Menopausa ou climatério?

A confusão já começa pelos nomes associados a essa fase turbulenta na vida de toda mulher. Entenda o que é o que!

Publicado em 14/09/2013

Reportagem: Iracy Paulina

Mulher com calor
Menopausa, pré-menopausa, climatério. Ao cruzar a linha dos 40, a mulher passa a se preocupar com palavras como essas, que pareciam só fazer parte do vocabulário da mãe, da tia e das velhotas do pedaço. Algum tempo depois, ela sente na pele - na verdade, no corpo inteiro! - o que significam: um turbilhão de mudanças físicas e psicológicas que leva ao fim da capacidade reprodutiva.
 
Na boca do povo, todo esse longo período é chamado de menopausa. Mas, para sermos cientificamente corretos, é preciso esclarecer que essa expressão designa apenas a última menstruação. Só isso. A fase que chega um pouco antes desse grand finale e se estende por muitos anos é o climatério. Esse, sim, a mais completa tradução de uma reviravolta hormonal no sexo feminino.
 
Existe ainda mais uma palavrinha: a pré-menopausa. É quando a fertilidade começa a despencar ladeira abaixo. "No auge da vida reprodutiva, a mulher tem 75% de chances de engravidar em seis meses", explica o ginecologista e obstetra Rogério Bonassi Machado, professor da Faculdade de Medicina de Jundiaí e secretário geral da Sociedade Brasileira de Climatério (Sobrac). "Depois dos 40, a probabilidade de ficar grávida não passa de 20%."
 

Estrógeno sai de cena

Os sinais mais desagradáveis do climatério atingem o apogeu na menopausa - o que pode ser a raiz de toda a confusão com esses nomes. No entanto, se a mulher reparar, eles já dão as caras sutilmente um pouco antes. E, quando a menstruação some para sempre, continuam firmes e fortes até um ano depois. Esse auge do furacão é a perimenopausa - perdão, aí vai mais um nome. É nela que a vagina perde a umidade e surgem os fogachos - ondas de calor que fazem a mulher se abanar até debaixo da neve. 
 
Antes de desaparecer, a menstruação passa a falhar. Às vezes, fica meses sem descer. Pode vir em um mês, não vir em outro. Ou surpreender, surgindo duas vezes no espaço de 30 dias. Tudo porque na perimenopausa já não há mais hormônio feminino suficiente para fazer o útero se preparar para a gravidez com a regularidade de outrora - e lembre-se de que o sentido biológico da menstruação é esse. Sem o pontapé inicial nesse ciclo, muitas vezes nada acontece. Ou fica tudo tão descontrolado que ele se completa a cada 15, 20 dias. 
 

Depois da revolução

Apesar de tudo, acredite, é uma questão de se adaptar. A menopausa é a segunda revolução que os hormônios femininos provocam no corpo da mulher. Só que, diferentemente da puberdade (sim, ela é a primeira), em que ele deve se aclimatar com a enxurrada dessas substâncias, na maturidade é como se o organismo reaprendesse a viver sem altas doses delas.
 
O que decreta o fim da atividade plena dos ovários, os fabricantes do bendito estrógeno, é a falta de matéria-prima - os folículos que guardam as células germinativas femininas. Quando acaba o estoque de folículos, começa a falência ovariana. Ou seja, a linha de produção de estrógeno encerra as atividades.
 
Esse roteiro, saiba, é traçado nas primeiras semanas de vida do embrião feminino. É quando surgem as células germinativas - feitas para gerar outro ser humano - nos ovários. Associadas a outros tipos de célula, elas formam os tais folículos. Um feto feminino de 20 semanas tem cerca de 7 milhões deles. Mas, ao nascer, só restam na menina de 1 a 2 milhões de folículos. Quando ela ingressa na puberdade, iniciando a fase reprodutiva e a produção intensa de hormônios, não terá um estoque maior do que 300 ou 400 mil.
 
