Essa atitude pode indicar se o seu relacionamento está no fim

De acordo com estudos norte-americanos, há uma atitude específica depois das brigas que é um péssimo, péssimo sinal.

Você briga com seu amor? Pode relaxar: todo casal briga. É com os momentos depois das ~tretas~ que você precisa se preocupar mais. Pelo menos é isso que afirma John Gottman, psicólogo da Universidade de Washington, em entrevista ao site Business Insider.

Junto de Robert Levenson, um psicólogo da Universidade da California, Gottman descobriu que é a presença do desdém que consegue prever com quase 93% de exatidão os casamentos que vão terminar em divórcio.

“Quando você expressa sua frustração sobre o fato de seu parceiro ter comprado a pimenta errada, por exemplo, você ouve quando ele explica que você não especificou o tipo de pimenta que queria?”, propõe o especialista. “Você repensa a situação, e, quando percebe que quem sabe ele está certo, pede desculpas? Ou você faz birra e pensa para si mesmo: ‘Que tipo de idiota não sabe para que serve cada tipo de pimenta’?”. Isso é desdém.

É óbvio que outras questões, como as críticas frequentes, influenciam (e muito) as separações. Mas o desdém, de acordo com os pesquisadores, é como um “beijo da morte”.

Isso acontece porque, ao sentir-se melhor do que seu amor, é muito mais difícil que você consiga se colocar no lugar dele ou dela.

Estas conclusões são possíveis principalmente graças a um estudo feito pelos dois pesquisadores durante 14 anos. Foram analisados 79 casais durante o período, e, através disso, foi possível concluir que o comportamento tido depois de conflitos influencia fortemente a chance de casais continuarem juntos.

Então, na próxima briga, observe se o resultado é empatia ou desdém. Se for desdém, corrija o rumo! E boa sorte.

 

Veja também
  • query_builder
  • query_builder
  • query_builder