Segundo pesquisa, casais que dormem de conchinha são mais felizes

Uma das autoras do estudo acredita que a conchinha funciona como um tipo de "recompensa pós-sexo". Entenda de que forma os pesquisadores chegaram a essa conclusão

Boa notícia para os apaixonados por dormir de conchinha: um estudo publicado na revista Archives of Sexual Behavior concluiu que casais que passam mais tempo agarradinhos após a relação sexual têm relacionamentos mais satisfatórios.

O estudo analisou 335 homens e mulheres que mantinham algum tipo de relacionamento estável. Eles responderam a um questionário sobre satisfação sexual, felicidade no relacionamento e hábitos sexuais.

Em uma segunda etapa, 101 casais responderam a questões sobre a vida sexual e a satisfação em seus relacionamentos durante 21 dias.

Após ponderarem os dados, os pesquisadores encontraram correlações entre a conchinha e a felicidade no relacionamento: nos dias em que os casais passavam mais tempo agarrados após o sexo, os índices de satisfação tanto em relação ao sexo quanto em relação ao dia-a-dia do casal eram mais altos.

Três meses após o fim do acompanhamento diário, os casais voltaram a ser procurados. Os resultados persistiram: casais que fizeram mais conchinhas durante o período da pesquisa apresentaram índices mais altos de satisfação com o relacionamento.

Por quê?

Uma das autoras do estudo diz acreditar que a conchinha funciona como uma espécie de “recompensa pós-sexo”, que gera um círculo virtuoso. “Como ela nos faz sentir bem, é mais provável que façamos tudo novamente, e nos aproximemos neste processo”, explicou Amy Muse à revista Women’s Health.

Este não é o único estudo que sugere que casais que dormem juntos são mais felizes. Outra pesquisa com 1000 casais relatou que 94% das pessoas que dormiam grudadinhas disseram estar felizes com seus relacionamentos, contra 68% das que passavam a noite afastadas.

Sendo assim, se você teve a sorte de encontrar alguém bacana, não tenha vergonha. Exija sua conchinha!

Matéria publicada em Brasil Post.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s