Excluir as fotos ou não? O que fazer no Instagram quando a relação acaba?

A decisão é de cada um, obviamente, e não tem nada a ver com ainda amar a outra pessoa.

Sempre que surge o boato de que algum casal famoso se separou, uma forma de checar se está tudo bem ou não é ver se as fotos dos pombinhos ainda estão no Instagram. Se tiverem sido deletadas, já sabemos que a próxima notícia deve ser a confirmação oficial do fim do relacionamento. Também rola de haver a confirmação e só um tempo depois rolar essa “limpeza” no feed.

Na verdade, isso não acontece só com os famosos: entre nós, anônimos, o dilema de deletar ou não as fotos do Instagram depois do fim de um relacionamento também é real.

A empresária Carolina Marins apagou todas as fotos em que aparecia o ex-marido e pai de seu filho quando o casamento de 11 anos acabou. Foi uma decisão difícil, como ela conta: “Pensei muitas vezes antes de apagar fotos em que ele estava com nosso filho ou fotos de festas legais a que fomos. Mas eu não queria correr o risco de ver a cara dele quando estivesse procurando alguma outra foto no meu perfil, porque nossa separação foi traumática, com abuso psicológico.”

De acordo com a psicóloga Marina Vasconcellos, que atende um grupo de amor patológico no PRO-AMITI (Ambulatório Integrado dos Transtornos do Impulso) do Hospital das Clínicas de São Paulo, é justamente a história do fim que acaba determinando a atitude das pessoas em relação às memórias em redes sociais:

“Tudo depende do tempo de relacionamento, do quanto foi bom, do quanto foi traumático. Às vezes, a pessoa quer esquecer que a outra existe, e excluir as fotos de um Instagram ajuda nesse processo.”

Exatamente por isso, deixar as fotos no feed pode significar apenas que o fim foi tranquilo e que não ficaram sentimentos ruins – nada a ver com um amor residual. “Uma foto no Instagram não é um porta-retrato na sala. Pode ser apenas uma foto de que a pessoa gosta, por ser de um momento bom que passou”, observa Marina.

Não se pode apagar o passado

Foi o que rolou com a programadora Jéssica Aline, que optou por deixar as fotos com o ex em seu feed.

“Quando tomei a decisão de tirar as fotos físicas dos porta-retratos de casa, questionei se faria o mesmo processo digitalmente. Minha conclusão foi que, diferente das fotos que eu tinha em casa, que eram objetos de decoração e tinham uma função de apreciação, as fotos digitais têm um significado diferente. Instagram e Facebook são, para mim, uma espécie de registro, então apagar de lá não faria sentido”, pondera. “O relacionamento acabou, mas em algum momento ele aconteceu. Então, desse ponto de vista, é natural que o registro fique lá.”

Excluir as fotos ou não? O que fazer no Instagram quando a relação acaba?

 (rilora/Thinkstock)

E quando um novo relacionamento começar? Será que as fotos podem continuar lá? Jéssica acredita que sim: “Um relacionamento novo não muda o fato de que eu estive em um relacionamento anterior, que coisas boas e ruins aconteceram e inclusive ajudaram a moldar quem eu sou hoje.”

O posicionamento maduro de Jéssica é o gancho para um alerta da psicóloga Marina sobre novos mozões ou mozonas que tentem forçar uma limpeza de feed de rede social. “Ninguém apaga o passado, ele continua existindo. Ninguém pode pedir que o outro ou a outra ‘apague o passado’ em uma rede social. Tem que respeitar a decisão alheia. Esse tipo de exigência pode ser um indício de relacionamento abusivo”, nota.

Indecisa se apaga ou não? Aproveite a função “ARQUIVAR”

Pode ser que seu término tenha sido ok e você esteja em dúvida se exclui ou não as fotos de um ou uma ex em seu feed. Ficar olhando para elas não é exatamente agradável, mas apagar para sempre também parece exagerado.

Neste caso, faça como a publicitária Aline (que pediu para não ter o sobrenome publicado, “para meu ex não ficar se achando, rsrsrs”), que colocou mais de cem fotos no arquivo do Instagram. “Não vou voltar a publicá-las, mas achei meio over excluir de fato. Elas estão ali guardadinhas e tudo bem. Não incomodam ninguém”, explica.

Para arquivar uma foto no Instagram, basta abri-la, clicar nos três pontinhos no canto superior da tela e selecionar a primeira opção, que é justamente “ARQUIVAR”.

Quando quiser ver as fotos arquivadas, basta ir até seu perfil e clicar no símbolo que parece um relógio ao lado de seu nome; é o arquivo. Lá estarão o arquivo de publicações e o arquivo de stories. Fique tranquila: só você consegue ter acesso a essa funcionalidade.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s