A nova Malhação vai ser revolucionária. Conheça as protagonistas

A primeira grande diferença? Não vai existir mais casal central: as garotas vão comandar tudo.

A nova temporada de “Malhação” promete ser revolucionária. Nos mais de 20 anos da novela global no ar nunca antes aconteceram tantas mudanças – para melhor. E problemas, por exemplo, como o episódio horrível de gordofobia e machismo exibido recentemente, devem ser coisa do passado.

Leia Mais: A história real da maior briga de todos os tempos de Hollywood

Para começar, Cao Hamburguer, 54, o criador de”Castelo Rá-Tim-Bum”, sucesso infantil da década de 1990, é quem assina o texto da nova fase. Foi ideia dele, também, trazer a trama, pela primeira vez, para a cidade de São Paulo, no bairro da Vila Mariana. Além disso, o tradicional casal de protagonistas foi exterminado.

Exatamente: as estrelas da produção serão cinco garotas muito diferentes entre si, algo parecido com a proposta da série extremamente popular “Pretty Little Liars” (sem as mortes, é claro!). “Elas têm personalidade forte, proatividade e independência. São donas dos próprios narizes e assumem o protagonismo perante a vida. Cada uma tem a sua trajetória e elas vão se ajudar muito para resolver os dramas que estão passando“, disse o autor comunicado enviado à imprensa.

Leia Mais: Malhação exibe diálogo seriamente gordofóbico na TV

Intitulada “Viva a Diferença”, a temporada poderia se chamar “apoie a gangue de garotas do seu bairro”, já que a sororidade será o grande tema do novo ano. Além disso, a pluralidade também será uma preocupação da obra, é só olhar para a trupe multicultural das personagens principais – porque, ainda bem, na “nova Malhação” representatividade importa, sim. E, claro, discussões atuais e importantes como preconceito, racismo e feminismo deverão aparecer no desenrolar da história.

Keyla (Gabriela Medvedovski), Ellen (Heslaine Vieira), Tina (Ana Hikari), Lica (Manoela Aliperti) e Benê (Daphne Bozaski). (Divulgação/TV Globo)

A trama

A história vai acompanhar o início da amizade de adolescentes unidas pelas diferenças delas. Durante uma pane no metrô, uma situação bastante paulistana, diga-se, Lica (Manoela Aliperti), a rica e alternativa, Ellen (Heslaine Vieira), uma hacker da periferia, Tina (Ana Hikari), a artista, e Benê (Daphne Bozaski), a tímida, precisam ajudar Keyla (Gabi Medvedovski) que, grávida, entra em trabalho de parto.

O nascimento do bebê vai criar um vínculo eterno entre elas que, olha só, depois descobrem estudar em escolas próximas.

Com direção de Paulo Silvestrini (“A Regra do Jogo”), a nova fase é uma superaposta da Rede Globo para fazer de “Malhação” um produto ainda mais conectado com uma audiência cada vez mais crítica e preocupada com a equidade de direitos. Todo mundo quer se ver representado na TV.

As protagonistas

Gabriela Medvedovski, como a Keyla

(Divulgação/TV Globo)

Gaúcha, Gabriela, 24, se mudou para São Paulo, em 2016, para estudar Artes Cênicas. Bailarina Clássica, já trabalhou como professora e coreógrafa. Em “Malhação”, o desafio será grande: interpretar uma garota toda descolada, mas que descobre estar grávida adolescente e a vida vira de ponta cabeça.

Daphne Bozaski, como a Benedita (Benê)

(Divulgação/TV Globo)

A curitibana Daphne é uma das mais experientes do grupo. Aos 24 anos, ela coleciona diversos trabalhos no meio artístico, entre eles participações em “Que Monstro te Mordeu?”, “Experimentos Extraordinários” e “Lili, a ex”. A personagem dela, a Benê, sofrerá com uma certa dificuldade para expressar emoções, apesar do coração gigante.

Manoela Aliperti, como a Heloisa (Lica)

(Divulgação/TV Globo)

A paulistana Manoela começou no teatro aos 15, hoje, aos 21, conquistou o primeiro grande papel na TV, após uma participação em “3 Teresas”, série do GNT. Na novelinha global, ela interpreta a impulsiva Lica que, apesar da família tradicional, se identifica mais com o “lado alternativo” da vida.

Heslaine Vieira, como a Ellen

(Divulgação/TV Globo)

Ellen já tem bastante experiência no meio artístico. Mineira de Itapetininga, ela, aos 21 anos, acumula participações nas séries globais “Dupla Identidade” e “Mister Brau”, além dos musicais “A Rainha Morta”, “Nos Tempos do Rock’n’Roll”, “Severina” e “Pluft, o Fantasminha”. Em “Malhação”, será a gênio do grupo.

Ana Hikari, como a Tina

(Divulgação/TV Globo)

Paulistana, Ana tem 22 anos e chegou a cursar Artes Cênicas na Universidade de São Paulo (USP). A personagem dela, a Tina, é uma apaixonada pelo mundo das artes e cheia de talento para a música. Na novela, ela toca violoncelo.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s