nao

Cesariana: 7 mitos e verdades sobre a cirurgia

Veja em quais casos a cirurgia cesariana é realmente necessária e quando ela pode ser evitada

Publicado em 30/11/2009

Conteúdo ANAMARIA
Mãe e bebê

Antes de decidir qual tipo de parto você 
prefere, procure informar-se bastante 
sobre o assunto
Foto: Dreamstime

Medo de sentir dor, de danificar a musculatura da vagina, de ver o bebê se enforcar no cordão umbilical. Essas são as principais aflições das mulheres grávidas ao decidirem por um parto cesárea. 

Essa opção cirúrgica é frequente no Brasil: no ano passado, 8 em cada 10 bebês nasceram por meio de cesárea nos hospitais particulares. No SUS (Sistema Único de Saúde), a média foi de 3 em cada 10. Esse número é alto - muito acima do que é recomendado pela Organização Mundial da Saúde. Porém, em alguns casos, a cirurgia é mesmo necessária. 

O médico obstetra Victor Bunduki, professor da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), explica que a cesárea pode salvar a vida da mãe e do bebê. "Fazemos essa opção quando a criança é muito grande ou está em situação de risco, se há infecções, e em grávidas com diabetes", diz.

Mitos e verdades

Se eu não fizer cesárea, o bebê pode ser enforcado pelo cordão umbilical?
MITO. Há um aparelho que monitora as batidas do coração do feto durante todo o trabalho de parto. Ele indica se o cordão está apertando o bebê.

A recuperação da cesariana demora mais?
VERDADE. A cesárea é uma cirurgia de médio porte. O médico faz um corte profundo para chegar ao útero. Há internação de três a quatro dias, uso de remédios e antibióticos, além da espera de uma semana para retirar os pontos. No parto normal, a recuperação acontece logo após o nascimento do bebê, e a alta ocorre entre um e dois dias.

Nesta matéria

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

carla sandeski rodrigues costa - fiz uma cesária a 39 dias e foi uma experiencia orrivél senti dor antes durante e depois e fiquei apenas 1 dia no hospital, não recomendo para ninguem.agora sinto duro tipo ums caroços duro no corte e normal? - 07/01/2014 11:47:07

Dalila - Minha 1¿ gravidez, e at¿ 24 semanas, tudo normal, at¿ que derrepente comecei a inchar e minha press¿o teve grande altera¿¿o. Internei para tentar controlar a press¿o, mas n¿o foi possivel. Com 27 semanas, tive que fazer uma ces¿ria as pressas, quanto a cesaria e a recupera¿¿o, foi tudo normal. Bem tranquilo no centro cirurgico, o pos-operatorio tamb¿m. O mais triste e que minha filha n¿o sobreviveu. Hoje faz 15 dias a cicatriza¿¿o foi perfeita, j¿ tirei os pontos e s¿ falta 5 kg para voltar ao meu peso normal. Por¿m tive uma alimenta¿¿o totalmente balanceada ap¿s a cirurgia. Boa Sorte!! E n¿o tenham medo. - 11/10/2013 14:27:49

marah - tive uma cessaria , hoje faz 1 mes e 8 dia como me rcupero pra perde oque engordei a gravidez , e com qanto tempo pode faze relaçao sexual ?só ps da dieta ou tem problema antes? - 08/09/2013 20:41:09

francielle - tive duas cesaria e bom mais a recuperaçao e mais complicada naum penso hem ter mais filhos e muito sofrido .... - 02/09/2013 23:45:38

Ane Bastos - Fiz uma cesariana e laqueadura qual o tempo correto para a relação sexual? Por que após uma laqueadura ainda é possível engravidar?Verdade que se deve usar camisinha durante os dois meses, após o resguardo e por quê?Respondam-me por favor. - 27/08/2013 00:39:40

vanessa lobati - Tenho 27 anos estou na minha 3*gestacao tive 2 partos normais kero a cesariana pelo motivo de fazer a laqueaadura......mas estou com medo,ai nao sei...... - 17/08/2013 23:19:18

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.