Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

29/10/2014

ATUALIZADO EM

29/10/2014

Carência: descubra o limite desse sentimento

Aprenda a combater de uma vez por todas a carência e fortaleça a sua autoestima
Carência: descubra o limite desse sentimento
Roberta Cerasoli

Se você espera que alguém lhe dê a mão para ter carinho e atenção, você é uma pessoa carente!
Foto: Getty Images

Vazio, tristeza, falta de carinho. Por todos os lados, as pessoas parecem mais felizes do que você. E o pior, não aparece ninguém para tirá-la dessa escuridão em que se meteu sem querer. Opa! Você está esperando alguém que lhe dê a mão para ter carinho e atenção? Pois isso tem nome: carência! E, para sair dessa, só quem pode ajudar é uma pessoa. Não, não é o príncipe encantado que vai vir em um cavalo branco. É você mesma. "Carência tem a ver com o excesso de importância que damos a outras pessoas", diz o psiquiatra Luiz Alberto Py.

Às vezes, a pessoa quer um carinho do marido, um beijo dos filhos. Mas isso não pode ser uma constante. Os grandes causadores da carência são: insegurança, medo de solidão e falta de amor-próprio. "A pessoa pensa que, se fosse legal, não estaria só. Mas é preciso tomar as rédeas da própria vida, e não esperar isso do outro", orienta Py.

Então, nada de apostar as fichas no marido, nos filhos ou em outra pessoa. Você precisa estar feliz para ser amada por todos. Então cuide de você, e o carinho que espera dos outros será consequência.

5 formas de combater a carência

1. Não tenha medo da solidão
O marido saiu, os filhos também, está sozinha em casa? Aproveite para ler um livro, ouvir aquela música que seus filhos detestam, ver a novela em paz. Curta o seu momento.

2. Faça uma autoanálise
Muitas vezes, a pessoa pensa que os outros estão se afastando dela, que todos são culpados pela sua carência. "É preciso que ela analise se não é ela quem está se afastando das pessoas, muitas vezes por não conseguir colocar pra fora seus sentimentos ou qualquer outra razão".

3. Exercite-se
Faça caminhadas, ande de bicicleta ou apenas suba as escadas do seu prédio. A atividade física aumenta a produção do hormônio que dá a sensação de bem-estar.

4. Não se afaste das amigas
Quando a mulher se casa, é natural que as amigas da época de solteira se afastem. Mas não deixe que isso aconteça. Marque um café ou um jantar com elas uma vez por mês, pelo menos. Isso a deixará sempre com uma lembrança boa da época em que era solteira e feliz, mesmo sozinha.

5. Tenha um bichinho de estimação
Ele está sempre disposto a dar e receber carinho, sem exigir nada em troca. E você aprende uma nobre lição: amar sem cobranças.

 

Carência: descubra o limite desse sentimento

Reserve um momento para mentalizar o amor e se livrar da carência
Foto: Getty Images

Exercício mental para driblar a carência afetiva

O exercício abaixo foi criado pela terapeuta holística Izabel Telles, formada pelo The American Institute for Mental Imagery, de Nova York (EUA):

Sente-se num lugar tranquilo, feche os olhos e imagine uma muralha gigante feita de pedras à sua frente. Nessa muralha, estão todos os sentimentos do mundo. Inspire profundamente e, usando a força do seu pensamento, quebre a muralha ao expirar. Agora mentalize o amor (que pode ser representado por uma cor, uma pessoa etc.). Respire e abra os olhos.

Repita esse exercício 1 vez por semana, ou quando sentir vontade. e vai se sentir melhor.

3 graves erros do carente

Entregar seu coração e a sua felicidade nas mãos de outra pessoa.
Quando está solteira, a pessoa acredita que, ao encontrar o seu grande amor, a carência acabará. Já casada, ela pensa que, se o marido lhe desse mais atenção, tudo se resolveria. Enfim, nunca está bom. Então, ou passa a cobrar cada vez mais o amor do outro ou desconta essa frustração em vícios, como comer demais, fumar, beber, fazer compras. Tudo o que, além de não resolver, complica mais a sua vida.

