7 passos fundamentais para parar de roer unha AGORA

Se o mau hábito de roer unhas afeta o seu dia a dia, é hora de colocar em prática este plano de ação. Em sete passos e com os produtos certos, você pode se ver livre do problema!

Pode ser o stress do trabalho, a vontade de chegar logo ao final do filme ou, simplesmente, ansiedade. Roer as unhas funciona como um alívio às tensões que você não consegue controlar. Pode ser simplesmente uma mania – ou a maneira como você lida com situações difíceis. Mas começa a virar um problema quando o mau hábito afeta sua autoestima e a sua saúde (as unhas vivem encravadas, os dedos estão em carne viva…). Aí, é hora de parar. Aqui, os sete passos para combater o problema:

1. Tenha fé.

Força de vontade é essencial. Se você não estiver mesmo disposta a parar de roer as unhas, dificilmente vai conseguir. Quando sentir-se tentada a levar os dedos à boca, tente lembrar o quanto os seus anéis ficam muito mais bonitos quando suas unhas estão compridas.

2. Crie uma memória ruim.

Experimente aplicar uma base com gosto e cheiro amargos, que você encontra facilmente em lojas especializadas. Aí, toda vez que levar os dedos à boca, você vai sentir uma sensação ruim. Depois de algum tempo, você será condicionada a associar o hábito de roer unhas a algo ruim. Muito ruim.

3. Anote na agenda.

Comprometa-se com sua manicure semanalmente. Aprecie suas as unhas bem feitas e repare como elas crescem! Toda vez que pensar em roê-las, vai ficar com uma dor no coração…

4. Mantenha as unhas curtinhas.

No início, o ideal é que o comprimento seja menos tentador – bem rente ao dedo. Quando sentir que a situação está sob controle, pode deixá-las crescer!

5. Previna-se.

Leve sempre na bolsa um kit com lixa, alicate, removedor, base fortificante e esmalte. Quando reparar que a unha lascou, o esmalte descascou ou que há alguma pelezinha sobrando, acione suas ferramentas antes de tentar resolver o problema com a boca.

6. Tenha nojo.

Lembre que há muita sujeira acumulada sob as unhas. Quando você coloca o dedo na boca, está carregando uma série de micro-organismos junto. Eca!

7. Prefira esmaltes claros.

Quando a pontinha descasca, o estrago é mais sutil. Logo, a vontade de arrancar o resto com os dentes é menor. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s