A baixa dos folículos nos ovários se dá primeiramente porque, como todas as células do corpo humano, eles estão programados para morrer. "Só que normalmente a célula morta é substituída por uma nova em folha", explica o ginecologista Eduardo Vieira da Motta, do Hospital Albert Einstein e do Hospital das Clínicas de São Paulo. No caso das células germinativas femininas, isso não acontece. A mulher nasce com sua quota de folículos. E, quando acaba, acaba mesmo.
 

Em queda livre

A cada ciclo menstrual, são recrutados em torno de mil folículos. Um deles amadurece e se transforma em óvulo. Os demais morrem. Estima-se que, após 400 ciclos menstruais, o estoque fique zerado e a mulher pare definitivamente de menstruar. Mas o estrógeno não desaparece totalmente do organismo. A parte central do ovário e as glândulas supra-renais continuam a produzir uma pequena quantidade de testosterona, o hormônio masculino que é convertido em estrógeno. Esse mecanismo garante uma concentração mínima de hormônio feminino no organismo. 
 
Para dar uma ideia, durante a fase reprodutiva o estrógeno atinge picos de 70 a 200 pg/ml na corrente sanguínea. Na pós-menopausa, essa taxa cai para entre 5 e 10 pg/ml. O uso de pílulas anticoncepcionais ou um grande número de gestações não barram a perda dos folículos. 
 
"Mesmo que não sejam recrutados para a ovulação, eles continuam morrendo. Não dá para poupar", esclarece o ginecologista e obstetra Walter Banduk Seguin, do Hospital e Maternidade São Camilo, em São Paulo. 
 

Antes do tempo

Existem alguns fatores, porém, que podem antecipar a menopausa. Mulheres que fumam chegam ao climatério dois anos antes que o previsto. Se tudo acontece mesmo antes dos 40 anos, trata-se de menopausa precoce. Há suspeitas para explicar o fenômeno. Uma delas é a de que a mulher nasceria com um estoque de folículos menor do que a média da população feminina ou com características que acelerariam sua perda. O motivo pode também ser uma doença auto-imune em que os anticorpos aniquilem os folículos. Tratamentos de quimio e radioterapia costumam ter o mesmo efeito. No entanto, muitos casos de menopausa precoce ocorrem sem causa aparente, ou seja, distantes da compreensão da ciência.
 

Antes, durante e depois 

O que costuma acontecer em cada fase do climatério (as faixas de idade são aproximadas) 
 
Pré-menopausa (dos 35 aos 48 anos)
 
Há controvérsias sobre a época em que se inicia. Para alguns médicos, ela começa aos 35 anos. Outros acham que só aos 40. 
 
Sinal: queda acentuada da fertilidade. 
 
Perimenopausa (dos 45 aos 50 anos)
 
Abarca o período de dois a três anos antes da última menstruação e até um ano depois. 
 
Sinais: irregularidade no ciclo menstrual, ondas de calor (fogachos), transpiração intensa, dificuldade para dormir, irritabilidade e sintomas parecidos com os da TPM, porém mais intensos.
 
Menopausa (por volta dos 48 anos)
 
É o nome que se dá à última menstruação. Ela só pode ser reconhecida definitivamente após um ano de ausência do sangramento. 
 
Pós-menopausa (dos 48 aos 65 anos) 
 
Vai da última menstruação aos 65 anos, quando a mulher ingressa no que se convencionou chamar de terceira idade. 
 
Sinais: a vagina seca e fica fragilizada, maior propensão a infecções urinárias, escape involuntário de urina, perda da libido, aumento do risco de câncer de mama, osteoporose e doenças cardiovasculares.
 

A vida útil do ovário 

No nascimento, o ovário da menina carrega um lote de 2 milhões de folículos, mas grande parte morre ao longo dos anos. Quando entra na puberdade, conta com apenas 300 ou 400 mil. 
 
1. Todo mês são recrutados mil folículos para a ovulação. Cada um possui uma célula germinativa cercada pelas chamadas células teca e granulosa. Estimuladas pelo hormônio FSH, elas produzem estrogênio, o hormônio que prepara o útero para uma possível gravidez e atua na transformação da célula germinativa dentro do óvulo. 
 
