10 ideias para desintoxicar a mente

Confira algumas dicas de como afastar os pensamentos negativos e manter-se feliz

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 17/07/2012 em

Claudia

um conteúdo de

10 ideias para desintoxicar a mente
Reportagem: Carla Leirner - Edição: MdeMulher

Às vezes, rir de si mesma é o melhor remédio
Foto: Getty Images

Uma coisa é ficar brava ou triste de vez em quando. Outra, deixar-se dominar pela ira ou remoer eternamente o rancor, sem mudar o disco. Para evitar que isso aconteça, adote algumas medidas simples, mas altamente eficazes.

1. Gritar... sozinha

Não tem nada pior que mulher histérica, que explode à toa. Para escoar o excesso de energia, conheça o Sopro Rá – prática respiratória que termina com um grito. “O som deve sair da região do estômago, e não da garganta”, ensina a consultora Márcia De Luca. Com os pés afastados, alinhados com os quadris, inspire fundo erguendo os braços. Entrelace as mãos no alto, gire a palma para cima e alongue todo o corpo. Ao expirar, flexione o tronco para a frente e grite “Rá”. Retorne à posição inicial inspirando profundamente. Repita cinco vezes.

2. Fazer exercícios

A atividade física, se não for mecânica, vai vitalizá-la. O que importa é escolher algo de que goste (dançar, nadar, correr...). “Os exercícios oxigenam e estimulam a produção de endorfinas, responsáveis pela sensação de bem-estar”, diz a psicanalista Patrícia Argelazi.

3. Providenciar um amuleto

Os antigos xamãs atribuíam poderes medicinais às pedras. No livro A magia das Pedras e Cristais (ed. Planeta), Barbara de Lellis indica as propriedades de muitas delas: a malaquita equilibra o sistema nervoso; a esmeralda expande a consciência; o quartzo rosa alivia males do amor. Escolha uma ou várias para manter perto de você.

4. Afastar-se dos chatos

Quem está vulnerável deve passar longe dos fofoqueiros, dos reclamões e de quem adora julgar os outros. Já as pessoas de alto-astral atuam como antídoto contra “piti”.

5. Liberar a tensão

Procure incorporar a automassagem ao seu cotidiano para relaxar. Passe nas mãos um pouco de óleo vegetal morno (gergelim, por exemplo) e pressione áreas doloridas, como sola dos pés, ombros, pescoço e cabeça (experimente massagear o couro cabeludo com a ponta dos dedos). Inspire e expire durante o processo.

6. Permitir-se mimos

“Não descuide dos pequenos prazeres, pois são eles que trazem a alegria de volta”, garante a psicóloga Maila Flesch. Vá ao cinema, passeie, veja uma exposição ou tome um drinque com as amigas.

7. Construir o seu refúgio

Transforme sua casa num templo purificando-a com alguns rituais. Acenda incensos e velas e coloque vasos com flores brancas em pontos estratégicos. Em lojas de produtos naturais, é fácil encontrar aromatizadores: experimente borrifar essências cítricas, como limão, tangerina e laranja, que são estimulantes. À noite, prefira um aroma relaxante de lavanda.

8. Desconfiar dos próprios dramas

Não se leve tão a sério. Às vezes, rir de si mesma é o melhor remédio. “O humor abre portas, permite encarar as dificuldades sob uma nova perspectiva”, diz o americano Allen Klein, autor de Courage to Laugh (Coragem para rir).

9. Cantar

Pode ser debaixo do chuveiro, no trânsito ou no karaokê. O importante é soltar a voz. “Ao cantar, você desbloqueia a respiração e relaxa a musculatura corporal e da mandíbula”, explica a cantoterapeuta Adelina Rennó. “Isso ajuda a liberar as emoções represadas.”

10. Trocar o café pelo chá

Todo mundo adora um cafezinho, mas ele é um veneno para quem anda nervosa. Procure substituí-lo por uma gostosa xícara de chá à base de passiflora, melissa ou camomila. Esses calmantes naturais auxiliam o sono e a digestão.

Mais