nao

Ervas medicinais e seus usos específicos

Ervas medicinais regulamentadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária ajudam a combater doenças de maneira natural

Publicado em 30/03/2010

Conteúdo ANAMARIA
Destaque da Matéria

Dê fim aos sintomas naturalmente
Foto: Getty Images

Quantas vezes você já ouviu sua avó ou mãe falando para tomar chá disso, fazer gargarejo daquilo ou trocar os remédios por plantas? Pois é, menina, ela está certíssima. Quem garante isso é a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, que acaba de regulamentar o uso de diversas ervas medicinais. Veja:

- Alcachofra: reduz problemas digetivos (Não indicado para pessoas com doença na vesícula ou problemas hepáticos)

- Alçacuz: alivia tosses, gripes e resfiados (não indicado para grávidas, hipertensos e diabéticos)

- Alecrim: cicatrizante (Não indicados para pessoas com doenças de próstata ou com histórico de convulsão)

- Alecrim-pimenta: melhora inflamações de garganta

- Alho: acaba com a tosse e combate o colesterol (Não indicado para menores de 3 anos e pessoas com gastrite, úlsera, hipotensão e hipoglicemia)

- Anis estrelado: age como expectorante de bronquites (não indicada para grávidas)

- Arnica: ajuda na cura de traumas, contusões, torções, fraturas e hematomas (não deve ser utilizado por via oral ou aplicado em feridas abertas)

- Aroeira-da-praia: inimigo de inflamações vaginais e corrimentos

- Assa-peixe: melhora brinquite e tosse persistente (Não deve ser utilizada durante a gravidez e lactação)

- Bardana: tem ação diurética e age como antiinflamatório de dores nas articulações

- Barbatimão: age como anti-séptico tópico na pele e mucosas bucal e genital (Não deve ser usado em lesões com processo inflamatório intenso)

- Boldo baiano: melhora a má digestão

- Boldo do chile: resduz problemas digestivos (Não deve ser utilizado por pessoas com obstrução das vias biliares, doenças severas no fígado e nos casos de gravidez)

- Boldo-nacional: melhora a pressão baixa (Não deve ser utilizado em gestantes, lactantes, crianças, pessoas com pressão alta, hepatites e obstrução das vias biliares)

- Cajueiro: melhora a diarréia não infecciosa e age como anti-séptico e cicatrizante de lesões (Não deve ser usado mais que 3 xícaras ao dia)

- Calêndula: ameniza inflamações e lesões, contusões e queimaduras

- Camomila: calmante natural, também diminui cólicas

- Canela: melhora o apetite, cólicas leves e gases (Não indicado para grávidas)

- Capim santo: alivia a ansiedade e favorece o sono

- Carqueja: resolve problemas de digestão (Não indicado para grávidas e pessoas que utilizam medicamentos para hipertensão e diabetes)

- Cáscara sagrada: reduz a prisão de ventre (Não indicada para pessoas com problemas intestinais, grávidas, lactantes e menores de 12 anos)

- Castanha-da-índia: diminui a fraqueza dos cabelos (não indicada para grávidas, pessoas em período de lactação e com insuficiência hepática ou renal)

- Cavalinha: melhora inchaços por retenção de líquidos (Não indicado para pessoas com insuficiência renal ou cardíaca)

- Chambá ou trevo-cumaru: age como expectorante e reduz a tosse (Não indicado para pessoas que usam anticoagulante ou analgésicos)

- Chapéu de couro: reduz inchaço por retenção de líquidos e processos inflamatórios (Não indicado para pessoas com insuficiência renal ou cardíaca)

- Curcuma ou açafrão da terra: melhora problemas digestivos (Não indicado para pessoas com úlsera ou pedra na vesícula)

- Dente de leão: estimula o apetite e age como diurético (não indicado para pessoas com problemas biliares ou intestinais)

- Erva-baleeira: melhora inflamação em contusões e dores

- Erva-cidreira: reduz insônia e ansiedade leve, cólicas abdominais e gases (Deve ser usada moderadamente por pessoas com pressão baixa)

- Erva-de-bicho ou pinmenteira-dágua: reduz varizes (Não indicada para grávidas)

- Erva-doce: expectorante e redutor de cólicas gastrointestinais

- Espinheira santa: melhora azia e gastrite e previne úlsera (Não indicada para menores de 6 anos, grávidas e lactantes)

- Eucalipto: encurta a duração de gripes e resfriados (Não deve ser utilizado por pessoas com inflamação gastrointestinal e biliar, doença hepática grave, gravidez, lactação e em menores de 12 anos)

- Garra do diabo: reduz dores articulares 9Não indicado para pessoas com úlsera)

- Gengibre: age contra enjoos, náuseas e vômitos (Usar sob prescrição médica)