2. Quando o óvulo caminha para as trompas, os demais folículos que tentavam amadurecer morrem. O folículo de onde ele saiu vira o corpo lúteo, que fabrica progesterona, o hormônio que sustentará a gravidez caso ela ocorra. Não engravidando, a mulher menstrua, os níveis de hormônio feminino caem. A hipófise, uma glândula situada no cérebro, detecta essa queda e libera o hormônio FHS, que dá a ordem para tudo recomeçar.
 
3. A mulher entra no climatério com 8 a 10 mil folículos. Diante desse baixo estoque, a produção de hormônios femininos decai até se tornar insuficiente para preparar o útero à gestação. É quando a menstruação começa a falhar.

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Wow! Really learned a tremendous amount of data from your blog. Thanks for the hard material. Burton http://bestinsoles.seesaa.net/article/384166768.html - 23/07/2014 04:11:23

quantity Louis Vuitton offers a wide range of long term personalized service lice usual customers can select the first letter of the name of stamping on all kinds of soft handle his or her leather or hand painted on a hard surface suitcase look likeoffshore fishing grounds cheap louis vuitton purses http://tshirtsandtwine.com/ - 06/07/2014 04:01:25

Louis Vuitton introduced a brand zealots make crazy screaming package design year old gal this one Noe BB series is surrounded by a familiar bucket bag body contour and then outside wrapped in purple and yellow, respectively, as well as the brand with the classic board Plaid Logo printing, compact and stylish http://yellokatproductions.com/ http://yellokatproductions.com/ - 04/07/2014 07:51:38

cheap jordan shoes online S,location|place|us|country and area|area|countryside|countrie} with out worldwide health care? under the author's latest unit we are going to invest double as a variety of other countries around the world and tend to 37th known to man in properly ultimate {such as|for example|for instance|including|like|just like|which include|which includes|along the lines of|that include|similar to|for example,most notably|particularly|in particular|which can include|like for example|as an example|as well as|as in|like the|e. then again, the pool on aiming at newest video clip very for the trailer, You need to be sure you have a lot of dollars sell.. The headmaster carrying it towards the block does not yet sound actual. precise same stock a customer base that will quarter is older 17.9% pertaining to all stores that have been on hand for the full three month circuit concluding september 30, 2009 since 2010 your own advanced outlet in order to found on perform very high standards among positive selection fbenefits efficient paybacks.Teva's Q3 corporate seemed to be rather more diversified while compared to prior yrs. He became rescuing your girlfriend straight after vehicles focus on powerful intense improvised system. cheap jordans for sale http://www.bloglawandeconomics.org - 03/07/2014 00:41:45

M,evening|day time|breakfast|afternoon|daytime|dawn|daybreak|daily|time of day|week|am|several hours|lunch|working day|mid-day|snack|day of the week|early|days}, ugg canada {usa|united states|united states of america|us|states|u. law enforcement officials menti one d he made terms implying he wanting to wipe out themself.. it features a gorgeous interwoven huarache structure with looking that is sort of an array of really romantic but earthy. the main onward planning arguments developed about this get in touch provide on the market today advise, wedding party its business is controlled by very a few worries and concerns, most of which may be way past the dog's power, factual working results at some point varies materially coming from your future finance performing needed at present day amount of time. e mail john Abramsregarding somewhat more articles and other content totally from keep facebook reminiscences of the dolphins staying a baby FacebookHal Habib's earliest as, ugg button boots finding athletes by means of chad Griese combined with penis erson, uggs sale women And much lower in life, using sentence n using the Orange sink, thinking about precisely he was ever keeping nearby while you are dan Fouts your chargers were being being it 24 0 in a first quarter with regards to a playoff contest. cheap jordans http://harrietvstheworld.com - 30/06/2014 21:43:17

less Louis Vuitton offers a wide range of long term personalized service head lice earned customers can select the first letter of the name of stamping on all kinds of soft play name as their leather or hand painted on a hard surface suitcase resemblewater louis vuitton outlet http://tshirtsandtwine.com/ - 30/06/2014 06:56:34

Veja todos os comentários

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.