Dor de garganta, nunca mais! Tire as dúvidas sobre as inflamações na região

Dá para prevenir a dor de garganta? As pastilhas funcionam? Quando devo extrair as amígdalas? Encontre respostas para todas essas dúvidas sobre dor de garganta!

Escrito por

Redação M de Mulher

Atualizado em 04/08/2009 em

Viva! Mais

um conteúdo de

Dor de garganta, nunca mais! Tire as dúvidas sobre as inflamações na região
Belisa Rotondi
Dor de garganta, nunca mais! Tire as dúvidas sobre as inflamações na região

Atenção: quem retira a amígdala não fica 
livre de ter faringite!
Foto: Getty Images

Há prevenção para a dor de garganta?

Sim. 'O principal é não respirar pela boca, o que resseca a mucosa e facilita o alojamento de bactérias', diz o orrinolaringologista Fernando Pochini. Além disso, coma bem e evite entrar em contato com fatores que desencadeiem reações alérgicas em você.

Há mais de um tipo de dor de garganta?

 

Sim! Veja mais informações aqui

 

O que é irritação na garganta?

É uma inflamação, normalmente causada por refluxo, nariz entupido ou poeira que entrou na garganta. Os sintomas são coceira, secura e sensação de que algo arranha. Para não virar infecção, desobstrua o nariz, lave-o com soro fisiológico e beba bastante água.

Qual a duração de cada caso infeccioso?

Quando é viral, permanece entre três e quatro dias. Já a infecção bacteriana dura mais – e é o uso de antibiótico que diminui o ciclo.

Posso usar pastilhas?

A maioria das pastilhas tem anestésico na fórmula, o que ameniza a dor. Entretanto, 'ela não mata o vírus ou a bactéria. Portanto, o melhor é tratar com medicamentos', explica o otorrinolaringologista Ronaldo Frizzarini.

Quando é preciso retirar as amígdalas?

Quando se tem de cinco a sete infecções bacterianas em um ano. Outro motivo acontece quando o pus formado na amigdalite fica represado na amígdala, permitindo que as bactérias se desenvolvam. 'Vale lembrar que quem retira amígdala não está livre de ter faringite', diz Ronaldo Frizzarini.