Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

07/02/2016

ATUALIZADO EM

07/02/2016

Mononucleose: previna-se contra a doença do beijo nesse Carnaval

Surtos de mononucleose infecciosa, doença transmitida pelo beijo, são mais frequentes no Carnaval. Saiba como se cuidar
Mononucleose: previna-se contra a doença do beijo nesse Carnaval

Escrito por

Redação COSMO

 

Transmitida exclusivamente pela saliva, a mononucleose infecciosa ataca homens e mulheres, a maioria entre 15 e 25 anos, faixa etária que adora "ficar" - por isso acabou conhecida como "doença do beijo". Mas atenção: esse não é o único modo de contrair a doença. "Gotículas de saliva soltas em conversas a uma distância menor que 1,5 metro, tosses, espirros e até selinhos são suficientes para espalhar o vírus", diz o infectologista Paulo Olzon, de São Paulo.

Outro fator que dificulta a prevenção é o comportamento, às vezes misterioso, da doença. "Apesar de ela ser bastante comum, pouca gente sabe que contraiu o vírus", esclarece o infectologista David Salomão Lewi, do Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. "Estima-se que, entre a população adulta (acima de 25 anos), 80% já entraram em contato com ele. Desse total, nem 10% chegaram a apresentar os sintomas. Assim como o herpes, ainda não se sabe por que o problema se manifesta em certas pessoas e em outras não."

Para se proteger, esqueça os sprays antissépticos e toda sorte de produtos que prometem higienizar a boca - pelo menos se a intenção for evitar o vírus -, pois eles não funcionam para esse fim. Depois, evite beijar e ficar muito perto de pessoas contaminadas.

Diagnóstico
Como muitos sintomas são os mesmos de outras doenças, não é raro a pessoa receber o diagnóstico de complicações na garganta ou de uma virose qualquer. "Como a principal característica da doença são gânglios, fígado e baço aumentados, um exame de toque nessas regiões indica facilmente se é mononucleose. Ao pularem essa etapa, muitos médicos comprometem a avaliação", explica Olzon.

Uma vez detectada a doença, tratá-la não tem segredo. "Assim como a gripe, a mononucleose vem e vai embora sozinha, sem deixar marcas ou sequelas", avisa Olzon. "E você só pega uma vez na vida." Para aliviar os sintomas, os especialistas receitam anti-inflamatórios e antitérmicos. Fora isso, é preciso ter paciência. "O ciclo de vida do vírus dura de dez a 15 dias. A partir daí, há uma boa melhora", diz o médico.

Para afastar o risco de uma complicação, como um rompimento do baço, os médicos aconselham que você dê um tempo na atividade física e na balada no período de recuperação. O que acontece, na maioria dos casos, é que a pessoa não repousa o tempo necessário e acaba pegando outras doenças por causa da baixa resistência.

Para não pagar com a língua
Há outros vírus e bactérias que pegam carona na saliva e se instalam no organismo. "Basta a imunidade estar um pouco abalada para várias doenças atacarem", afirma Valter Moura Ferreira, especialista em traumatologia bucomaxilofacial, de São Paulo. Conheça algumas delas:

Herpes: A principal característica são as feridas ao redor dos lábios. Não tem cura. O vírus fica no organismo de todo mundo que teve contato, mas nem todos desenvolvem os sintomas.

Sífilis: Causada por bactéria, é considerada uma doença sexualmente transmissível. Contudo, em sua fase secundária, ela é altamente contagiosa através do beijo.

Cárie: A bactéria Streptococcus mutans pode passar de boca em boca e estragar os dentes. Mas, para isso, ela precisa encontrar um ambiente propício.

Viroses: Gripes, resfriados e até infecções intestinais podem ser passados pela saliva.

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Céu da semana: a previsão dos astros para seu signo de 25 a 31 de...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Celebridade do Paquistão é morta pelo próprio irmão, pela “ho...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM