Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

29/10/2014

ATUALIZADO EM

29/10/2014

Guru hype: entrevista com a astróloga Susan Miller

Ela revela por que as pessoas têm curiosidade pelo futuro
Guru hype: entrevista com a astróloga Susan Miller
Rafael Sens para Lola

Susan Miller, a astróloga que todos os meses leva milhões de pessoas ao seu site, assina o horóscopo de LOLA. “Garanto meus acertos, mas mapa astral não é religião! Nenhum planeta nos obriga a fazer nada”

POR_RAFAEL SENS, em texto publicado na revista LOLA

“Sou uma filósofa que usa astrologia para desvendar os mistérios da vida.” É assim que Susan Miller define seu ofício. A astróloga que angariou
seguidores do mundo inteiro com as previsões do site astrologyzone.com e no Twitter assina, com exclusividade no Brasil, o horóscopo mensal de LOLA. Susan tem fama de ser uma intérprete certeira do astros. Seu site tem cerca de 18 milhões de acessos por mês e ela publica colunas em revistas de cinco países.
 
Na entrevista que se segue, ela conta que passou por poucas e boas antes de se transformar na diva esotérica do momento — como quando chegou a sofrer de paralisia, com 14 anos de idade. Recuperou-se, reaprendeu a andar e mergulhou no mundo dos mapas astrais. “Toda minha vida é um milagre”, diz Susan, que planeja visitar o Brasil em março do ano que vem. “Meu sonho é conhecer o Pão de Açúcar.”
 
LOLA: Por que as pessoas têm tanta curiosidade a respeito do futuro?
SUSAN MILLER: É próprio da natureza humana querer saber o que vai acontecer. Além disso, pessoas sábias sempre tentam viver de forma criativa, de um jeito que possam ampliar os limites impostos pelo mundo. Se não planejamos nossas vidas, o tempo pode escapar pelas mãos como água. A vida deve ser vivida vigorosamente, e o estudo dos astros ajuda muito nesse sentido. Muitas pessoas enxergam a astrologia como um oráculo, mas ela não é isso. Mesmo que eu veja algo no seu mapa astral, nada vai acontecer a menos que você tome uma atitude.
 
Qual sua opinião sobre as  pessoas que não saem de casa sem ler o horóscopo?
Eu sempre sei o posicionamento dos planetas e conheço meu mapa, mas não sou obsessiva em ficar averiguando isso. Mas algumas pessoas utilizam astrologia como muleta, para tomar decisões por elas. Isso não é bom. A astrologia deve ser usada como uma ferramenta de planejamento. Você deve estar sempre no comando de sua vida.
 
Você teve algum problema por ser astróloga e, ao mesmo tempo, católica?
Sigo seriamente minha religião. Amo ser católica e faço minhas orações. Adoro ir à missa e me sinto protegida quando estou na igreja. Casei com um judeu, que entendeu muito bem que nossas filhas deveriam ter uma educação católica. Astrologia não é religião e não toma o lugar dela. Na Idade Média, astrólogos e pessoas comuns arrumavam problemas com a igreja dizendo “Saturno me fez cometer isso, Mercúrio me obrigou àquilo outro”. Colocava-se a culpa nos planetas. É ridículo e hoje em dia sabemos disso. Temos responsabilidade sobre nossos atos. Nenhum planeta nos obriga a fazer coisa alguma.
 
O que diria a uma pessoa que não acredita em horóscopo?
Sentiria compaixão. Eu aconselharia um cético a ler meu horóscopo por seis meses. Também indico que, no final do mês, compare o que eu disse com o que realmente aconteceu. A maioria das pessoas vai notar que as coisas batem. Não porque eu seja especial ou tenha um dom, mas sim pelo fato de eu ter estudado astrologia com uma ótima professora. Minha mãe. Ela me fez estudar durante 12 anos antes de começar a trabalhar.
 
O que a mulher geralmente quer saber quando faz um mapa astral?
Homens e mulheres querem saber as mesmas coisas: carreira, dinheiro, amor, imóveis e saúde. Estas são as grandes questões da vida. Mas as mulheres querem saber detalhes sobre os filhos.
 
Se existem tantas pessoas do mesmo signo, como é possível o horóscopo ser tão preciso?
O Sol é o coração do sistema solar, desta forma ele tem um papel importantíssimo no mapa astral. No entanto, você deve ler as previsões do seu signo ascendente também. Se você ler seu signo e seu ascendente todo mês, terá 80% das informações necessárias. Nada pode ser melhor que um astrólogo particular, mas meu site e minhas colunas nas revistas são quase tão bons quanto!
 
Você tem muitos leitores no Brasil? Qual sua visão a respeito do nosso país?
Adoro os brasileiros. Sou metade siciliana, por parte de pai, e metade alemã. Mas eu me sinto muito mais italiana e esse fato me aproxima ainda mais da personalidade brasileira — extrovertida e fervilhante. Brasileiros amam Twitter e eu também! Muitos escrevem no Astrologyzone em português e peço para amigos traduzirem para mim. Nunca estive no Brasil, mas estou planejando uma viagem. Quando eu era criança, um tio me deu um calendário e, em cada mês do ano, havia a foto de uma cidade diferente. Não lembro das outras, porém jamais esqueci da imagem do Cristo Redentor e do Pão de Açúcar. Quando estiver no Brasil, quero visitar esses lugares, nem que vá sozinha!

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Ciências

  • Adriana Melo
    Adriana Melo

    Especialista em medicina fetal comprovou a relação entre infecções por zika em e as malformações em bebês

  • Eliana Abdelhay
    Eliana Abdelhay

    Desenvolve pesquisas a fim de melhorar os prognósticos de doenças graves e agiliza o diagnóstico de câncer

  • Thelma Krug
    Thelma Krug

    Restringe o desmatamento nas florestas e emissão de poluentes, responsáveis pelas mudanças climáticas

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

Revelação

  • Alessandra Orofino
    Alessandra Orofino

    Esta à frente de uma ONG que conecta pessoas interessadas em solucionar problemas no Rio de Janeiro

  • Raquel Helen Santos Silva
    Raquel Helen Santos Silva

    Destaca-se por criar projetos de empoderamento e por conseguir apoio internacional para as causas feministas

  • Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha
    Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha

    Desenvolveram uma cobertura para ruas e estradas mais resistente, econômica e sustentável que a convencional

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Consultora NATURA

  • Juthay Nogueira
    Juthay Nogueira

    Promove ações para evitar que os jovens entrem para o tráfico de drogas, em uma comunidade de Belo Horizonte

  • Nilcimar Maria Silvestre dos Santos
    Nilcimar Maria Silvestre dos Santos

    Fundou uma associação que apoia vítimas de agressão doméstica e estimula o empreendedorismo 

  • Rozimere Santos Oliveira Souto
    Rozimere Santos Oliveira Souto

    Líder que organiza a produção agrícola e o empreendedorismo entre as mulheres, no Sertão da Paraíba

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Marta Silva se emociona: "Não deixem de apoiar o futebol femi...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM