5 sintomas da Disfunção Temporomandibular

Dor na mandíbula, limitação de abertura de boca, inchaço no rosto e som de estalos ao abrir a boca podem ser sintomas de Disfunção Temporomandibular (DTM)  – que são um conjunto de alterações relacionadas à Articulação Temporomandibular (ATM), que é uma articulação localizada em frente à orelha que permite a movimentação para abertura da boca.

A área, que apesar de resistente, pode ser sensível a movimentos repetitivos. Além disso, a pressão excessiva para mastigar pode ocasionar dores de cabeça, dor de ouvido, zumbido, entre outros, podendo prejudicar as estruturas responsáveis por atividades relacionadas ao abrir e fechar da boca. A pressão pode, inclusive, causar o deslocamento da ATM por esses movimentos repetitivos do côndilo (osso redondo localizado entre o maxilar e o crânio) e assim comprometer o fechamento e a abertura, que permitem o mastigar.  

“A Difunção Temporomandibular é um problema que tem alta prevalência na população, cerca de 30% das pessoas apresentam sinais e sintomas de DTM. Há normalmente dois tipos de tratamento, em casos mais simples utilizamos o que chamado tratamento clínico, que resolve mais de 95% dos casos, porém nos casos mais graves pode existir a necessidade de cirurgia. Antes as correções cirúrgicas só eram possíveis com cirurgia aberta, mas agora temos o tratamento minimamente invasivo, que permite o paciente a retorna as atividades diárias quase que de forma imediata, com menor risco em relação a como eram feitas essas cirurgias no passado”  comenta Fábio Ricardo Loureiro Sato, mestre e doutor em cirurgia bucomaxilofacial.

Para diagnosticar é necessário consultar um profissional especializado que pode verificar os sintomas para confirmar ou descartar o problema e realizar o tratamento mais adequado.

Os principais sintomas da Disfunção Temporomandibular são:

1)   Som de clique ou estalos ao abrir e fechar a boca

A emissão desse som é bem característica e pode ser sentida/ouvida pelo próprio paciente e assim levar a uma consulta onde o especialista poderá confirmar ou descartar.

2)Dificuldade para abrir a boca

Nesse caso, pode-se sentir uma dor intensa ao realizar essa ação. Causando desconforto para abertura e fechamento do maxilar.

 

3) Inchaço no rosto

Isso ocorre quando há um esforço repetitivo para abertura da boca, o que causa dores na região próximo ao ouvido.

4) Enxaquecas fortes e recorrente

Essas dores, quando relacionadas ao movimento da ATM, são mais comuns durante a realização de ações simples como conversar ou mastigar algo.

5)  Dores intensas próximo aos músculos da mastigação e articulação temporomandibular

Acordar com dores intensas no músculo pode não ser tão fácil e nesses casos é hora de procurar um profissional especializado em tempo. Uma das especialidades é o cirurgião bucomaxilofacial, que pode diagnosticar e realizado o tratamento para aliviar essas dores que são intensas para o paciente.