Minha menina está grávida

Na adolescência, a gravidez é sempre um susto para toda família. Veja como lidar com a situação

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 30/10/2008 em

AnaMaria

um conteúdo de

Minha menina está grávida
Lorena Verli

Dar apoio é melhor do que brigar com 
a filha.
Foto: Frederico Rozário

Receber a notícia de que sua filha adolescente está grávida não é fácil. Catarina, personagem de Lilia Cabral na novela "A Favorita", da Rede Globo, representa as milhares de mães que enfrentam esse problemão. 

Em 2007, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), mais de 300 mil adolescentes de até 19 anos deram à luz. O número de jovens grávidas aumenta ano a ano.

"Os jovens sabem se prevenir, mas não têm maturidade para isso. Os pais têm de ajudá-los", diz o consultor em educação sexual Marcos Ribeiro, autor do livro "Adolescente: um bate-papo sobre sexo", da Editora Moderna.

Como agir se essa bomba estourar na sua casa

· Apóie. Sua filha não deve ser penalizada pela gravidez. Explique a ela que ser mãe significa abrir mão de sair com os amigos, mas não a ponha de castigo.

· Mostre o lugar dela. Nada de assumir o bebê como se fosse seu filho.

· Encontre a família do rapaz. Não para fazer acusações. O objetivo é tratar de assuntos práticos como plano de saúde, pré-natal e responsabilidades.

· Não afaste o futuro pai. Ele não é o culpado pela gravidez e deve assumir a sua responsabilidade.

· Incentive sua filha a estudar. Se for possível, cuide do seu neto enquanto ela estiver na escola. Diga que ela não deve ter vergonha de ir ao colégio porque ficou grávida sem planejar.