Depositar a carência nos doces.
As mães adoçam o leite de seus bebês nas mamadeiras. Já mais velhinhos, quando se comportam bem, merecem um doce. Ou seja, o açúcar está diretamente ligado ao afeto. E, havendo carência, o doce pode ser a compensação. Mas a realidade é outra. Além de não preencher o vazio que sente, o doce ainda deixa o carente com peso na consciência, por causa do aumento de peso.

Sufocar quem te ama de verdade.
Seja filho, marido, amigo... Ao se sentir carente, a pessoa acaba se doando inteiramente ao outro, oferecendo carinho, agrados, mimos, e abre mão de sua própria vida. Só que, ao se colocar em último lugar na lista de prioridades, essa pessoa acaba pagando um preço alto e vai se sentindo cada vez mais carente. E, claro, depois vai cobrar o objeto de sua atenção com uma insatisfação sem limites ou um ciúme excessivo. É preciso colocar as suas necessidades sempre em primeiro lugar, para, depois, amar quem está ao seu lado.

 

Carência: descubra o limite desse sentimento

Por carência, Norma se entregou ao cafajeste Léo
Foto: Alex Carvalho / Divulgação Rede Globo

Na ficção...

Se tivesse tomado todos esse cuidados, Norma (Gloria Pires) não teria sido enganada pelo cafajeste Léo (Gabriel Braga Nunes), em "Insensato Coração". Depois que ficou viúva, a técnica em enfermagem deixou de se cuidar, aceitou ser maltratada pelo patrão e perdeu a esperança de ser feliz. Léo chegou como a tábua de salvação. Claro que ela se entregou. "Uma criança precisa que cuidem dela. Um adulto não", enfatiza o psiquiatra.

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Revelação

  • Alessandra Orofino
    Alessandra Orofino

    Esta à frente de uma ONG que conecta pessoas interessadas em solucionar problemas no Rio de Janeiro

  • Raquel Helen Santos Silva
    Raquel Helen Santos Silva

    Destaca-se por criar projetos de empoderamento e por conseguir apoio internacional para as causas feministas

  • Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha
    Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha

    Desenvolveram uma cobertura para ruas e estradas mais resistente, econômica e sustentável que a convencional

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Consultora NATURA Inspiradora

  • Juthay Nogueira
    Juthay Nogueira

    Promove ações para evitar que os jovens entrem para o tráfico de drogas, em uma comunidade de Belo Horizonte

  • Nilcimar Maria Silvestre dos Santos
    Nilcimar Maria Silvestre dos Santos

    Fundou uma associação que apoia vítimas de agressão doméstica e estimula o empreendedorismo 

  • Rozimere Santos Oliveira Souto
    Rozimere Santos Oliveira Souto

    Líder que organiza a produção agrícola e o empreendedorismo entre as mulheres, no Sertão da Paraíba

Ciências

  • Adriana Melo
    Adriana Melo

    Especialista em medicina fetal comprovou a relação entre infecções por zika em e as malformações em bebês

  • Eliana Abdelhay
    Eliana Abdelhay

    Desenvolve pesquisas a fim de melhorar os prognósticos de doenças graves e agiliza o diagnóstico de câncer

  • Thelma Krug
    Thelma Krug

    Restringe o desmatamento nas florestas e emissão de poluentes, responsáveis pelas mudanças climáticas

#ESTAMOSJUNTAS

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Se a Miss Brasil deve ser a embaixadora da beleza brasileira, por q...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Em rara aparição, Eva, filha de Angélica e Luciano Huck, comemor...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Underboob: mostrar a parte de baixo dos seios é a nova mania entre...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Kéfera: como a youtuber adotou novos hábitos saudáveis e emagrec...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    22 celebridades mostrando que dá para ser chiquérrima sem alisar ...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    O que acontece quando... você fica 21 dias sem glúten, açúcar, ...