Como comprar peças-tendência sem dor na consciência

Na contramão do consumismo, marcas brasileiras (e locais) apostam em modelos feitos à mão e sob demanda.

Estima-se que o desperdício têxtil do Brasil seja de 170 mil toneladas de retalhos todo ano, sendo São Paulo a principal responsável pelo despejo em lixões de 30% dessa produção – isso sem falar nos impactos ambientais e sociais da produção em larga escala da indústria têxtil. Na contramão do consumismo tão louvado dos dias de hoje, iniciativas como produções zero waste (do inglês “zero desperdício”) e marcas que abraçam o consumo consciente trazem não só peças incríveis, mas que tem significados maiores no nosso armário.

Divulgação

Divulgação

Desde pequenos ateliês com criações únicas e em pequenas quantidades até marcas de cosméticos veganas, o mercado do slow fashion pede menos pressa na hora de escolher o que você vai vestir. “As pessoas que buscam itens diferentes, pois querem consumir de maneira mais consciente e apoiar o comércio local”, explica Sofia Fromer, uma das fundadoras da loja Da Gema. Ela e sua irmã gêmea Luisa criaram a marca para desenvolver peças divertidas, com estampas próprias e muita personalização. “A ideia era fazer algo legal e que tivesse um preço justo também. Por isso tentamos achar um lugar que tenha um custo baixo na matéria-prima, que tenha qualidade. E a produção é toda feita na nossa casa, que é nosso ateliê”, conta.

Além da tendência minimalista e mais básica do normcore – que veio para ficar! -, a busca por pequenos negócios que valorizem a produção local e a criação de peças com viés sustentável conquista muitos fãs por aí. A diferença? Cada peça tem um jeito único de ser e elas não são criadas pensando em ter mais mil por aí. “Uma camiseta nunca sai 100% igual à outra, pois tudo é feito à mão. Cada peça é única, por mais que seja a mesma estampa. A produção também é feita de acordo com a demanda – o que pode ser difícil quando a demanda é muito alta e precisa ser entregue muito rápida.”

Para Barbara Mattivy, sócia da Insecta Shoes, a sustentabilidade é a missão da marca, levando educação sobre o consumo consciente para as pessoas que adquirem os produtos. “A nossa missão como marca é plantar uma semente em todo mundo que tem contato com a marca.​ O consumo – que nunca vai deixar de existir – pode ser melhor, consciente, que é um dos pilares da sustentabilidade”, afirma. O processo de criação dos belíssimos sapatos da marca inclui garimpo em brechós, reciclagem e muito trabalho manual.  “Vamos aos brechós e garimpamos as peças manualmente, uma por uma, para selecionar a roupa. Isso depende do tipo de tecido, da estampa e se ela é vegana; além do brechó trabalhamos com tecido ecológico, feito de garrafa PET reciclada. A gente fala bastante do termo ‘eco-sexy’, pois as pessoas têm um preconceito com algo ecologicamente correto, então, as peças precisam ter um apelo visual”.

Divulgação

Divulgação

O fator que pesa bastante contra as lojas de fast fashion é a durabilidade do produto. Se não há qualidade naquilo que é produzido – sabe-se lá em quais condições de trabalho, inclusive – a peça se tornará lixo, contribuindo para as 170 mil toneladas anuais. Aliás, a maiorias das marcas listadas nesse documento, que inclui roupas, sapatos, acessórios e cosméticos, é feita por mulheres e para mulheres. E incentivam a moda genderless com peças unissex de fato. heart

Se você quiser fazer uma limpa à la Marie Kondo, algumas ONG’s recolhem retalhos e roupas descartadas para dar novo uso à elas (e também gerar emprego para muita gente):

Lista de lojas

787 Shirts

 Ada

A Fine Mess

Another Land

Basico

Bordado Studio

Bossa Social

Boutique São Paulo

News | Bad Tee, disponível em P, M e G. Corre no site 💘 boutiquesaopaulo.com.br

A post shared by boutique são paulo (@boutiquesaopaulo) on

Comas

Cotton Project

Cuplover

Cycleland

Ethus

Flaminga

Flávia Aranha

FYI – For Your Information

Gabriela Mazepa (Re-Roupa)

Gioconda Clothing

HauteXtreme

Helmet Clothing

HEVP

Iara Wisnik

Insecta Shoes (sapatos veganos)

Os modelos mais procurados: Scarabeus e Papilio ✌️

A post shared by Insecta Shoes (@insectashoes) on

Kimonaria

KING 55

Laundry

Lemon Basics

Lina Dellic

Luisa Meirelles

Maria Nuvem

Molett

Mais da sessão de fotos do casal moletter mais… (perdi o poder da palavra) @molettshop

A post shared by Molett (@molettshop) on

Mora Clothing

My Basic

MYFOTS

Mustache S/A

Não Vivo Sem

Vestido Básico // www.naovivosem.com #nvsbasico #vemquetem

A post shared by N V S (@naovivosemstore) on

Nicole Bustamante

Novo Louvre

Nuvem – Fernanda Furtado

Oh-Kay

Par.ka

Prosa

Raw Clothing Shop

Eta que a gente não ta se aguentando pra mostrar as coisas novas pra vocês. Nossa camiseta mosaic disponível amanhã no Jardim Secreto Fair #11CHEGA MAIX

Publicado por RAW Clothing em Sexta, 19 de fevereiro de 2016

Reptília

Retropy

Saint Matthias

Saloon 33

Santa Expedita

❤️💥 www.santaexpedita.tanlup.com #comerciojusto #gentequefaz #compredopequeno Foto:@_danielequeiroz_ Make:@mlisboabeauty

A post shared by Santa expedita + Maria nuvem (@santaexpedita) on

Sound & Vision

Sri Clothing

Srta. Galante

Storvo

Tiê Moda Sustentável

Três

Treze Zero Três

blusa Atalaia ● com as alcinhas trançadas, vem ver os detalhes no nosso site!  www.trezezerotres.com.br

A post shared by Treze Zero Três (@trezezerotres) on

Urban Flowers

Walkers&Sons

Wear Ever

Wild Style

Yes I Am Jeans

Estamos de volta! _____ Ateliê @yesiamjeans Rua Fidalga 996 _____ Loja Online yesiamstore.com

A post shared by Yes I am Jeans (@yesiamjeans) on

Se você quiser saber mais sobre comércios locais próximos à sua casa que vendem produtos legais e incentivam o mercado, o site do Compre do Pequeno Negócio tem uma lista por geolocalização que te ajuda. Colabore divulgando as marcas e indicando outras nesse link.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s