Phyllantus niruri) e sete sangrias (Cuphea balsamona).
 

5 boas combinações

Se tiver dúvida na escolha das ervas, siga as sugestões da nutricionista e fitoterapeuta Lucyanna Kalluf, do Instituto de Prevenção Personalizada, em São Paulo. 
 
1. Chá branco + hibisco + carqueja: o mix exerce ação desintoxicante, eliminado toxinas e gordura, além de melhorar o funcionamento do intestino. E tudo isso faz você perder peso. 
 
2. Dente-de-leão + centelha + alfafa: com alto poder diurético, drena o excesso de líquido e ajuda a varrer para fora do organismo as toxinas que, em excesso, fazem você acumular peso. 
 
3. Chá verde + boldo + cavalinha: potente termogênico, acelera a queima de gordura. Também auxilia na limpeza das toxinas, fazendo o organismo responder melhor à dieta. 
 
4. Carqueja + centelha + cavalinha: tem efeito diurético, pois melhora o funcionamento do fígado. Isso ajuda a desinchar rapidamente, deixando a barriga mais lisinha. 
 
5. Dente-de-leão + chá verde + hibisco: acelera a queima de gordura, além de melhorar o metabolismo do açúcar e da gordura. Com isso, evita que essas substâncias colaborem para o aumento da cintura.
 

Ferva e abafe

Preparar o chá da maneira correta é essencial para deixar a bebida mais gostosa e eficiente contra as gordurinhas. Siga o passo a passo: 
 
Coloque as ervas (1 colher de sopa de cada uma, com exceção do chá verde que deve ser usado em menor quantidade: apenas 1 colher de sobremesa) em um recipiente de vidro ou porcelana. Metais como inox ou alumínio interferem negativamente nas propriedades do chá. Em uma panela à parte, leve 1 litro de água ao fogo e, assim que começar a ferver, jogue sobre as ervas. Abafe com uma tampa ou um pires por 10 minutos. Coe e beba frio ou quente, no intervalo das refeições. 
 
Faça apenas a quantidade de chá que você vai consumir no dia. De um dia para o outro, a bebida perde as propriedades fitoquímicas e deixa de promover os efeitos esperados.
 

Refeições leves + chá = corpo em forma 

Você pode repetir este cardápio de 1200 calorias por um mês, combinando as refeições como quiser. E não se esqueça do chá - beba de 3 a 4 xícaras por dia (de 750 ml a 1 litro, no máximo) entre as refeições. Vai ser bem mais fácil baixar o ponteiro da balança, mesmo no inverno!
 
Cardápio inserido
Cardápio

Café da manhã

Opção 1: 2 biscoitos água e sal com geleia sem açúcar + 1 copo (200 ml) de leite de soja light batido com cacau em pó + 1/2 papaia com 1 col. (sopa) de farelo de aveia

Opção 2: 1/2 pão francês sem miolo com 1 fatia de queijo branco light + 1 xíc. (chá) de leite desnatado com café (adoçante, opcional) + 1 fatia média de melão

Opção 3: 1 fatia de pão integral light com creme de ricota (ou requeijão light) + 1 copo (200 ml) de suco de melão batido com 1 col. (sopa) de linhaça

Opção 4: 1 fatia de pão integral light com 2 fatias de peito de peru light + 1 copo (300 ml) de suco de mamão e laranja batido com 1 col. (sopa) de aveia

Opção 5: 2 torradas integrais com geleia sem açúcar + 1 pote de iogurte natural desnatado com 1 col. (sopa) de aveia e 5 morangos

Lanche (manhã e tarde)

Opção 1: 1 barra de cereais light

Opção 2: 1 queijinho fundido com fibras (tipo Polenguinho)

Opção 3: 1 pote de iogurte de fruta light

Opção 4: 1 fatia de pão integral light com creme de ricota (ou requeijão light)

Opção 5: 1 porção de fruta (1 maçã, 1 banana, 1 pera, 1 fatia média de mamão ou melancia)

Almoço

Opção 1: 1 prato (sobremesa) de alface com 1 tomate e 1/2 chuchu cozido com sal, 1 fio de azeite e limão + 3 col. (sopa) de arroz integral + 1/2 concha de feijão + 1 peito médio (100 g) de frango grelhado + 1 taça de gelatina diet

Opção 2: 1 prato (sobremesa) de agrião com 1/2 pepino e 2 rabanetes em rodelas finas com sal e limão + 1 pires de soja cozida (ou carne moída) com salsa, 1 fio de azeite e sal + 1 pegador de macarrão com abobrinha, tomate e berinjela + 1 taça de gelatina diet

Opção 3: 1 pires de brócolis cozidos com alho tostado e 1 fio de azeite + 1/2 beterraba cozida com sal e salsa + 3 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé grande (120 g) de peixe grelhado + 1 taça de pudim diet

Opção 4: 1 prato (sobremesa) de alface e 2 buquês de couve-flor cozida com 1 fio de azeite e sal + 3 col. (sopa) de arroz integral + 3 col. (sopa) de abobrinha refogada + 1 filé médio (100 g) de carne magra (alcatra, patinho) grelhada + 1 taça de flã diet

Opção 5: 1 prato (sobremesa) de rúcula com 2 col. (sopa) de grão-de-bico com 1 fio de azeite e sal + 3 col. (sopa) de arroz integral + 4 col. (sopa) de frango xadrez (filé de frango cozido com pimentão, tomate e amendoim) + 1 taça de gelatina diet

Jantar

Opção 1: 1 prato (sobremesa) de alface, 3 col. (sopa) de ervilha e 1 ovo cozido com 1 fio de azeite e sal + 1 hambúrguer de soja (ou frango) grelhado + 3 col. (sopa) de purê de mandioquinha

Opção 2: 1 prato (sobremesa) de brócolis e abóbora cozidos com salsa, 1 fio de azeite e sal + 3 col. (sopa) de arroz integral + 1 filé médio (100 g) de carne magra (coxão-mole) grelhada

Opção 3: 1 prato (sobremesa) de rúcula e 1 tomate com sal e 1 fio de azeite + 2 batatas médias cozidas e recheadas com requeijão light (2 colheres de sopa para cada batata) + 1 col. (sopa) de carne moída refogada

Opção 4: Salada completa: 2 pegadores de macarrão integral com 1/2 lata de atum light, 5 tomates-cereja e 2 azeitonas com salsa, 1 fio de azeite e sal

Opção 5: 1 prato (sobremesa) de agrião, alface e rúcula com 1 fio de azeite, sal e limão + 1 pão árabe médio com molho de tomate, ricota e orégano (tipo pizza)

Ceia

Opção 1: 1 porção de fruta (1 banana, 1 maçã, 1 pera, 1 fatia média de abacaxi ou melão)

Opção 2: 1 fatia de queijo branco light

Opção 3: 1 torrada com geleia sem açúcar

Opção 4: 1 biscoito de gergelim com requeijão light

Opção 5: 1 pote de iogurte natural desnatado com 1 col. (sopa) de aveia

(Cód. Conteúdo: 784293)

Comente