Pular para o conteúdo principal

PUBLICADO EM

29/10/2014

ATUALIZADO EM

29/10/2014

Processei o banco por ficar demais na fila e ganhei

Lutei por justiça e embolsei R$ 2 mil
Processei o banco por ficar demais na fila e ganhei
Roberta Rodrigues
Processei o banco por ficar demais na fila e ganhei

Claro que é bom ganhar dinheiro, mas ele não paga o estresse que eu passei
Foto: arquivo pessoal

Aproveito o intervalo do almoço no trabalho para ir ao banco. Em 2007, tive o desprazer de ficar quase duas horas na fila de um e não pensei duas vezes: decidi processá-lo. É muita falta de respeito nos fazer perder tanto tempo! E outra: de que forma você vai justificar a demora com o seu chefe depois?

Como eu trabalho no Sindicato dos Bancários, já conhecia a ''lei da fila'' e resolvi usá-la a meu favor. Dei entrada no Juizado Especial Cível, que cuida de pequenas causas, e pedi uma indenização pelo mau atendimento e pela falta de estrutura da agência para atender os clientes.

Nada paga o estresse que senti

Pouco tempo depois, fui chamada para uma audiência, e o juiz me deu razão! Resultado: embolsei R$ 2 mil!

Claro que é bom ganhar dinheiro, mas ele não paga o estresse que eu passei naquele dia! Eu já havia usado o serviço eletrônico do banco. Porém, devido ao limite de valor, eu só poderia fazer outra movimentação na boca do caixa.

Na hora, vi que a fila estava enorme, mas tive que encarar. Quando percebi que ela mal andava, pedi para guardarem o meu lugar e fui reclamar com o gerente. Ele não fez absolutamente nada e ainda falou que eu tinha que aguardar para ser atendida.

Voltei para a fila, indignada, e esperei. Até que chegou a minha vez. Eu já tinha em mãos o extrato com a minha hora de entrada no banco. Depois de ser atendida no caixa, pedi ao funcionário um papel que comprovasse a hora da minha saída. Ele se negou a me dar. Aí, tive a ideia de tirar um extrato no caixa eletrônico. Ainda bem!

Antes de deixar o local, soltando fumaça pelas ventas, pedi para uma pessoa que acompanhou toda aquela demora ser a minha testemunha no processo. Ela aceitou, e deu tudo certo!

Entrei na Justiça por indignação

Foram poucas as vezes em que não enfrentei fila nessa agência. No mínimo, eu levo 15 minutos para chegar até o caixa!

Entrei na Justiça por uma questão de indignação, mesmo. Os bancos têm cada vez menos funcionários e mais máquinas. Quem paga o pato? O cliente! O consumidor precisa saber dos direitos que tem para reivindicá-los! Só assim conseguiremos ser bem atendidos. Eu fiz justiça!

Saiba mais sobre a chamada ''lei da fila''

Em 2005, entrou em vigor, em São Paulo, a Lei Municipal 13.948. Apelidada de ''lei das filas'', ela determina aos bancos que o atendimento nos caixas ocorra em até 15 minutos nos dias normais, 25 às vésperas de feriados e meia hora nos dias de pagamento de funcionários públicos.
Outras cidades, como Vitória, adotaram leis semelhantes.

Vote nas finalistas do 21º Prêmio CLAUDIA

Políticas Públicas

  • Heloísa Helena de Oliveira
    Heloísa Helena de Oliveira

    Monitora e argumenta com políticos para alterar projetos de lei que não favorecem os jovens do Brasil 

  • Maria Clara de Sena
    Maria Clara de Sena

    Única transexual no mundo no cargo de Mecanismo de Prevenção e Combate à Tortura, luta pelos direitos LGBTs 

  • Paula Johns
    Paula Johns

    Fundadora da Aliança de Controle do Tabagismo + Saúde, batalha para controlar o tabagismo  

Cultura

  • Anna Muylaert
    Anna Muylaert

    Diretora do filme Que Horas Ela Volta?, aqueceu a discussão sobre a exploração do trabalho doméstico no Brasil

  • Mari Corrêa
    Mari Corrêa

    Realiza oficinas de cinema em aldeias do Xingu e ensina os índios a registrar sua cultura, história e hábitos

  • Panmela Castro
    Panmela Castro

    Imprime sua arte em murais e performances e oferece oficinas para prevenir a violência contra as mulheres 

Trabalho Social

  • Marineide Silva
    Marineide Silva

    Criou uma ONG para ensinar corrida para mais de 500 crianças e adultos no bairro mais violento de São Paulo

  • Brigitte Louchez
    Brigitte Louchez

    Está à frente de uma ONG que luta para combater a exploração sexual de crianças e jovens em Fortaleza, no Ceará

  • Mônica Azzariti
    Mônica Azzariti

    A fonoaudióloga prepara policiais para que resolvam ocorrências nas favelas sem violência, evitando conflitos

Negócios

  • Cristina Junqueira
    Cristina Junqueira

    Criou o Nubank, cartão de crédito que pode ser administrado pelo celular, dispensa o banco e não tem anuidade

  • Mariana Alves Madureira
    Mariana Alves Madureira

    Trabalha para impulsionar o desenvolvimento econômico de lugares pobres estimulando o potencial turístico

  • Carla Renata Sarni
    Carla Renata Sarni

    Criou uma rede de consultórios que oferece tratamento odontológico a um custo acessível na periferia

  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Treino express da Sabrina Sato para desenhar braços, pernas e abd...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Celebridade do Paquistão é morta pelo próprio irmão, pela “ho...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    Orgasmos, medos e amor: 8 curiosidades sobre como os brasileiros fa...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    A casa da apresentadora Isabella Fiorentino é quase uma escultura ...
  • Este campo genérico trata a saída do campo título do bloco card na view, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    Este campo genérico trata a saída do campo legenda do bloco card, e tem um template específico que está no tema mdemulher.

    O que é destaque no MdM
    O ócio criativo de Gisele Bündchen após a aposentadoria das pass...