Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

09/05/2013

ATUALIZADO EM

24/06/2015

Tire suas dúvidas sobre a dor de parto

Entenda como é este desconforto e saiba o que fazer para aliviá-lo.
Mulher grávida deitada na cama
Wavebreakmedia Ltd/Thinkstock/Getty Images

A dor de parto é a mais temida entre as mulheres, especialmente as futuras mamães. Muitas não querem nem saber de senti-la e já optam pela cesárea. Mas saiba que a dor não é tão má assim. Entenda por que ela pode ser sua aliada no momento do nascimento do bebê.

Como é essa dor?

A dor de parto pode ser dividida de acordo com os três momentos que envolvem o nascimento: a dilatação, a expulsão do bebê e a expulsão da placenta. Durante o período de dilatação, que costuma durar entre 6 e 12 horas, a sensação é semelhante a uma cólica menstrual. “Começa de fraca intensidade e com grandes intervalos entre uma contração e outra, depois essas cólicas ficam mais fortes e com espaços de tempo mais curtos. A dor ocorre porque há a contração da musculatura do útero para empurrar o feto”, explica a ginecologista e obstetra, Telma Mariotto Zakka, coordenadora do Comitê de Dor Urogenital da Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor.

Quando a dilatação está completa, ou seja, chega aos 10 centímetros, entra em cena outro tipo de desconforto, o da expulsão do feto. “Neste momento a dor ocorre devido à pressão nos órgãos pélvicos, trata-se da compressão do assoalho pélvico pela cabeça do bebê”, explica o obstetra Marcos Nakamura, do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz). A mulher também sente a vontade de empurrar.  “Trata-se de algo semelhante a quando a pessoa está em uma emergência para evacuar”, compara Zakka. Esta fase de expulsão dura em média de 20 a 40 minutos.

Após a chegada do bebê, ocorre a expulsão da placenta. Mas fique tranquila, pois uma placenta, que pesa cerca de 400 gramas, incomoda muito pouco. “Ocorre apenas uma cólica muito menos intensa do que no parto”, esclarece Nakamura. A mãe ainda pode sentir cólicas no primeiro dia após o parto, elas decorrem de contrações que o útero está fazendo para expulsar os restos de sangue e placenta, e acontecem também com quem fez cesárea.

Dói muito?

A dor é um processo fisiológico do parto.  A sua intensidade varia entre as mulheres. “Porém, observamos que a mulher que se prepara para o processo do nascimento tolera muito mais a dor do que quem estava despreparada”, nota Nakamura.

A dor do nascimento do bebê não é impossível de se aguentar. “Ela é suportável, afinal as mulheres no passado apenas tiveram filhos de parto normal”, constata Zakka. O corpo ainda ajuda a tolerar melhor este desconforto.  “Chega a um determinado ponto, geralmente no final da dilatação, em que o organismo responde ao estímulo da dor produzindo um hormônio chamado endorfina que irá amenizá-la. Em um ambiente tranquilo é comum que a mulher fique tão cheia da endorfina que parece que não está concebendo”, conta Nakamura.

A evolução das contrações, que aos poucos aumentam a intensidade e diminuem os intervalos, também preparam a mulher para os momentos de maior incômodo. “Eu sempre falo que a dor é uma amiga, que existe para fazer o bebê nascer. Ela é tão amiga que dá intervalos para ajudar a mulher a se recompor e se preparar para a próxima”, observa a doula Fadynha (Maria de Lourdes da Silva Teixeira), presidente da Associação Nacional de Doulas e professora do Instituto Aurora.

O que fazer para diminuir a dor?

Uma questão muito importante é o ambiente em que o bebê nascerá.  O fato de ser um local acolhedor, no qual a mulher terá privacidade, segurança e liberdade contribui para atenuar o desconforto. Há outros métodos simples. “Eu faço massagens, aromaterapia, musicoterapia, bolsas de água quente e banhos, a água é uma aliada excepcional no trabalho de parto, mas é preciso saber quando usá-la”, conta Fadynha.

Manter-se ativa também é interessante, pois desvia o foco da dor. “A mulher pode caminhar ou ficar sentada naquelas bolas de pilates e realizar a rotação pélvica, que consiste em fazer movimentos sentada na bola sempre sob orientações de uma doula ou outro profissional”, orienta a doula Lívia Penna Firme, autora do livro Lobas e Grávidas – Guia Prático de Preparação para o Parto.

É possível fazer algo antes do parto?

A preparação anterior ao parto é igualmente importante para aliviar o desconforto no momento do nascimento. “Durante a gravidez, opções interessantes são o ioga, a caminhada, a hidroginástica, o alongamento e ficar de cócoras em casa. Tudo isso ajuda a preparar a musculatura da vagina e pélvis para o nascimento”, observa Lívia Penna.

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Ciências

  • Adriana Melo
    Adriana Melo

    Especialista em medicina fetal comprovou a relação entre infecções por zika em e as malformações em bebês

  • Eliana Abdelhay
    Eliana Abdelhay

    Desenvolve pesquisas a fim de melhorar os prognósticos de doenças graves e agiliza o diagnóstico de câncer

  • Thelma Krug
    Thelma Krug

    Restringe o desmatamento nas florestas e emissão de poluentes, responsáveis pelas mudanças climáticas

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Revelação

  • Alessandra Orofino
    Alessandra Orofino

    Esta à frente de uma ONG que conecta pessoas interessadas em solucionar problemas no Rio de Janeiro

  • Raquel Helen Santos Silva
    Raquel Helen Santos Silva

    Destaca-se por criar projetos de empoderamento e por conseguir apoio internacional para as causas feministas

  • Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha
    Samantha Karpe e Letícia Camargo Padilha

    Desenvolveram uma cobertura para ruas e estradas mais resistente, econômica e sustentável que a convencional

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Consultora NATURA Inspiradora

  • Juthay Nogueira
    Juthay Nogueira

    Promove ações para evitar que os jovens entrem para o tráfico de drogas, em uma comunidade de Belo Horizonte

  • Nilcimar Maria Silvestre dos Santos
    Nilcimar Maria Silvestre dos Santos

    Fundou uma associação que apoia vítimas de agressão doméstica e estimula o empreendedorismo 

  • Rozimere Santos Oliveira Souto
    Rozimere Santos Oliveira Souto

    Líder que organiza a produção agrícola e o empreendedorismo entre as mulheres, no Sertão da Paraíba

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Esta mulher emagreceu 51 kg com vídeos de treino e zumba no YouTub...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Trend Alert: as 'mermaid pants' vão te fazer se sentir c...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Brad Pitt desabafa sobre separação de Angelina Jolie: "Estou...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Cinco dicas para mulheres baixinhas acertarem em cheio na hora de c...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Camila Pitanga desabafa sobre morte de Montagner: "Ele me salv...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM