Comes e bebes para o chá de bebê
Joel Albrizio/Thinkstock/Getty Images

Se a festa acontecer perto da hora do almoço, uma saída interessante seria servir uma espécie de brunch, refeição que combina o café da manhã (breakfast, em inglês) com o almoço (lunch, em inglês). Um cardápio de brunch inclui quitutes típicos de café da manhã, como pães variados, geleias e frios, e outras comidinhas mais substanciosas. Omeletes, saladas e uma torta salgada são bem-vindas. Para beber, sucos, água, refrigerantes, chás e café. Em geral, os brunchs começam às 10h ou 11h da manhã. 
 
A maioria dos chás de bebês, no entanto, acontece na parte da tarde. Nesse caso, um lanche leve, sem exageros, mas com um cardápio variado, é o mais indicado. Lembre-se que os convidados provavelmente já terão almoçado, então irão querer apenas petiscar. 
 
No cardápio, inclua minisanduíches com pães caseiros, torradas com patês variados, canapés, empadinhas e outros salgadinhos. Na hora da sobremesa, um bolo e alguns docinhos. Para beber, água, sucos ou refrigerantes e, fazendo jus ao nome do evento, chá! Prepare uma caixinha com sabores diversos. Se tiver calor, opte pelos mates gelados. Disponha tudo sobre uma mesa. Assim os convidados se servem como quiserem.
 
Dependendo do perfil da turma, você pode pedir aos amigos que tragam um prato de doce ou salgado e oferecer as bebidas e parte dos salgados. Combine com eles as quantidades e quem vai trazer o quê, para evitar repetição e pratos. Algumas pessoas não se sentem à vontade com essa opção, uma vez que os convidados já se encarregarão dos presentes. Porém, se o chá de bebê foi organizado por uma amiga e não a grávida, esta pode ser uma boa solução.