Como as sobrancelhas se tornaram a obsessão de beleza da década

Arcos preenchidos e volumosos que são os novos queridinhos da beleza.

Quando a britânica Cara Delevingne foi considerada a modelo do ano, em 2012, ninguém imaginava que ela se tornaria ícone de beleza por nada menos do que suas sobrancelhas. Bastante preenchidas e levemente bagunçadas, elas viraram uma referência, a tendência explodiu e é um assunto constante dentro e fora das passarelas.

Não por acaso, celebridades que antes exibiam arcos afinados, seguindo a moda dos anos 1980 e 90, passaram a desfilar versões mais grossas e marcantes. “Em pesquisas recentes, descobrimos que as sobrancelhas, por serem a moldura do rosto, estão muito relacionadas à autoestima das mulheres”, defende Cláudia Coral, vice-presidente da Galena, fabricante que tem investido no ramo.

Na busca por tratamentos que retornem as sobrancelhas aos formatos naturais e valorizem a beleza, a micropigmentação se consagrou como a queridinha de celebs como Grazi Massafera e Angelina Jolie. A ideia é desenhar micropelos, seguindo o formato natural de cada pessoa. “O preenchimento das falhas e o ganho de volume são imediatos”, afirma Fatima Bahia, dona da rede FR Microcenter e uma das pioneiras da técnica. Para o formato, o que inclui a espessura e a extensão do que será desenhado, não existe regra. “É um trabalho de visagismo. Levamos em consideração fatores como o tamanho dos olhos, do nariz e da boca para decidir quão alongada e arqueada ficará a sobrancelha”, comenta a designer Juliana Pires, do Blink by Torquatto, no Rio de Janeiro. A aplicação tem valor médio de R$ 1 mil e vida útil de seis a 12 meses, dependendo dos hábitos da cliente. “Produtos com ácido favorecem a renovação celular e, por isso, levam a pigmentação embora mais rapidamente”, explica a dermatologista Vivien Yamada, da clínica Haute, em São Paulo. Grávidas, diabéticos e pessoas com doenças dermatológicas, como lúpus e psoríase, devem evitar o procedimento.

Outro método convidativo para quem tem pelos escassos ou procura por um serviço indolor é o mega-hair de sobrancelhas – com uma cola específica, pelos falsos são grudados aos naturais, dando volume à área. O custo médio é de R$ 200, com duração de até um mês.

As marcas de maquiagem também entraram na onda e, de uns tempos para cá, tornaram as sobrancelhas o foco de seus lançamentos. “Acreditamos que, em poucos anos, os produtos dessa categoria serão mais importantes do que a máscara de cílios, líder no mercado de beleza hoje”, conta Mariana Ishizaka, maquiadora da Benefit. “As mulheres estão descobrindo que as sobrancelhas maquiadas trazem poder e causam uma enorme transformação no visual e na atitude”, completa ela. Ter uma boa ferramenta de cuidado é, inclusive, a saída para quem não quer investir muito dinheiro na transformação do olhar. “É possível dosar os resultados e adequar a correção da sobrancelha de acordo com a situação”, opina Nicolas Degennes, maquiador mundial de Givenchy. “Para um resultado natural, aplique um lápis no dorso da mão e depois esfregue uma escovinha para recolher esse conteúdo. Em seguida, aplique na sobrancelha”, ensina o expert.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s