(none)

Bia Arantes à CONTIGO!: "Sou muito simples, zero glamour. Minha rotina é pegar no batente"

Bia Arantes, a Cléo de Sangue Bom, é do tipo que escreve poesias, cozinha e faz até faxina. Está sem namorado e quer conhecer o cara certo

Publicado em 24/09/2013

Aline Salcedo

O cabelo vermelho de Bia chegou a ser o mais desejado da TV este mês
Foto: Tabach

O sotaque mineirinho de Bia Arantes, 20 anos, é o primeiro sinal de que existe uma menina muito doce por trás daquele poderoso cabelo vermelho-metalizado. A atriz, que mudou o visual para viver a descolada Cléo na novela das 19h, Sangue Bom, é bem diferente da personagem. "Sou muito simples, zero glamour. Na minha vida real, eu mesma vou ao banco pagar as contas, arrumo a casa, encero o chão, faço faxina, lavo roupa, vou ao mercado e cozinho. Minha rotina é pegar no batente de verdade", revelou a atriz durante o bate-papo com CONTIGO! no hotel Casa Beludi, no Cosme Velho, no Rio.

Para completar, ela ainda escreve poesias de amor. Não é para casar? "Imagine... Mas, se tiver um amigo legal, pode me apresentar", respondeu aos risos. "Sou romântica, acho que tudo envolve amor. Meu maior sonho é ser mãe. Agora não dá, mas, assim que achar o cara certo, ele que se prepare", completou, sempre brincalhona.

Mineirinha no Rio de Janeiro

Mineira nascida na cidade de Piumhi, Bia vivia com a família em São Sebastião do Paraíso, no interior de Minas Gerais, antes de se mudar para o Rio. Nos dois primeiros anos, teve a companhia da mãe. "Imagine uma pessoa de uma cidade com 65 mil habitantes vir morar no Rio. Mas tem sido muito divertido. Ainda é difícil para mim acompanhar certos ritmos. Tem gente que é muito festeira, e eu sou sossegada, caseira. É raro eu sair para balada. Não bebo, não fumo, não uso drogas. Sou mais de ir à casa de amigas e ao cinema. Também leio muito", contou ela, que, desde os 18, vive sozinha num apartamento em Botafogo. "Muita gente me fala que sonha em morar sozinha. Mas não acho mais graça. É bom ter alguém perto. Sou muito carente de família, porque sempre fui grudada em meus pais e no meu irmão. Sempre que dá, minha mãe vem. E, sempre que eu tenho uma folga maior, vou para Minas."

Bia virou atriz, há quatro anos, por acaso
Foto: Tabach / Divulgação

Aberta para o amor

Solteira desde o fim do namoro com o ator Ronny Kriwat, 26, Bia garante que não houve recaídas. "O pessoal fez torcida para voltarmos, mas acabou mesmo. Namoramos dois anos e terminamos há dois. Até sinto falta de namorar, porque é legal ter alguém. Já passei da fase de querer ficar sozinha. Mas tem de ser a pessoa certa, não me desespero", explicou.

Com o fim da novela, em novembro, Bia pretende viajar para Nova York e começar a ensaiar o musical Bandaid, previsto para estrear em 2014. "Vou mudar o visual completamente de novo. Se eu começar a namorar, a pessoa não pode se apegar", concluiu rindo.

Atriz por acaso

Bia virou atriz, há quatro anos, por acaso. Durante uma visita ao irmão, Rafael, 27, no Rio, foi tomar um café com o amigo Sergio Mattos, 50, booker que revelou nomes como Cauã Reymond, 33, e Isabelli Fontana, 30, e surgiu a oportunidade para um teste na TV Globo. "Nunca tinha pensado em ser atriz. Só que, quando parei de fazer balé, aos 13 anos, por causa do joelho, acabei indo para o teatro. O que queria, profissionalmente, era ser psicóloga. Mas achei que valia ir pelo menos para conhecer o Projac. E passei", lembrou ela, que fez Cama de Gato e, depois, Malhação.

ESTA ENTREVISTA FAZ PARTE DA EDIÇÃO 1984 DA REVISTA CONTIGO!, NAS BANCAS A PARTIR DE 25/09/2013.

Hoje, Bia adora a pele branquinha, mas já odiou ser a "Branca de Neve"
Foto: Tabach

Comentários

Os comentários são pessoais e não refletem a opinião do MdeMulher.

Comente

Li e concordo com os termos de uso do site.