SAÚDE lista benefícios dos remédios fitoterápicos

A edição de janeiro da revista SAÚDE investiga se os remédios fitoterápicos são mesmo tão eficazes quanto os tradicionais. Descubra!

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 16/01/2012 em

M de Mulher

um conteúdo de

SAÚDE lista benefícios dos remédios fitoterápicos

Fique atenta ao rótulo na na hora de comprar o fitoterápico!
Foto: Reprodução/SAÚDE

Cada vez mais remédios fitoterápicos - aqueles feitos com plantas - são receitados em casos de depressão e ansiedade, sobretudo para amenizar o uso excessivo de remédios de tarja preta. Mas será que eles funcionam de fato? É o que a edição de janeiro da revista SAÚDE procurou investigar.

O primeiro cuidado está na hora de comprar o fitoterápico. Fique atenta ao rótulo, já que lá se encontra o número de registro da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)! "Para ser
registrado, o remédio deve passar por testes que comprovam sua eficácia, segurança e qualidade", esclarece Mônica Soares, especialista em regulação de fitoterápicos da Anvisa.

Para que não restem dúvidas quanto à eficácia desse tipo de remédio, a própria Anvisa lançou em 2011 o "Formulário de Fitoterápicos da Farmacopeia Brasileira", um guia que explica aos
profissionais da saúde como manipular 58 das plantas medicinais mais conhecidas. Para casos menos severos de depressão, por exemplo, plantas como passiflora, valeriana e erva-de-são-joão podem ser opções.

SAÚDE lista benefícios dos remédios fitoterápicos

Leia uma entrevista completa com o médico argentino Máximo Ravenna
Foto: Reprodução/SAÚDE

Obesidade está na cabeça

Na SAÚDE, você também lê uma entrevista completa com o médico argentino Máximo Ravenna, que defende que o excesso de peso é produto de uma compulsão gerada por certos alimentos e estimulada pelo ambiente onde vivemos. Para ele, os cinco pilares do emagrecimento são:

· Cortar radicalmente carboidratos simples;
· Porções reduzidas de alimentos, sempre selecionando itens que aumentam a saciedade;
· Evitar situações que disparem a compulsão. E, claro, isso varia de indivíduo para indivíduo;
· Atividade física orientada;
· O maior diferencial: frequentar, até diariamente se for o caso, sessões de terapia em grupo, onde se trabalham questões como a autoestima e os gatilhos que levam a buscar - por ledo engano - alegria de viver na comida.

SAÚDE lista benefícios dos remédios fitoterápicos

O chá mate pode ajudar a prevenir o envelhecimento precoce, por exemplo
Foto: Reprodução/SAÚDE

Poderoso chá mate

Ainda na edição de janeiro, a matéria de capa mostra os poderes do chá mate, erva nativa do Brasil que ganha destaque no meio científico. Aqui você descobre que a bebida, se associada a hábitos saudáveis, pode ajudar a prevenir o envelhecimento precoce, diabete, doenças cardiovasculares e tumores.