As famosas que venceram o câncer
Lorena Verli

Drica Moraes inicia novo ciclo
Foto: Rafael Campos

Patrícia Pillar, Joana Fomm, Márcia Cabrita... O que essas atrizes têm em comum? Elas lutaram ou lutam contra o fantasma do câncer. De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a doença atinge hoje cerca de 253 mil mulheres no Brasil, especialmente o câncer de mama e o de colo de útero. Mas outros tipos de câncer, como a leucemia, também dão as caras entre as brasileiras.

Foi o caso da atriz Drica Moraes, que descobriu a doença em fevereiro deste ano. Depois de passar por várias sessões de quimioterapia e por um bem-sucedido transplante de medula óssea, Drica recebeu alta do hospital e, no fim de julho, festejou seus 41 anos em família.

Segundo sua assessoria, a atriz, mãe de Mateus, de 1 ano e meio, está bem e voltará a trabalhar em breve. "Ela está se recuperando bem e retomando suas atividades aos poucos."

Nunca perca a esperança
O diagnóstico de um câncer não é mais uma sentença de morte, como era antigamente. Segundo o oncologista Décio Lemer, do Hospital São Vicente de Paulo, no Rio de Janeiro, para combater a doença é fundamental manter o amor-próprio.

"Pacientes que conseguem ter bom humor respondem melhor ao tratamento contra o câncer", afirma o oncologista. Descubra como essas bravas guerreiras lutaram contra a doença e as atitudes que ajudam a vencer o câncer de vez.

7 armas para lutar contra o câncer

As famosas que venceram o câncer

Chá-verde desacelera o crescimento de algumas células cancerígenas
Foto: Getty Images

1. Aprenda a se amar
Pacientes que cultivam o amor-próprio e que conseguem manter o bom humor durante o tratamento, enfrentam melhor os efeitos da cirurgia, da quimioterapia e da radioterapia. Não pense: "por que foi acontecer comigo?".

2. Beba chá-verde
Alguns alimentos têm substâncias que combatem o câncer. De acordo com uma pesquisa americana, o chá-verde tem um componente que desacelera o crescimento das células de leucemia, de câncer de mama e de boca.

3. Dê espaço para a tristeza
Esse sentimento também faz parte da doença e é normal. O que não pode acontecer é se deixar dominar por ele.

4. Fique perto de quem você ama
Pacientes com uma estrutura familiar sólida e amigos lidam melhor com a doença e com o tratamento. 

5. Abandone os maus hábitos
Continuar fumando não é uma boa escolha. Uma pesquisa americana destacou que a nicotina presente no cigarro pode interferir no resultado da quimioterapia.

6. Cultive a fé
Pesquisa brasileira revelou a importância da religiosidade e da fé na luta contra a doença. Os pacientes com câncer reencontram o sentido da vida e fortalecem laços familiares através da religião.

7. Faça exercícios
Mulheres com câncer de mama que se exercitam têm menos risco de ter depressão durante o tratamento, diz estudo americano.