Os 10 mandamentos da cintura alta

Depois de passar décadas escondidinho no fundo do armário, o cós nas alturas voltou com tudo. Aprenda a investir, na medida certa, nessa tendência!

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 31/10/2008 em

Viva! Mais

um conteúdo de

Os 10 mandamentos da cintura alta
Catarina Fávero

"Nunca pensei que cintura alta vestisse tão 
bem. Estou adorando essa moda", diz a
cantora Wanessa Camargo
Foto: Divulgação

Desde que a cintura baixa invadiu as ruas e passarelas, o cós alto — mania nas décadas de 70 e 80 — foi posto de lado. Mas agora está de volta e veio com força total. Saiba que:

· A tendência é perfeita para modelar a cintura de quem não tem curvas.

· Para acertar, combine a peça com regata básica e sandália ou peep toe (sapato aberto na frente) de salto alto.

· A moda alonga as pernocas — ideal, portanto, para quem tem pernas curtas e tronco longo.

· Quem possui seios fartos deve optar por peças que não ultrapassem a linha do umbigo.

· Se o seu bumbum é grande, parecerá ainda maior! Mas nem por isso você está impedida de usar esse corte - desde que opte por modelitos largos. Justos da cintura para baixo, nem pensar!

· Tem quadril largo? Nada de cores claras na parte de baixo — regra óbvia, mas vale reforçar!

· Como a peça de baixo já chama atenção, combine-a com regatas, blusas e camisas sequinhas e mais justas ao corpo, usadas por dentro da calça, da saia, do short!

· Para não perder a ilusão de alongamento oferecida por essa moda, evite contrastar cores nas peças e acessórios.

· Moças com barriguinha saliente devem escolher peças largas, soltas no corpo — assim, elas alongam e ainda ajudam a disfarçar a gordura localizada.

· Apesar de "democrática", a tendência cai melhor nas magras — e, de preferência, altas!