- Goiabeira: inimigo de diarréias não infecciosas

- Guaco: inimigo das crises de bronquite

- Guaçatonga ou erva-de-bugre ou erva-de-lagarto: age como anti-séptico e cicatrizante tópico de lesões e melhora problemas digestivos, gastrite e mau hálito (Não indicado para grávidas ou mulheres em período de lactação)

- Guaraná: age como estimulante, reduzindo a fadiga (Não deve ser usado por pessoas com ansiedade, hipertiroidism o, hipertensão, arritmias, problemas cardíacos, estomacais e intestinais, taquicardia paroxística, gastrite e cólon irritável)

- Hamamélis: alivia inflamações da pele, mucosas e hemorróidas

- Hortelã-pimenta: reduz cólicas e gases (Não indicada em casos de obstrução biliar, danos hepáticos ou durante lactação)

- Jucá ou pau-ferro: age em lesões comocicatrizante e anti-séptico

- Jurubeba: melhora problemas de digestão

- Laranja-amarga: age como calmante suave em quadros leves de ansiedade e insônia (Não indicada para pessoas com problemas cardíacos)

- Malva: melhora problemas respiratórios e inflamações na boca e garganta

- Maracujá: age como calmante suave

- Marcela do campo: melhora a má digestão e as cólicas intestinais

- Melão de São Caetano: inimigo de irritação na pele e sarna

- Mentrato ou catinga de bode: reduz as dores das articulações e reumatismo (Não indicado para pessoas com problemas hepáticos)

- Mil folhas: melhora o apetite e alivia febre, inflamações e cólicas (não indicado para portadores de úlcera gástrica)

- Mulungu: age como calmante suave de ansiedade e insônia

- Picão: ameniza a coloração amarela de pele e mucosas (Não indicado para grávidas)

- Pitangueira: melhora diarréia não infecciosa

- Poejo: abre o apetite (Não indicado para grávidas e menores de 6 anos. Seu uso não deve ser prolongado e nem inalado)

- Polígala: age como expectorante em problemas respiratórios

- Quebra-pedra: evita os cálculos renais (Contra indicado para cálculos grandes e não pode ser utilizado na gravidez)

- Romã: atua em infecções na garganta

- Sabugueiro: melhora gripe e refriado

- Salgueiro: melhora inflamação, dor, febre, gripe e resfriado (Não utilizar junto com maracujá ou noz moscada)

- Sávia: melhora gengivite e aftas, além de reduzir a transpiração excessiva (Não utilizar na gravidez e lactação, insuficiência renal e tumores mamários)

- Sene: reduz a prisão de ventre eventual (Pessoas com problemas intestinais, apendicite, dor abdominal ou prisão de ventre crônica)

- Tanchagem: melhora inflamações de boca e faringe (Não indicado para grávidas pessoas com pressão baixa ou com obstrução intestinal)

- Unha de gato: age como cntiinflamatório de dores musculares agudas (Contra indicado para menores de 3 anos ou pessoas que já fizeram ou fazem quimioterapia)

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Hello, I log on to your blogs on a regular basis. Your humoristic style is witty, keep doing what you're doing! pas cher Louis Vuitton sac à main http://porsector.com/acer/hko.cfm - 27/08/2014 05:56:19

hi It's a good post! New Oakley Sunglasses this summer http://sajousbessix.over-blog.com/2014/07/new-oakley-sunglasses-this-summer.html - 15/07/2014 01:44:16

Thanks a lot for sharing this with all of us you really realize what you¿re speaking approximately! Bookmarked. Kindly additionally consult with my web site =). We may have a link alternate agreement among us cheap oakley sunglasses http://www.marionzimmerbradley.us/ - 20/05/2014 07:14:49

it sounds as if it¿ is really strong and swift. discount ray ban sunglasses http://www.earnpros.us/ - 19/05/2014 12:58:05

<b>elaine</b> - minha irm¿ est¿ trando tratou um cancer de mama ha um ano e alguns dias ap¿s a cirurgia o seio dela se abriu pois juntava muito l¿quido, fechoi quase td mas falta um pouco que nao tem o que fa¿a cicatrizar, ja ta dando mal cheiro por favor se alguem souber de alguma coisa para ajudar a cicatrizar, estamos procurando solu¿¿o porque medico mesmo s¿ sabem falar que ¿ assim mesmo, queria ver se fosse alguem da fam¿lia deles.... desculpa o desabafo - 09/01/2014 18:37:07

<b>elaine</b> - minha irm¿ est¿ trando tratou um cancer de mama ha um ano e alguns dias ap¿s a cirurgia o seio dela se abriu pois juntava muito l¿quido, fechoi quase td mas falta um pouco que nao tem o que fa¿a cicatrizar, ja ta dando mal cheiro por favor se alguem souber de alguma coisa para ajudar a cicatrizar, estamos procurando solu¿¿o porque medico mesmo s¿ sabem falar que ¿ assim mesmo, queria ver se fosse alguem da fam¿lia deles.... desculpa o desabafo - 09/01/2014 18:36:53

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.