Decore a casa com os desenhos de seu filho

Ideias inspiradoras para você aproveitar as "obras de arte" do seu pequeno

Use a criatividade para decorar a casa com os desenhos de seu filho
Foto: Sheila oliveira/Empório Fotográfico

 

Sabe aquelas pinturas e os rabiscos do seu filho, que você guarda com tanto carinho? Use-os com criatividade na decoração de vários objetos.

Exposição de arte
Recorte o desenho da criança e escolha um quadrinho no tamanho exato dele. Passe cola no papel e fixe-o na tela. Pinte a moldura do quadro na cor de sua preferência. Aguarde a secagem e, depois, enfeite a peça com laço de fita de tecido e estrelinhas feitas com caneta hidrográfica. Ao final, é só pendurar!

 

Decore a casa com os desenhos de seu filho

Para não estragar os desenhos feitos em papel, limpe as peças apenas com pano seco
Foto: Sheila oliveira/Empório Fotográfico

Jardim de flores
Uma boa sugestão para reaproveitar garrafas de vidro é transformá-las em charmosos vasos de mesa. A decoração fica por conta da colagem daquelas delicadas flores que a sua menina fez um dia. Basta recortar os contornos da imagem e fixá-la com cola branca na garrafa, deixando o caule da flor próximo à base da peça.

 

Decore a casa com os desenhos de seu filho

Sinta seu filho mais perto de você no trabalho: decore sua mesa com os desenhos feitos por ele
Foto: Sheila oliveira/Empório Fotográfico

Escritório animado
Ter na mesa de trabalho objetos que tragam à lembrança o carinho do seu filho por você é uma gostosa emoção. Aproveite os desenhos pequenos que ele faz, como bola, foguete, pipa, estrela e sol, para revestir porta-lápis e caixinhas de madeira. Pinte-os com tinta acrílica usando cores que contrastem com a arte da criança. Após a secagem, cole os desenhos recortados como desejar.

 

Decore a casa com os desenhos de seu filho

Personalize sua ecobag com um dos desenhos de seu filho. Confira o passo a passo!
Foto: Sheila oliveira/Empório Fotográfico

A tiracolo
Até a sua ecobag pode ser personalizada com uma figura divertida. Para isso é preciso recorrer ao transfer, uma técnica de estamparia – lojas especializadas em faixas ou fotografia digital oferecem esse serviço. O desenho (que deve ser feito em papel sulfite com tinta acrílica) é transferido para uma bolsa lisa de algodão que você compra pronta ou faz em casa seguindo as orientações na reportagem de passo a passo da confecção da bolsa. Tenha o cuidado de não passar a peça a ferro nem abusar das lavagens.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s