Divisórias de ambientes diferentes

Fitas de cetim, barras, vidro e até uma estante vazada podem fazer as vezes de divisória, uma peça que ajuda a criar novos ambientes

O espaço entre as faixas criou um design inusitado, que dá leveza à divisória
Foto: Leonardo Costa

Jogo de fitas

Muitos apartamentos pequenos não separam sala e quarto com parede. Para organizar visualmente o espaço, preservando a amplitude do ambiente, as irmãs e arquitetas Elise e Evelyn Drummond (RJ) criaram uma cortina de fitas de cetim. Elas usaram três rolos de fita (com 3 cm de largura), que foram fixadas em dois varões (de 1,40 m) – um preso ao teto e outro, no chão. “Essa divisória também serve para compor o hall de entrada ou dividir sala de TV e de jantar”, ensina Evelyn. Escolha fitas em tom neutro para não enjoar.

Divisórias de ambientes diferentes

Passe uma resina incolor no ferro para impedir o processo de ferrugem e evitar acidentes
Foto: Leonardo Costa

Reciclagem na decoração

Vergalhões e tijolos utilizados em construção viraram um painel moderno nesta proposta do arquiteto Claudio Maurício da Silva e do designer de interiores Paulo Henrique Gonçalves (RJ). Eles fizeram um cachepô com os tijolos, onde foram fixadas as barras de aço, para delimitar o espaço da sala de jantar.

Divisórias de ambientes diferentes

Transforme a parte superior da placa em uma TV
Foto: Leonardo Costa

Duas caras

Para compor quarto e sala, as arquitetas Patrícia Bicaco e Paula Costa (RJ) resolveram trocar as tradicionais paredes de tijolos por uma placa de vidro – fixada num recorte no gesso do teto. “O vidro é a melhor alternativa para manter a visibilidade dos cômodos e continuar com todo o espaço”, explica Paula. As arquitetas conferiram mais uma utilidade à placa ao transformar a parte superior dela em TV. Como? “Aplicamos uma película especial que reflete imagens de um projetor para os dois ambientes.” Uma ideia simples e genial!

Divisórias de ambientes diferentes

Estante vazada pode fazer as vezes de divisória
Foto: Leonardo Costa

De lá pra cá

Os experts Claudio e Paulo conseguiram dar um pouco de privacidade a este quarto com uma estante vazada, feita com nichos e prateleiras. “O ideal é escolher um móvel que possa ser usado no quarto e na sala”, sugere Claudio. Na hora de enfeitar, não sobrecarregue a estante com objetos e prefira peças que sejam bonitas de todos os lados.

Comentários
Deixe uma resposta

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s