Khloe Kardashian odeia o termo ‘plus size’ na moda: ‘Quando o padrão se tornou 34-44’?

A empresária lançou, nesta terça-feira (18), uma linha de jeans voltada para todos os tipos de corpos. <3

Khloe, talvez a mais espirituosa do ~klã~ Kardashian, sempre sofreu na hora de comprar jeans. “Roupas de banho e calças sempre foram as duas coisas mais frustrantes para se comprar”, confessou ao Fashionista. O que ela resolveu fazer com essa experiência ruim? Transformar em dinheiro, algo que a família dela sabe fazer muito bem!

Leia Mais: Esta celebridade do Instagram postou uma foto sem maquiagem para mostrar quem é de verdade 

E, nesta terça-feira (18), em Los Angeles, ela lançou, ao lado de Emma Grede, a “Good American”, uma linha de jeans com a proposta de atender a todos os tipos de corpo. Sim, os números vão até o 24 nas medidas norte-americanas, aproximadamente o nosso 58, e atendem a três tipos de silhuetas diferents: skinny, boyfriend e cintura alta. 

De acordo com ela, a ideia é fazer peças de roupas para todos os tipos de corpos, mas que sejam incríveis também, algo que falta no mercado nos dias de hoje. “A gente não queria apenas fazer uma linha de jeans com várias numerações, nós queríamos fazer coisas bonitas também. Muitas pessoas já oferecem em todos os números, mas essas roupas não são necessariamente legais ou fashionistas”, contou.

Além disso, a empresária disse detestar categorizar as roupas em plus size ou não: “Eu odeio o termo plus size. É muito injusto. Quando o padrão de numeração se tornou do 34 ao 44? Nós queremos destruir essas barreiras e fazer do 34 ao 58 o padrão. Ponto”. 

Getty Images

Getty Images

Khloe no lançamento da marca de jeans, em Los Angeles

Os produtos já estão disponíveis e são vendidos apenas de forma online, por meio do website da marca na Nordstrom. “Você compra, chega na sua casa, e pode provar no conforto da sua casa e em espelhos normais com luz de verdade – nada de espelhos pequenos ou vendedores mentirosos dizendo que você está ótima”, explicou Khloe.

A única notícia ruim? O preço das peças pode chegar a 600 reais! crying

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s