Claudia Abreu sobre as rugas: “quero ser uma mulher de verdade”

A intérprete da cantora Chayene na novela global "Cheia de Charme" é capa da edição de maio de 2012 da revista CLAUDIA

Claudia Abreu sobre as rugas: "quero ser uma mulher de verdade"

Claudia Abreu é destaque na edição de maio de 2012 da revista CLAUDIA
Foto: Reprodução/CLAUDIA


Claudia Abreu conquista os telespectadores com sua interpretação da rainha do eletroforró Chayene, da novela global “Cheia de Charme”. Muito diferente da personagem, porém, Claudia se diz vaidosa – mas sem excessos. Confira trechos da estrevista da estrela à edição de maio de 2012 da revista CLAUDIA sobre o tema beleza:

Como você se sente com a sua aparência?
Sem mentira, hoje me acho mais bonita do que quando eu tinha 20 anos. Embora eu veja uma ruguinha aqui e um pneuzinho ali, não tenho mais bochechas e sinto que o meu corpo tem formas mais definidas. Agora sou mais simétrica. A maturidade é um bem-estar. Ela nos dá uma contemplação e uma serenidade que a juventude não permite. A juventude traz aflição.

Muitas mulheres fazem uma série de intervenções no rosto e no corpo em busca da juventude eterna. Você não faz parte desse time?
Graças a Deus, a minha vaidade não me enlouquece. Ela existe, é óbvio! Sou atriz, quero ter uma boa aparência, e às vezes é difícil você ver que o tempo traz mudanças. Mas prefiro que falem da minha ruga do que do meu Botox, sabe? Quero ser uma mulher de verdade, com a minha idade. Eu me cuido, mas o cuidado não pode descaracterizar minha fisionomia, muito embora eu não esteja julgando as mulheres que fazem milhões de retoques. Porque mexer também é uma decisão difícil.
 

Claudia Abreu sobre as rugas: "quero ser uma mulher de verdade"

Claudia Abreu avalia a beleza da sua maturidade nas páginas da CLAUDIA
Foto: Reprodução/CLAUDIA


A atriz Cate Blanchett apareceu com todas as suas ruguinhas na capa da revista americana “Intelligent Life” e foi muito elogiada por isso. Será que estamos vivendo uma mudança no padrão de beleza? Em vez das mulheres saradas, o bonito agora são as mulheres reais?
Talvez seja o fim do ciclo da neurose coletiva em busca da juventude eterna, da histeria da malhação e da onda de paralisar o rosto para reter o tempo. Hoje em dia, inclusive, tem uma história de que, em Hollywood, há dificuldades para escalar mulheres que mexeram muito no rosto. Porque elas ficaram sem idade. Não são jovens e também não são velhas. Mas eu não sou contra fazer retoques se isso traz um alívio. Só acho que é preciso manter o bom senso.

Novidades no mercado
 

Claudia Abreu sobre as rugas: "quero ser uma mulher de verdade"

Novas marcas chegam ao mercado nacional em maio de 2012
Foto: Reprodução/CLAUDIA


O mercado de beleza está com tudo. Nas próximas semanas de maio de 2012, três marcas de maquiagem desembarcam no Brasil. além da Senhora, uma das maiores e mais famosas lojas de beleza do mundo. A CLAUDIA traz em sua nova edição um resumo do que podemos esperar das fabricantes. Confira:

Bare Minerals
Os produtos não têm conservantes, fragrâncias nem parabeno. Todos são feitos à base de minerais, extraídos de diversas partes do mundo.

Nars
Foi criada em 1994 pelo fótgrafo e maquiador francês François Nars e tem como marca registrada a variedade de cores vivas de batons, sombras e esmaltes. “A ideia é incentivar as mulheres a ousar e experimentar mais, sem levar a maquiagem tão a sério”, afirma o diretor artístico global, James Boehmer.

Make Up Forever
Está entre as queridinhas dos maquiadores internacionais e é especialmente conhecida pelos produtos de longa duração. Foi também uma das primeiras marcas a ter o make em HD (high-definition), feito com pigmentos microscópicos e que camuflam imperfeições com naturalidade.