Bebês gêmeos
oksun70/Thinkstock/Getty Images

Embora não seja segredo a importância de amamentar o bebê exclusivamente com leite materno nos primeiros meses de vida, não é raro surgirem muitas dúvidas sobre esse cuidado. Os questionamentos se acentuam quando se trata de alimentar gêmeos. Levar os dois recém-nascidos ao peito na mesma hora, além de ser prático, promove um estímulo dobrado na produção do leite. Mas, para que isso seja possível, é preciso considerar as necessidades de cada criança, percebendo se elas têm fome nos mesmos horários. Caso isso não aconteça, o melhor é amamentar uma de cada vez.

Quando o ritmo dos bebês coincidir, existem técnicas que facilitam a prática de dar de mamar aos dois ao mesmo tempo. Um ponto importante a observar é que a mãe precisará de ajuda nessa hora. Sozinha, dificilmente ela conseguirá ajeitar as duas crianças no peito simultanetamente. Lembrando sempre também que a mulher que está amamentando precisa descansar durante o dia, se alimentar bem e beber muito líquido.

No momento de receber as crianças, a mãe deve estar sentada confortavelmente, usando uma almofada grande que a envolva na cintura e sirva de apoio aos pequenos. O ideal é colocar no seio primeiro o bebê que tem mais facilidade de pega. A sucção dele estimula a outra mama, que começará a gotejar leite, facilitando a busca do segundo. Cada um mamará o tempo que quiser. Para retirar o bebê do peito, coloque o dedo mínimo no canto da bochecha da criança para que ela desfaça a veda entre os lábios e a mama. O recém-nascido que terminar primeiro será colocado para arrotar, o que deve ser feito pela pessoa que está ajudando na tarefa.

Posições para amamentar

1. Em uma das posições apropriadas para amamentar gêmeos, os recém-nascidos ficam dispostos de maneira invertida: um em cada peito e com o corpinho embaixo dos braços da mãe.

2. Outra maneira para que o aleitamento simultâneo seja feito com conforto é manter um dos bebês na posição tradicional e o outro, na invertida.

3. Numa terceira opção, os dois são colocados na posição tradicional, com as pernas se enroscando.

Quer saber mais? Assista à aula completa: