nao

O que fazer quando o filho não consegue dormir sozinho?

Seu filho sempre pede para dormir com você na sua cama? Fique esperta: dividir os lençóis com a criança decididamente não é um bom negócio

Publicado em 13/07/2011

Thais Szegö

Menina dormindo

Aproveite o começo da noite, horário em que a criança está com mais sono, para colocá-la na cama
Foto: Getty Images

Enfim, sós. Marido e mulher já puseram o filho na cama e, torcendo para que fique bem quietinho, se dirigem ao quarto. Então... a criança se põe a chorar. E não pára. Depois de um dia daqueles, o jeito é ceder aos apelos do pequeno chorão e levá-lo para o quarto do casal. Já viu esse filme? Pois saiba que uma infinidade de pais vive o dilema entre sucumbir ou resistir. A pergunta que fica martelando a cabeça é: até quando vai durar?

A resposta pode estar em um estudo da Universidade do Hospital Infantil de Zurique, na Suíça. Os pesquisadores avaliaram 500 crianças e constataram que aquelas que dormem com os pais quando ainda têm seus 6 meses de idade não levam obrigatoriamente o costume adiante. Já os que conservam o hábito até um pouco mais tarde tendem a desenvolver certa mania pela cama de casal.

Os especialistas são unânimes em achar que lugar de criança dormir é no quarto dela diga-se, para eles, desde a mais tenra idade. No caso do bebê, pela simples razão de que ele corre risco de danos físicos. "Durante a noite, os pais podem jogá-lo fora da cama ou mesmo rolar por cima dele e sufocá-lo", alerta o pediatra Gustavo Antonio Moreira, de São Paulo.

O que está em jogo pra valer, porém, é o equilíbrio emocional. "A criança tem que desenvolver desde cedo a capacidade de ficar sozinha e enfrentar os próprios medos", afirma a psicóloga Célia Horta, de São Paulo. O pediatra Gustavo Moreira completa: "Do contrário, poderão surgir conflitos nas situações de separação mais corriqueiras, como uma viagem ou na hora de ir para a escola."

Limite. Essa palavrinha pode até parecer um tanto desgastada, mas se refere a um conceito que não perdeu a importância. "Os adultos têm que mostrar à criança que as coisas não são como ela quer", ensina a pedagoga Helô Reuter, de São Paulo.

O.k., ficou claro que ceder à manha infantil não é uma boa. Mas também não se deve ser inflexível. "Quando o bebê tem menos de 6 meses e ainda mama durante a noite, pode ficar no mesmo quarto, mas em outra cama", opina Gustavo Antonio Moreira. "Em situações especiais, como quando está doente, também". Mas lembre-se: exceção é exceção.

Muitas vezes os pais adiam tomar uma atitude para tirar o filho do quarto porque, sem pensar, estão usando a criança como barreira para o diálogo entre eles. E é aí que mora o perigo. "Quando a criança deixa de pular na cama de casal, aqueles problemas que já existiam e que não foram discutidos ganham força e se tornam mais evidentes", observa a psicóloga Sueli Rossini, de São Paulo.

Lições de boa noite

Adote os truques ensinados pelos especialistas para seu filho dormir como um anjo (na própria cama)

·  Aproveite o começo da noite, horário em que ele está com mais sono, para colocá-lo na cama.

·  Não espere que durma no colo ou na sua cama para depois levá-lo para o berço.

·  Crie rituais na hora de dormir. Vale tomar água, leite morno ou mesmo pôr para tocar uma música suave à meia-luz.

·  "Coloque-o em uma banheira com água morna e faça movimentos suaves de vai-e-vem com o corpo", ensina Márcia Regina da Silva.

· Conte uma história.

·  Deixe que um bichinho de pelúcia vá para a cama com ele. "É importante que faça isso apenas com um para que ele o identifique como o seu companheiro na hora de dormir", dá a dica Gustavo Antonio Moreira.

·  Se ele não pegar no sono de cara, apareça no quarto de vez em quando. Isso dá segurança, porque aí ele percebe que, embora tenha o seu canto, não está sozinho.

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

marcia franco - minha filha tem 2 anos e nao quer saber de dormir em outra cama sozinha,sou separada e desde 1 ano ela dorme comigo,ja tentei de tudo e quando boto ela na cama para dormir parece que tem espinho na cama,ela entra em desespero.o ruim ¿ quee eu perco a paciencia e as vezes acabo dando uns tapinha nela mas nao adianta nao sei mais o que fazer.As vezes posso acordar super cedo e nao deixar ela durmir de dia,nao adianta ela se vai madrugada a dentro e nao se entrega..me ajude!! - 07/02/2013 04:53:00

Glória - Estou começando um relacionamento agora, tenho 48 anos e não tenho flho e meu esposo tem 41 e ele esta com a guarda de seu filho de 13 anos, eles vieram de outro estado tem 20 dias para morarmos juntos, o garoto é grudado ao pai extremamente, mais o que me encomoda é na hora de dormir o garoto faz de tudo mais o pai tem que dormir com ele se não ele não dormi, na metade da noite ou ate quando o dia esta clareando se o pai levanta para deitar comigo o garoto vem atras e inventa uma dor, ou diz que ta com medo, enventa alguma coisa para nos comover, tenho paciencia mais vejo que isso não vai ter mais fim, pq o pai sempre sede as suas chantagens, pq tem medo que seu filho não goste ou não se acostuma ao lugar, acho muito estranho o comportamento do garoto pois tem 13 anos e se comporta com uma criança de 5 anos, penso que ele esta com algum transtorno, acho que seu pai deveria de dar duro com ele, deixar chorar fazer drama, pois alguma hora ele ira entender - 05/01/2013 01:53:58

karina pessoa - n¿o sei mais o que fazer para meu filho de 1 ano e 4 meses parar de bater no meu rosto quando digo n¿o para ele.Toda vez que falo para ele n¿o fazer algo ele bate forte varias vezes no rosto da pessoa que esta o carregando.O QUE FAZER? - 29/07/2011 17:24:33

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.