(none)

Frutas cítricas diminuem os riscos de AVC

Pesquisa aponta que mulheres que consumiam duas ou mais porções de frutas cítricas por dia, tinham 10% menos chances de sofrerem um AVC

Publicado em 13/09/2012

Gislene Pereira

Suculentas e saudáveis. Precisa de algo mais?
Foto: Getty Images

Mais um motivo para incluir frutas cítricas no seu cardápio: de acordo com a revista científica americana Stroke, mulheres que consumiram duas ou mais porções por dia desse alimento, por um período de 14 anos, eram 10% menos propensas a sofrer um acidente vascular cerebral do que aquelas que comeram menos de duas porções diárias.

Crédito aos flavonoides - componentes abundantes em laranja, limão, uva e frutas vermelhas -, que beneficiam a saúde. "Eles melhoram a função dos vasos sanguíneos e têm efeito anti-inflamatório, o que pode reduzir o risco de acidentes vasculares devido a coágulos de sangue", diz a autora do estudo, Aedin Cassidy, da Universidade de Anglia do Leste, no Reino Unido. Prefira as frutas inteiras ao suco delas.

PERIGO EM LATA

Alerta às fãs de Coca-cola: a bebida comercializada na embalagem brasileira contém a maior concentração de uma substância possivelmente cancerígena - o 4-metil-imidazol (4-MI), subproduto do corante caramelo IV - em comparação com a vendida em outros lugares no mundo, como Canadá, China, Japão, Quênia, Emirados Árabes, México, Reino Unido e Estados Unidos. O refrigerante daqui contém 263 microgramas (mcg) do corante em 350 ml, valor quase 50% do que o do segundo colocado, o Quênia (com 177mcg).

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.