Emagreça com a dieta do miojo

Macarrão instantâneo pode acrescentar sabor à alimentação e ainda enxugar medidas

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 23/10/2008 em

Viva! Mais

um conteúdo de

Emagreça com a dieta do miojo
Fabrício Pellegrino
Glaucia emagreceu com macarrão light sem tempero

Glaucia emagreceu com macarrão light
sem tempero
Foto: Priscila Abreu

Quando tinha 23 anos, a jornalista Gláucia Rita Civa, 1,63 m, de Porto Alegre (RS), viu o ponteiro da balança disparar dos 47 kg para os 58 kg. Dona de formas invejáveis, ela precisou tomar injeções de hormônios para controlar a artrite que paralisou seu braço direito. O tratamento chegou ao fim em dois meses, deixando mais 11 kg como seqüela. Nos dois anos seguintes, Gláucia fez inúmeras dietas para recuperar a antiga forma e até chegou a emagrecer, porém, sempre voltava a engordar.

Cansada do efeito sanfona e decidida a secar de vez, criou uma dieta inspirada em sua rotina. Acredite se quiser, mas ela expulsou os quilos extras comendo miojo. Claro, doces, refrigerantes, salgadinhos e bolachas foram extintos do cardápio. Além disso, passou a fazer cinco refeições ao dia e adicionou frutas à dieta. Para dar uma forcinha à perda de peso, começou a caminhar e substituiu o elevador por escadas. Em cinco meses, estava em forma e nunca mais engordou!

Se percebe que exagerou num dia, no outro adota o macarrão instantâneo. “Essa dieta pode funcionar para outras pessoas desde que entendam: não dá para restringir muito, mas ter consciência de que deve se alimentar, na hora certa, de comidas saudáveis, e não dar um grande espaço entre uma refeição e outra”, ensina a moça.

Dicas para secar

· Ao preparar o macarrão instantâneo, dispense o tempero que o acompanha. Os sabores chegam a ter 4 g de sal. A ingestão ideal é de até 5 g diárias.

· Legumes, frutas e verduras devem aparecer com freqüência maior no cardápio. Não adianta emagrecer e ficar com carência de vitaminas e minerais no organismo.

· Mantenha o peso com uma velha receita: exercícios físicos regulares, alimentação equilibrada de três em três horas e ingestão de, no mínimo, dois litros de água por dia.

· Procure evitar embutidos. Mortadela e salsicha são ricas em colesterol e gorduras saturadas.

· Não substitua carnes brancas ou vermelhas por ovos mais de três vezes por semana. O ferro da gema não é absorvido com tanta facilidade pelo organismo.

· O jantar deve ser menos calórico do que o almoço, pois o metabolismo fica mais lento.