Avenida Brasil: Carminha descobre que Nina é sua enteada Rita

Carminha descobre que Nina mentiu para ela o tempo todo, e que sua aproximação faz parte de um plano de vingança
Foto: TV Globo/Divulgação

Com Max (Marcello Novaes) fora de casa, Carminha (Adriana Esteves) fica à beira de um ataque de nervos e passa a implicar com todos. Por causa disso, percebe que  Nina (Débora Falabella) vive dando saidinhas. E manda Zezé (Cacau Protásio) ficar de olho na cozinheira.

Para complicar a situação, Begônia (Carol Abras) aparece procurando Nina. Esta a apresenta a Carminha como uma antiga patroa. Mas, em seguida, Zezé ouve a conversa das duas e descobre que elas são irmãs. Carminha, claro, coloca Nina contra a parede. A cozinheira admite que Begônia é sua irmã de criação e diz que sua mãe de sangue, Maria de Lurdes, a procurou depois que a adotiva morreu. E reafirma que a coitada continua à beira da morte.

Como realmente a história não tem pé nem cabeça, Carminha resolve checar pessoalmente o estado de saúde da "mãe" de Nina. Ela vai ao Hospital dos Servidores e descobre que não há Maria de Lurdes internada lá e que a última morreu há um mês.

A vilã passa a seguir Nina e quase a flagra com Max numa churrascaria. Carminha aborda a empregada antes de o safado chegar - este, quando as vê juntas, se esconde -  e questiona: "Agora, Nina, você vai ter que abrir o jogo comigo. Que apito você toca, garota?" Na conversa, Carminha conclui que ela é cúmplice de Rita/Betânia (Bianca Comparato). "Aquele papo que ela era drogada, muito louca, vocês me tomaram uma boa graninha ali, né? Você ficou com quanto?", pergunta. Nina nega qualquer acordo com Rita/Betânia, mas não adianta.

Como continua seguindo-a, Carminha a flagra com Rita/Betânia. "Peguei vocês!", diz a vilã, quase as matando de susto. A partir daí, fica fácil. Carminha se aproxima de Begônia, usa o fato de ela ser drogada para tirar informações, vai juntando as peças do quebra-cabeça e... Conclui que Nina é Rita, sua enteada em busca de vingança.