17 motivos pelos quais voltar com ex é roubada

'Livre estou, livre estou'. E continue assim, até a ciência já avisou: seja você hétero, lésbica ou bi, voltar com ~aquela pessoa~ é uma péssima ideia.

Ai, os términos! Quase nunca são fáceis e muito provavelmente um dos lados vai sair bem mais ferido do que o outro…

E o que dizer daquela vontadezinha de voltar? Ela sempre vem! Principalmente nas noites solitárias em que nem o Netflix e nem a taça de vinho foram as melhores companhias. Mas quer saber? Seja forte porque, às vezes, retomar o relacionamento do lugar onde ele parou não seja a melhor ideia. Eis os motivos!

1. Para começar é científico: voltar não é o melhor caminho.

De acordo com um estudo da Universidade da Flórida, nos Estados Unidos, voltar com aquele relacionamento do passado é cilada e tem muito mais chance de dar errado do que acontecer o tão sonhado final feliz. Segundo a pesquisa, feita com 979 jovens, apesar de casais ioiô terem relações mais duradouras, as pessoas que decidem voltar geralmente têm autoestima baixa, dificuldades de comunicação e pouca confiança no parceiro. Além disso, são muito mais impulsivas em suas decisões. Elas, por exemplo, depois que voltam, têm uma tendência gigante a fazer escolhas precipitadas do tipo casar ou comprar um cachorro.

2. E, não, a pessoa não mudou.

Sim, as pessoas mudam e evoluem, mas isso não acontece do dia para a noite. Todas aquelas manias que você odiava ainda vão estar lá. E aí, vale a pena?

3. E, calma, você já sabe que estar solteira não é a pior coisa do mundo. É maravilhoso, aliás.

Você sobreviveu! Num primeiro momento estava paralisada, achando que a vida não ia dar certo sem aquela pessoa do seu lado. Grande engano! A roda continuou girando, baby. Não volte duas casas no jogo da vida.

4. Olha só quanto tempo você tem para ficar com seus amigos!

São eles que sempre vão ligar para você no dia seguinte. Nunca ~aquela pessoa~ do Tinder. Nunca o ser humano que ficou com você por alguns anos e nem olha mais na cara. É sempre bom valorizar quem valoriza a gente, não?!

5. Melhor do que isso: quanto tempo você tem para se conhecer!

Quem é você? Do que você gosta? O que você quer? Tire esse tempo chamado solteirice para responder essas perguntas que a vida moderna faz a gente esquecer de fazer.

6. Fazer o que quiser e a hora que quiser não é incrível?

Você que manda no seu tempo livre. Aproveite!

7. Fora que você também evita aquela torta de climão chamada “avisar aos amigos que vocês voltaram” pela enésima vez.

Você chorou para toooodo mundo e fez a cabeça deles de que aquela pessoa É O PIOR SER DE TODO O UNIVERSO. É natural que quem quer ver você bem não esteja disposto a aguentar mais uma volta. É claro, a decisão é sua, mas leve em conta a opinião da galera que te ama de verdade – na saúde e na doença, tá?!

8. Além de não precisar adicionar essa pessoa novamente nas redes sociais.

O século 21 trouxe um novo agravante para os términos de relacionamento: as redes sociais! E já pensou que depois de ter todo aquele trabalho sumindo com todos os rastros daquela pessoa para não sofrer você é obrigado a fazer o caminho inverso?

9. E, assim: você quer mesmo essa pessoa de volta ou gosta da ideia de estar em um namoro?

Não pode ser automático. Não dá para namorar só por namorar. É preciso ter um propósito e é preciso descobrir o que é esse sentimento. Talvez o melhor seja mesmo seguir em frente e sem medo do novo.

10. Esteja ciente de que uma vez decidida a volta, você vai precisar trabalhar muito mais duro para fazer isso funcionar.

Porque não adianta nada continuar do lugar onde vocês pararam. Tem que evoluir e trabalhar o diálogo. Equilibrar as suas vontades com as da pessoa amada. E, olha, não é fácil!

11. Lembre sempre: você já esteve lá, já passou por isso. Vale MESMO a pena?

Não são seus amigos, seu analista ou seu “amor” que vão responder essa pergunta. É você. E seja MUITO sincera consigo mesma, voltar é melhor do que ficar sozinha? Ficar sozinha pode abrir as portas para alguém incrível aparecer!

12. Vale perder todas as conquistas de sua solteirice?

Você viu que é possível, sim, ser feliz sozinha e você é muito boa nisso. É claro que namorar é incrível e, às vezes, bate aquela tristeza “básica”. Mas a decisão de namorar – e voltar com aquele relacionamento – é tão séria quanto decidir comprar uma casa ou mudar de país.

13. Todas as coisas ditas não poderão ser apagadas.

Lágrimas, ofensas e, em alguns casos, até mentiras. Não, não é novela mexicana: é sua vida amorosa. Pense com carinho! 🙂

14. E a chance de não dar certo DE NOVO é imensa.

Muito maior inclusive do que a chance de você ser feliz SOZINHA.

15. Lembra de todas aquelas brigas?

Elas podem acontecer de novo. E de novo. E de novo…

16. E o principal: só amor não é suficiente.

É preciso pé no chão, uma dose de realismo é indispensável e é exatamente isso que falta aos casais ioiô, como bem apontou a pesquisaE se nada der certo, coloque numa balança, os prós desse relacionamento são maiores do que os contras? 

17. Não está convencida? Aqui, 21 motivos por que ser solteira é absolutamente incrível!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s