Como driblar o ‘inferno astral’ e tornar a fase mais suave

É preciso adotar comportamentos harmoniosos durante o ano todo e não só no mês que antecede o seu aniversário!

Você pode se surpreender, mas sabia que, oficialmente, o termo “inferno astral” não consta na literatura astrológica e muitos estudiosos negam a sua validade? A expressão foi inventada popularmente no século XX e surgiu como uma apropriação de conceitos esotéricos.

“Inicialmente, significava uma fase bem ruim que a pessoa estava enfrentando. Depois, sua associação com esse universo se tornou maior, quando passou a ser comparada aos conceitos da Astrologia (como o décimo segundo signo e décima segunda casa) e aos significados relacionados a esses conceitos, até adquirir o status que tem hoje, de ‘período crítico que começa trinta dias antes do aniversário'”, explica Terra, astróloga do Astrocentro.

De acordo com a especialista, o termo representa a associação do período de trinta dias (um doze avos do ciclo zodiacal) anterior ao aniversário com a última casa zodiacal do mapa pessoal. A décima segunda casa do mapa astral é associada ao karma e às dificuldades que viabilizam o acesso ao mundo interior do ser, permitindo uma reavaliação de toda sua vida. É a casa do inconsciente pessoal e coletivo, dos inimigos ocultos, do isolamento, dos medos, traumas, talentos e das potencialidades ocultas.

Assim, o “inferno astral” ocorreria trinta dias antes do aniversário da pessoa, quando ela é arremessada e obrigada a mergulhar em seu mundo interior.

Quando a pessoa não está sintonizada consigo mesma e com o que lhe acontece, tudo pode soar como “castigo” ou “azar”. Quem está enfrentando muitos problemas e preocupações e não tem o hábito de olhar para dentro para perceber seu papel e responsabilidade em tudo o que faz, sente e pensa, pode receber esse período de forma adversa. Então, geralmente acaba perdendo o controle da própria vida, podendo passar por atrasos, interrupções, pausas forçadas e desastres. Isso pode acontecer para que a pessoa interrompa o seu movimento desordenado e pare para refletir e adquirir mais consciência sobre a própria conduta e personalidade.

No entanto, quando a pessoa está sintonizada com seu mundo interior, pode ser um período de reflexão muito rico, em que seu inconsciente lhe enviará importantes mensagens através de sonhos e intuições. As pessoas que estão sempre em busca do autoconhecimento e fazem terapia ou meditam, por exemplo, também podem passar por grandes adversidades, mas terão mais condições de manter o pensamento centrado e lucidez para tirar o máximo proveito da situação. Elas podem achar dentro delas as respostas que tanto buscaram ao longo do ano para recomeçarem um ciclo ainda melhor.

Na opinião de Terra, um modo de evitar o lado sombrio do período, que tende a atingir as pessoas que não estão muito conscientes de si mesmas, seria buscar, de modo harmonioso e frequente, o autoconhecimento ao longo de todo o ano, além de adotar um estilo de vida mais saudável e equilibrado. “É aconselhável evitar lugares, programas e companhias arriscados, além de alimentos e substâncias que podem intoxicar o organismo e alterar o estado de consciência, como álcool, tabaco, remédios vendidos em farmácia e outras drogas”, aponta. “Quem ainda não parou para refletir e olhar para dentro de si e apenas se envolve na correria das tarefas precisa recorrer o quanto antes a qualquer um dos vários profissionais que promovem cura física, psicológica e espiritual, a fim de buscar ajuda para administrar e resolver os problemas, para que eles não atrapalhem o próximo ano pessoal”, orienta.

Vale lembrar que especialistas recomendam que todos procurem um profissional para analisar com atenção os trânsitos astrológicos no período anterior ao seu aniversário. Só assim é possível identificar possíveis dificuldades, já que os trânsitos planetários variam muito em duração e, por isso, nenhuma véspera de aniversário é igual a outra.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s